Ir para conteúdo
  • Cadastre-se

Problema de armazenamento do ITunes


samways

Posts Recomendados

Olá, [email protected];

Estou transferindo todas as minhas músicas para um HD Externo. Já fiz todos os procedimentos de mudar o caminho, em preferências. Excluí todos os arquivos do iTunes (músicas que estavam no MacBook). Beleza. Funciona legal com o novo caminho. Porém, cada vez que eu abro o laptop, mesmo conectado com a mídia externa, vou em barra do "Finder>sobre>armazenamento>" e está lá. Todos os 15gb de dados que transferi, estão no MacBook (mesmo se ter acesso) e no HD externo. Ah! Já deletei a pasta iTunes na biblioteca do user e desmarquei a seleção (no iTunes) de consolidar dados. O que tá estranho é que quando boto pra rodar o "whatsize" o volume de dados não bate. Dento do app de manutenção de armazenamento está correto. Não tem os 15gb no iTunes. Alguém pode ajudar este noob aqui? Hahahahahaha 

 

Ps. Se eu desconecto o HD, e vou até "Finder>sobre>armazenamento>" os malditos 15gb continuam lá. Quero liberar espaço e não estou conseguindo.

 

 

Desde já, grato. Boa páscoa!

 

Macbook Air 11' (Intel Core i5 dual core, 1,7GHz - 3MB de cache L3 compartilhado - 4GB de memória DDR3L, 1600MHz, embarcada  - 64GB de armazenamento em Flash) 

Os: macOS Sierra (atualizado em 15/04)

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Respostas 0
  • Criado
  • Última resposta

Top Postadores Neste Tópico

Dias Populares

Top Postadores Neste Tópico

Dias Populares

Participe do debate

Você pode postar agora e se registrar depois. Se você tem uma conta, entre agora para postar com ela.

Visitante
Responder este tópico…

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Limpar editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

  • Quem Está Navegando   0 membros estão online

    • Nenhum usuário registrado visualizando esta página.



  • Conteúdo Similar

    • Por BetoGaleazzo
      Calma! Antes de me crucificar pelo "relativamente simples", deixa eu explicar 😅
      Este tópico trata de uma curiosidade técnica e também de uma esperança para um futuro não distante, rs.
      Há alguns anos atrás se alguém dissesse que era possível aumentar a memória de armazenamento dos iPhones, iPads e iPods, seria instantaneamente taxado de mentiroso, porém com o avanço dos reparos a nível microeletrônico, isso se tornou possível. Não só aumentar o armazenamento, mas também reparar devices com defeitos de memória antes tratados como insolucionáveis (famosos erros 9, 4013 e 4014  do iTunes). O conhecimento começou a se disseminar, ferramentas novas foram sendo desenvolvidas e hoje é comum encontrar esse tipo de serviço em assistências especializadas em reparo de placa lógica.  Eu mesmo que nem me considero um gigante do microscópio, tampouco tenho um laboratório super fancy, faço com certa frequência esse tipo de upgrade e reparo.
      O vídeo abaixo mostra o procedimento de upgrade de armazenamento num MacBook Air 2020 M1. Irei explicar o que ele fez e dizer o porquê de ser mais fácil do que nos dispositivos mobile.
       
      Agora vamos lá. Provavelmente você pensou durante todo o vídeo que esse procedimento não é simples "nem aqui, nem na China" (ba dum tss), mas a real é que é simples, apesar de não poder ser feito pelo próprio usuário como nos Macs antigos. Explico: nos iPhones, iPads e iPods, a placa lógica é bem menor, logo a concentração de componentes é bem maior, o que torna o manuseio da estação de solda a ar mais complexo e arriscado. A chance de espalhar ar quente em componentes que não podem sofrer muito calor é grande, demanda muita prática e técnica. Você pode ver como é feito o procedimento em iPhones neste vídeo. A placa do Mac é bem ampla e os chips de memória estão consideravelmente separados dos demais. Outro ponto é que foi "basicamente" tirar dois chips, colocar dois chips e fazer a restauração. Já nos dispositivos mobile o chip NAND é vinculado a outros componentes da placa, até mesmo ao chip responsável pelo WiFi e Bluetooth, e quando é necessário efetuar o reparo ou fazer o upgrade do armazenamento nesses dispositivos, temos que remover também o chip de WiFi/BT (que também tem seus riscos por ficar próximo a diversos componentes importante) e usar um equipamento nada barato pra copiar dados da memória antiga pra nova (número de série do aparelho e outras informações). Então nesse ponto além de mais complexo quanto a remover os componentes sem danificar outros, também existem mais etapas e mais equipamentos necessários. Eu também não vi no vídeo outras complicações possíveis, causadas pelo chip T2 Security ou algo do tipo. -- Lembrando que este procedimento de troca dos chips de memória NÃO remove iCloud e nem senha de firmware/EFI.
      Já há um bom tempo é comum encontrar no AliExpress os chips de memória NAND dos iPhones em todas as capacidades possíveis, novos ou retirados de outro aparelho que não pôde ser reparado. Antigamente só mesmo removendo de outras placas lógicas que não tiveram reparo. Ainda não existem esses chips do Mac para comprar, e obviamente não deve ter muita placa lógica de M1 "morta" por aí pra remover componentes já que o modelo é relativamente novo, porém existe a possibilidade de que esses chips dos Macs venham a ser vendidos no varejo também. Caso aconteça, estamos falando da possibilidade de fazer upgrade de memória de armazenamento, ou reparar Macs que tenham tido problemas nesses componentes, causados por desgaste, por exemplo. Outro indicativo de que pode começar a rolar em breve, é que já existe stencil de reballing para M1 à venda na China, o que significa que por lá já estão fazendo esses procedimentos com mais frequência, inclusive com memória RAM.
      Nos novos Macs com processadores M1 Pro e M1 Max aparentemente o procedimento é o mesmo. Os chips já estão mais concentrados na placa (como você pode ver aqui aos 3m32s), o que vai demandar maior perícia, mas mesmo assim continua mais simples que nos dispositivos mobile.
      É gambiarra? Não! Se feito por um bom técnico que efetivamente sabe o que está fazendo e tem a perícia necessária, é um serviço indetectável. Há até como reaplicar resina após o reparo pra ficar exatamente como veio de fábrica. O sistema reconhece normalmente o novo armazenamento e não existem efeitos colaterais, como pode ocorrer com a função Hibernar quando se faz uso de adaptadores para SSDs NVME M2 nos MacBooks.
      Briga de cão e gato... A Apple dificultando a vida dos usuários e dos técnicos em relação à reparabilidade, mas há esperança. Como eu disse no início do tópico, um dia iPhones com defeito de placa eram condenados à lata do lixo e hoje tem reparo para quase tudo.
    • Por Osni
      Olá!
      Venho encontrando um problema no meu iPhone. Lembro que havia um bug no iOS 15 que mostrava que o armazenamento estava cheio. No meu caso é o contrário. Tenho um iPhone de 64GB e diz que tem 65,7GB livres. Mais alguém com esse bug? Não quero ter que restaurar pra resolver isso.

    • Por heberdelia
      Boa noite.
      Tenho um MacBook Air 2017 com o MacOS atualizado e utilizo um HD externo SSD da Samsung para backups de arquivos. Ocorre que estou tendo problemas para copiar arquivos do Mac para essa unidade portátil, sendo que todas as vezes uma tela é apresentada (anexo o print abaixo). Porém, quando transfiro arquivos do pendrive para o disco externo, nada acontece e a transferência ocorre normalmente. O que pode estar ocasionando este problema? Quais os procedimentos devo realizar para sanar esta situação? Desde logo muito obrigado pela atenção.

    • Por marchelr
      Boa tarde a todos!
      Desde que saiu o iOS 14.2 o download via iTunes está extremamente lento: às vezes chega a 15 horas! Isto não é problema com minha conexão de internet. O que pode ser e como corrigir?
      macOS: 10.13.6
      iTunes: 12.8.2.3
    • Por Vitória Couceiro
      Boa tarde! Tenho um Mac Air de 121gb de memória de armazenamento e estou tendo um problema porque na análise de armazenamento aparece essa categoria "outro" (print) e eu não consigo localizar de onde vem esses arquivos que estão ocupando mais de 20gb do meu espaço e me atrapalhando para instalar vários programas. Já baixei o OmniDisk e ainda assim nada parece fora do comum... Já fiz inúmeras pesquisas, baixei diversos apps como o cleanmymac e não consigo achar solução!! Se alguém puder ajudar ou teve alguma experiência parecida, por favor dá esse help. 


    • Por Bemhidratada
      Possuo um iPhone SE 16gb, que estava sem memória. 
      baixei o Google Fotos, fiz backup, apaguei todas as fotos e vídeos da galeria. 
      Até aí ok, tudo deu certo. 
      Mas, vi que meu app fotos ainda ocupa mais de 3gb mesmo vazio. 
      O que fazer?

    • Por wuxaos
      Quando eu transfiro pelo pc só aparecem as sem o selo explícito
      e as do apple music quando eu vou tocar pra adicionar aparece isso
      sendo que tudo no meu dispositivo já está permitido (conteúdo explícito)
      Anexei um exemplo de álbum transferido do itunes do pc, no pc o álbum aparece completo, com todas as faixas explícitas e no celular ele meio que "não adiciona" ou não exibe as marcadas como explícitas
       




    • Por hmm_97
      Oi, galera!
      Adquiri o AppleCare+ logo quando comprei meu iPhone, no início do ano passado, com uma assinatura de 24 parcelas mensais, e não fiz a configuração completa do plano para que eu conseguisse utilizá-lo aqui no Brasil. Como já usei meus 2 incidentes, queria cancelar a assinatura, porém, para eu cancelar, preciso mudar o país do iTunes, que no meu é o Brasil, para o mesmo país da assinatura (EUA), e pra fazer isso, pede para eu cancelar tanto minha conta da Apple Tv+ quanto minha conta do Apple Music.
      Alguém sabe um jeito de burlar isso? Meu plano da Apple TV+ vai até dez/2020 e até lá não tenho como mudar o país da minha assinatura.
      Além disso, se eu cancelar minha assinatura do Apple Music vou perder as mais de 1000 músicas que tenho no iPhone!
      Obrigada desde já!
    • Por Del Rei
      Fala, galera.
      Eu tenho um iPhone 8+ e fiz um backup dele há uns 10 dias, no iTunes. Depois fui pros EUA e comprei outro iPhone. Não restaurei nada, apenas fiquei usando como um novo iPhone, e tirei muitas fotos, claro. Ao retornar pra casa, pequei o iPhone novo, conectei ao iTunes e restaurei nele o backup que eu havia feito 10 dias atrás. As fotos novas, tiradas no novo iPhone sumiram. Eu imaginei que fossem mesclar as fotos do backup com as recentes. Mas foram embora. Alguém sabe como resgatar essas fotos recentes que sumiram após a restauração?
    • Por willwalbr
      Começou nesse último sábado(18/5), ao tentar adicionar alguma álbum do Music à biblioteca do iTunes, ele abre uma nova janela(pequena) que fica carregando sem fim… Olhando pelo iPhone aconteceu a mesma coisa, mas a janela consegue carregar o conteúdo, que é uma janela sobre termos e condições, e pede que eu aceite. Depois disso tudo volta ao normal, mas como no Mac jamais carrega o conteudo, fico impossibilitado de fazer qualquer coisa que não seja escutar as músicas. Aconteceu com mais alguém? Alguma solução?
  • Estatísticas do Fórum

    • Total de Tópicos
      53,3k
    • Total de Posts
      443,2k
×
×
  • Criar Novo...