Ir para conteúdo
  • Cadastre-se

Quanto tempo até telas retina se popularizarem?


y0shi

Posts Recomendados

Em geral telas retina começaram a invadir nossas vidas de forma bem silenciosa, começando pelos smartphones, tablets, agora pelos notebooks. Não sei se dá pra considerar um monitor 4k como retina, acredito que sim, mas independente disso o preço deles é bem salgado lá fora, imagina aqui.

 

De tempos em tempos temos várias revoluções no mercado de tecnologia, popularização dos notebooks, wifi, smartphones, etc, e aparentemente a próxima novidade são as telas lotadas de pixels. Na opinião de vocês quanto tempo vai levar até termos uma invasão de telas retina, principalmente aqui no Brasil? Será que isso vai causar uma corrida pra troca de hardware já que praticamente todos os computadores vendidos hoje não suportam telas desse tipo? 

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Respostas 14
  • Criado
  • Última resposta

Top Postadores Neste Tópico

Acho que será uma tendência muito forte e vai ser a mesma coisa com as SSD's ambas são realidades mas ainda caras para equipar nossos brinquedos, só que logo mais elas irão baratear e se popularizar para nossa alegria na aquisição de brinquedos futuros.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Acho que será uma tendência muito forte e vai ser a mesma coisa com as SSD's ambas são realidades mas ainda caras para equipar nossos brinquedos, só que logo mais elas irão baratear e se popularizar para nossa alegria na aquisição de brinquedos futuros.

Poderá ser assim, mas poderá ser como o Blu-Ray, por exemplo, uma tecnologia que era apontada como a grande novidade/tendência do mercado, que acabou por não se popularizar o quanto poderia por causa do seu preço. Eu não entendo praticamente nada, para não dizer nada, de televisões e suas resoluções. Mas acho que o que vai definir a popularização, principalmente aqui no Brasil, será a própria concorrência entre as empresas.

 

Só vejo *necessidade* para um usuário comum ter uma televisão 4K se for muito grande, pois, comparando com uma full HD (1080p) numa TV de 40", por exemplo, não vejo diferença absurda que valha a diferença de preço de uma para outra, por exemplo.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Bom tópico... confesso que ainda não tive oportunidade de ver um monitor com tela retina.. apenas em ipads...

pra quem, como eu, utiliza um mac profissionalmente, há algum ganho em trabalhar com telas de alta resolução?

pro meu trabalho (design, ilustração), mesmo utilizando muita imagem etc não sei se há grande vantagem

 

Claro que se a evolução se tornar inevitável, com o tempo vou acabar adquirindo uma máquina com tela retina, mas no momento é uma característica que não entra como principal diferencial pra mim.. ainda pesa mais o processamento, memória (rapidez)...

e as telas "não-retina" dos macbooks e imacs ainda dão um banho na maioria dos lcds concorrentes.. antes de ter que trocar minha tv lcd por uma led, preferia até assistir filmes no imac do que na tv rs

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Telas de alta resolução já existem faz tempo. O iPod nano de 3º geração tinha uma resoluçõa de 320x240 em 2" e na época era a tela com a maior densidade de pixels do mercado.
O iPod nano 6º geração tem 240ppi, o mesmo que o MacBook Pro 15". Telas com uma grande densidade de pixels fazem mais sentido em aparelhos utilizados bem perto dos olhos, como celulares, tablets e notebooks.

Uma tela de 32" Full HD a 3 metros de distancia pode ser considerada retina, já que não é possivel distinguir os pixels que formam a imagem. 

 

Lembro na época do iPhone 4 e do Galaxy S II, que apesar do S II ter uma densidade menor, achava a tela dele bem melhor que a do iPhone. 

 

A resolução hoje é o mesmo que megapixels em cameras digitais. Ter o maior numero não significa ser tão melhor.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Telas de alta resolução já existem faz tempo. O iPod nano de 3º geração tinha uma resoluçõa de 320x240 em 2" e na época era a tela com a maior densidade de pixels do mercado.

O iPod nano 6º geração tem 240ppi, o mesmo que o MacBook Pro 15". Telas com uma grande densidade de pixels fazem mais sentido em aparelhos utilizados bem perto dos olhos, como celulares, tablets e notebooks.

Uma tela de 32" Full HD a 3 metros de distancia pode ser considerada retina, já que não é possivel distinguir os pixels que formam a imagem. 

 

Lembro na época do iPhone 4 e do Galaxy S II, que apesar do S II ter uma densidade menor, achava a tela dele bem melhor que a do iPhone. 

 

A resolução hoje é o mesmo que megapixels em cameras digitais. Ter o maior numero não significa ser tão melhor.

Concordo com tudo que você falou, e é por isso que não entendo a obsessão pelo 4K em alguns aparelhos televisores e/ou resoluções astronômicas numa dela de, sei lá, 5" de um smartphone. Acho um besteirol essa questão de ter mais e mais ppi numa tela de smartphone, já que a tela Retina dos iPhones, por exemplo, já são o suficiente para muitas pessoas.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Poderá ser assim, mas poderá ser como o Blu-Ray, por exemplo, uma tecnologia que era apontada como a grande novidade/tendência do mercado, que acabou por não se popularizar o quanto poderia por causa do seu preço. Eu não entendo praticamente nada, para não dizer nada, de televisões e suas resoluções. Mas acho que o que vai definir a popularização, principalmente aqui no Brasil, será a própria concorrência entre as empresas.

 

Só vejo *necessidade* para um usuário comum ter uma televisão 4K se for muito grande, pois, comparando com uma full HD (1080p) numa TV de 40", por exemplo, não vejo diferença absurda que valha a diferença de preço de uma para outra, por exemplo.

 

Acho bem diferente a comparação entre o blu-ray e as telas "retina", pois esse primeiro ia na contramão da tendência da tecnologia, que era o streaming ao invés da distribuição física. Já as telas com alta densidade de pixels é um caminho natural. Não digo somente das TVs 4k, mas em dispositivos em geral, notebooks, tablets, smartphones, até a tela do som do seu carro imagino que uma hora terá uma tela "retina". 

 

Uma coisa eu tenho que concordar, os fabricantes estão transformando pixels numa corrida igual aos watts PMPO e megapixels já foram, juro que não entendo pra quê serve um celular com resolução 2k, nem do meu Nexus 4 com 720p pro Nexus 4 que é full hd eu senti uma diferença que realmente valha a pena a troca, imagina 2k rs. 

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Acho bem diferente a comparação entre o blu-ray e as telas "retina", pois esse primeiro ia na contramão da tendência da tecnologia, que era o streaming ao invés da distribuição física. Já as telas com alta densidade de pixels é um caminho natural. Não digo somente das TVs 4k, mas em dispositivos em geral, notebooks, tablets, smartphones, até a tela do som do seu carro imagino que uma hora terá uma tela "retina". 

 

Uma coisa eu tenho que concordar, os fabricantes estão transformando pixels numa corrida igual aos watts PMPO e megapixels já foram, juro que não entendo pra quê serve um celular com resolução 2k, nem do meu Nexus 4 com 720p pro Nexus 4 que é full hd eu senti uma diferença que realmente valha a pena a troca, imagina 2k rs. 

Concordo com você, não tinha me atentado a esse aspecto quando emiti minha opinião sobre o blu-ray. Mas ainda continuo com a ideia de que o 4K só faz sentido realemente para telas muito grandes ou para usuários muito exigentes, ou profissionais que utilizam a imagem em suas profissões. Acho que é o rumo natural as telas irem se tornando "Retina", mas acho desperdício de tempo e tecnologia quando a tecnologia começa a "chover no molhado".

 

Nos celulares, então, nem se fala.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Na minha opinião já são super populares!

 

Desde o iPhone 4 e o iPad 3 já são retina, e estão nas mão de muita gente mesmo!

Acho que poucas tecnologias foram para as mãos de tanta gente como a tela retina através do iPhone e do iPad.

 

Eles estão nas telas pequenas, mas nas médias e grandes ainda não, fora o iPad poucos tablets tem telas "retina", notebooks, PCs e TVs então estão longe disso rs. 

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Na minha opinião já são super populares!

 

Desde o iPhone 4 e o iPad 3 já são retina, e estão nas mão de muita gente mesmo!

Acho que poucas tecnologias foram para as mãos de tanta gente como a tela retina através do iPhone e do iPad.

 

Verdade prezado, pensando por este lado vc tem toda razão.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • 3 semanas depois...

Deve demorar mais que cinco anos. Não é nem questão de preço, mas o consumidor vai se ligar que não tem muito conteúdo ainda pra ver em resolução tão alta.

Em 2005 existia já o HD-DVD, e a tecnologia do BD já era conhecida. Diferente do 4k, o Bluray já tinha diversos filmes sendo lançados até mesmo em Full no ano seguinte. Era caro, mas quem tinha uma condição melhor já podia comprar tudo, e depois da copa a coisa começou a ficar barata. Hoje com o 4k, não.

Outra coisa também é que estamos em época que streaming de filmes é algo totalmente comum na vida das pessoas, e como a internet ainda rola um FullHD com pequeno atraso inicial (pra consumidor comum), vai demorar um tempinho pra rodar 4k

Editado por Deriks
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Participe do debate

Você pode postar agora e se registrar depois. Se você tem uma conta, entre agora para postar com ela.

Visitante
Responder este tópico…

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Limpar editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

  • Quem Está Navegando   0 membros estão online

    • Nenhum usuário registrado visualizando esta página.



  • Estatísticas do Fórum

    • Total de Tópicos
      53,2k
    • Total de Posts
      443,6k
×
×
  • Criar Novo...