Ir para conteúdo
  • Cadastre-se

[Preços] Redação de Carta Aberta à Apple Computer Brasil Ltda.


Posts Recomendados

Outra coisa, brasileiro tem memória fraca demais. A VEJA foi a grande denunciante do governo FHC, contra ministros, contra corrupção.

Quando criticava o governo FHC tinha credibilidade e era citada por Lula e por todo mundo, agora que denuncia Lula, perdeu a credibilidade. Eu não acho sem credibilidade não. Mas não entendo como ela pode ter perdido completamente a credibilidade ao fazer exatamente a mesma coisa que fazia antes.

Para quem não acredita, é só dar uma busca na internet nas capas da revista na década de 1990, para ver a quantidade de capas dedicadas a denúncias de corrupção no governo FHC.

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Respostas 1,1k
  • Criado
  • Última resposta

Top Postadores Neste Tópico

Top Postadores Neste Tópico

Posts Populares

Prezados, Há outros tópicos tratando sobre o mesmo tema, mas como estamos bem avançados no tópico decidi criar esse tópico em que possamos formalizar um documento a ser assinado por qualquer usuário

Olá a todos, sendo fluente em inglês, resolvi ajudá-los com a tradução da Carta. Eu fiz algumas adaptações para que a linguagem fique mais fluída no inglês. Vou colocar a tradução literal das adaptaçõ

Ai, ai, ai... que preguiça... mas não dá: quando alguém me alfineta, embora me dê muita preguiça, algo me faz pensar que tenho que usar meu direito de resposta. Afinal, embora não importe pra mim, pod

Imagens Postadas

Fabio, o lance é o seguinte, o PT comprou o carro pronto, e saiu desfilando, mas quem ralou para construir foi o PSDB. Quem é mais velho, como eu, pode se lembrar que quando o PSDB implantou o plano real, Lula e sua corja tentaram derrubar ele no congresso, depois quando começou a bolsa família, que tinha outro nome, idem. Tudo que hoje Lula apregoa como dele, começou no governo PSDB, e bicho, o brasil estava a décadas lutando contra uma inflação que comia seu salário em dois dias depois que vc recebia.

Nisso eu concordo com você.

Lembro de um dia, em especial, há muitos anos atrás, eu fui de manhã no açougue pesquisar o preço da carne. Não comprei (achei caro) e fui em outros açougues. Acabou que tive que comprar nele mesmo e quando voltei, no final da tarde, o preço já havia aumentado! A inflação estava descontrolada.

Falem o que quiserem do FHC, mas com o plano Real ele conteve a inflação.

"Ah, mas o plano Real foi criado durante o governo Itamar". Ok, mas o FHC era Ministro da Fazenda, e foi nessa época em que o plano Real começou.

Aí, vem o Lula e implementa os bolsas-qualquer-coisa só pra se manter no poder. Afinal, sustentar essa galera toda gera votos.

Link para o post
Compartilhar em outros sites

UK, você tem a sua opinião e respeito, mas se eu quisesse eu poderia rebater cada parágrafo que você postou aí acima, com links, números e artigos; mas não adiantaria nada pois você, como muitos, inclusive eu, estamos ofuscados e não conseguimos enxergar que o mundo é redondo e não achatado.

Números, para mim, não quer dizer absolutamente nada pois cada um vê da forma que quiser, alguns enxergam o copo com 50% cheio de água e outros 50% vazio, 50% água e 50% ar, 33% H diluído + 16% O diluído + 10% O gasoso e etc.

Minha esposa é estatística e, quando ela trabalhava numa empresa de controle de crédito (não vou citar qual), a função dela era redigir relatórios aos clientes de acordo com a visão que a chefe dela queria apresentar; para ser mais prático, ela poderia dizer que uma pessoa com pouca pontuação (no cadastro negativo, pois ainda não entrou o cadastro positivo) pode gerar lucro ou prejuízo para determinado cliente, apenas fazendo análise diferente dos mesmos números e mudando poucos parâmetros nos modelos.

Só digo que, se você quiser ter uma visão mais ampla sobre economia e política precisa ser mais imparcial; ser imparcial na escolha do que está lendo, na escolha que quem escreveu o artigo, ser imparcial na análise da leitura e, principalmente, ser imparcial nos fenômenos e mudanças que ocorrem em nossas vidas.

Creditar méritos ou denegrir imagens é muito fácil, principalmente para os dominantes dos grandes meios de comunicação, se fosse de interesse da imprensa eles poderiam santificar Hitler ou demonizar Gandhi.

John Lennon ERA tido, pela imprensa, o culpado pelo fim dos Beatles, maconheiro, hippie, subversivo e inconsequente, hoje ele É um herói que pregava a liberdade, igualdade e amor ao próximo...

A imprensa cria a imagem, quando e para quem eles quiserem e faz as pessoas acreditarem, como fez com o Collor entre outros.

E a sensação que temos é que essa imagem veio de nós mesmo; esse é o poder da mídia.

Link para o post
Compartilhar em outros sites

Nisso eu concordo com você.

Lembro de um dia, em especial, há muitos anos atrás, eu fui de manhã no açougue pesquisar o preço da carne. Não comprei (achei caro) e fui em outros açougues. Acabou que tive que comprar nele mesmo e quando voltei, no final da tarde, o preço já havia aumentado! A inflação estava descontrolada.

Falem o que quiserem do FHC, mas com o plano Real ele conteve a inflação.

"Ah, mas o plano Real foi criado durante o governo Itamar". Ok, mas o FHC era Ministro da Fazenda, e foi nessa época em que o plano Real começou.

Aí, vem o Lula e implementa os bolsas-qualquer-coisa só pra se manter no poder. Afinal, sustentar essa galera toda gera votos.

Só um detalhe:

O Plano Real surgiu em Maio de 1993 com a criação da URV (Unidade Real de Valor). Em Julho de 1993, o Governo Muda o nome do Cruzeiro para Cruzeiro Real, tentando conter a inflação, cortando três zeros do Cruzeiro. Em 1o de Julho de 1994, já com o FHC como candidato, durante o Gov. Itamar e com Rubens Ricúpero como Min. da Fazenda, o Real entra em Vigor. O Plano Real, original, durou até Janeiro de 1999, quando ocorreu a primeira crise da moeda. O Câmbio que era fixo passou a ser flutuante.

Se tivéssemos seguido o Plano Real original, nosso destino seria como o da Argentina e o famoso Plano Cavallo, de 1991, que durou até 2001. A base desse plano era simples: 1 peso = 1 dólar, sempre.

UK, você tem a sua opinião e respeito, mas se eu quisesse eu poderia rebater cada parágrafo que você postou aí acima, com links, números e artigos; mas não adiantaria nada pois você, como muitos, inclusive eu, estamos ofuscados e não conseguimos enxergar que o mundo é redondo e não achatado.

Números, para mim, não quer dizer absolutamente nada pois cada um vê da forma que quiser, alguns enxergam o copo com 50% cheio de água e outros 50% vazio, 50% água e 50% ar, 33% H diluído + 16% O diluído + 10% O gasoso e etc.

Minha esposa é estatística e, quando ela trabalhava numa empresa de controle de crédito (não vou citar qual), a função dela era redigir relatórios aos clientes de acordo com a visão que a chefe dela queria apresentar; para ser mais prático, ela poderia dizer que uma pessoa com pouca pontuação (no cadastro negativo, pois ainda não entrou o cadastro positivo) pode gerar lucro ou prejuízo para determinado cliente, apenas fazendo análise diferente dos mesmos números e mudando poucos parâmetros nos modelos.

Só digo que, se você quiser ter uma visão mais ampla sobre economia e política precisa ser mais imparcial; ser imparcial na escolha do que está lendo, na escolha que quem escreveu o artigo, ser imparcial na análise da leitura e, principalmente, ser imparcial nos fenômenos e mudanças que ocorrem em nossas vidas.

Creditar méritos ou denegrir imagens é muito fácil, principalmente para os dominantes dos grandes meios de comunicação, se fosse de interesse da imprensa eles poderiam santificar Hitler ou demonizar Gandhi.

John Lennon ERA tido, pela imprensa, o culpado pelo fim dos Beatles, maconheiro, hippie, subversivo e inconsequente, hoje ele É um herói que pregava a liberdade, igualdade e amor ao próximo...

A imprensa cria a imagem, quando e para quem eles quiserem e faz as pessoas acreditarem, como fez com o Collor entre outros.

E a sensação que temos é que essa imagem veio de nós mesmo; esse é o poder da mídia.

Resumindo, como diria Edmond Dantés, personagem de "O Conde de Monte Cristo": Ora podemos ser reis, ora somos peões. Hoje que faz esta comparação é a grande mídia, formadora de opinião.

Link para o post
Compartilhar em outros sites

Só um detalhe:

O Plano Real surgiu em Maio de 1993 com a criação da URV (Unidade Real de Valor). Em Julho de 1993, o Governo Muda o nome do Cruzeiro para Cruzeiro Real, tentando conter a inflação, cortando três zeros do Cruzeiro. Em 1o de Julho de 1994, já com o FHC como candidato, durante o Gov. Itamar e com Rubens Ricúpero como Min. da Fazenda, o Real entra em Vigor. O Plano Real, original, durou até Janeiro de 1999, quando ocorreu a primeira crise da moeda. O Câmbio que era fixo passou a ser flutuante.

Se tivéssemos seguido o Plano Real original, nosso destino seria como o da Argentina e o famoso Plano Cavallo, de 1991, que durou até 2001. A base desse plano era simples: 1 peso = 1 dólar, sempre.

Resumindo, como diria Edmond Dantés, personagem de "O Conde de Monte Cristo": Ora podemos ser reis, ora somos peões. Hoje que faz esta comparação é a grande mídia, formadora de opinião.

Nunca vou me esquecer quando o FHC, que havia acabado de ser reeleito, desvalorizou o Real, que valia U$1 para U$0,50; e na televisão ele anunciou, em rede nacional, que a culpa era do Itamar que não queria pagar a dívida de MG !

Se naquela época eles jogaram a culpa no Itamar hoje eles dizem que fizeram isso pra não quebrar a economia do País... mas não dão o mérito para o Itamar!

No império romano era o "destino" que dizia que o escravo seria sempre escravo e o cidadão romano sempre seria seu mestre; no absolutismo era a igreja católica que dizia que o vassalo tinha que andar na linha e prestar contas ao senhor feudal, hoje é a mídia que diz que o pobre tem que tomar o seu lugar e seguir as ordens do patrão burguês... nada mudou, só os nomes...

Editado por Fabio Seiji
Link para o post
Compartilhar em outros sites

Eu me lembro muito bem tb deste dia. Mas me lembro tb de um dia, semanas antes da eleição, onde FHC avisou que ele, depois da eleição iria fazer coisas do tipo. Avisou que o ano seguinte ia ser muito duro, que haveriam medidas rececivas e duras, avisou que se iam votar nele que ele ia fazer isso.

Nunca vi um político antes, nem depois, fazer isso. Falou na televisão, e em entrevistas para revistas. Eu vi isso pessoalmente, não li na Veja.

Fabio, vc se engana em pensar que eu sou formado por opiniões desta ou daquele revista. Estudei História e Sociologia, e nestes cursos todos são comunistas e idolatram o Hobsbawn, que aliás, tem a magia da palavra, escreve maravilhosamente bem, mas tem opiniões as vezes contaminadas por sua ideologia, já que era comunista. Sempre lia alguns outros livros sobre o mesmo assunto, mas de opções ideológicas diferentes, acredite, a soma de informações lhe dá melhores opções pois a maioria deles não falsifica dados, apenas omite os que não lhe interessam.

Mas vamos lá, que dados vc acha que estão errados? Por exemplo, o PIB, o próprio banco central coloca já o PIB como inferior a 1%, não vejo como nem porquê o próprio governo criaria um dado que vai contra ele. A Inflação está alta, mesmo nos dados do governo. Eu vejo aqui, que a inflação é de aproximadamente 10%, e não vejo os preços crescerem como no brasil, aliás, tenho planilhas de tudo que eu compro aqui, rsrsrs, eu mesmo anoto os preços, não leio na Veja não. E quase tudo que eu compro tem abaixado de preço. A maionese com base de azeite de oliva que eu comprei aqui a primeira vez a meses atrás a 60 pesos, já estou encontrando em vários lugares por 39 e até a 35. Macarrão tb diminuiu. O yogurte cronaprole de 50 pesos já compro por 40. Em média, quase tudo que eu compro, diminuiu um pouquinho. Não sei como funciona o cálculo deles, deve ser baseado em aluguéis, pois os alugueis aqui não param de subir.

No brasil, onde tudo subia de preço quase diariamente quando sai dai (não conseguia tomar uma cerveja duas semanas seguinte pelo mesmo preço em um mesmo bar, sempre subia, nem que fosse 20 centavos), a inflação é de 6% pelo governo. como explicar isso, eu, pelas minhas planilhas ai, estava gastando quase o que eu gasto aqui, acontece que aqui eu pago aluguel. Então, os preços aqui, apesar da ilusão de caros ainda são mais baratos que ai. Os preços, pelo que eu vi, pelo menos para mim, estavam subindo mais que 10% ao ano.

Quando me mudei para BH, antes de sair, gastava 700 reais por mês aproximadamente, quando sai, estava gastando 1600, para viver, compras de super, saidas etc. Fui para BH em 2009, sai em Julho de 2012, então, minha inflação é essa, não quero saber de dados do governo, o que eu sei é que para mim, foi uma inflação de: 128%, muito além da inflação do governo PT.

Não sou influênciável por revistas, mas negar e existência de números, de várias instituições que apontam para o mesmo alvo, e tampar o sol com a peneira.

Não sai dai por causa da economia, sai por causa da violência, mas sei que a economia vai mal, nunca foi aquilo tudo que se falou, e nas vacas gordas esqueceram de resolver os problemas estruturais. Hoje ta ai, ainda resistindo, mas ninguém mais quer investir no brasil, dinheiro ai só entra por causa de juros. O parque industrial está quebrado, ninguém investe ai, todos os chavistas radicais estão mais ou menos na mesma situação. A loca aqui do lado, o chavez mesmo e o brasil.

Tenho uma idéia muito minha de números econômicos, porque eu anoto tudo, sei o preço da cerveja a muitos anos atrás, tenho tudo lá em casa em bh, guardado em cds. Me lembro de quando a cerveja era 0,68 reais.

Que somos vassalos sim, concordo com vc, ainda pagamos nossa corvea, ainda trabalhamos meio ano para este governo corrupto, e o resto do ano pro ladrão que vai roubar a gente na esquina no fim. Nada diferente do fim do império romano e da idade média.

Link para o post
Compartilhar em outros sites

Só uma observação... eu falei que o PIB de São Paulo provavelmente batia todos os países da América LATINA. Ou seja... quem começou a falar de Nova Zelândia viajou na maionese.

Meu ponto era: discutir o resto da América Latina a fim de comparações com Brasil é enfadonho pra caramba... afinal de contas o Brasil pode "peidar" pra todos esses países que não fazem afronta em nada.

Em tempo: Brasil é uma coisa tão louca que brasileiros não deveriam ser considerados "latinos". Qual o esterótipo de latino no mundo? Gente que fala espanhol, é cafona, e dramática. Até concordo que certas partes do Brasil é cafona e tem gente que curte um drama... mas na boa: brasileiro não tem nada a ver com o resto dos moradores do continente... Brasileiro é uma outra raça por completo!

Link para o post
Compartilhar em outros sites

Provavelmente não, o Pib do brasil bate todos os paises da america sim. Mas isso não que dizer nada, a india tb, e é um pais miserável, a africa do sul tb bate praticamente todos, e tb é miserável.

Primeiro, que NZ surgiu o contexto para explicar o PIB percapita, mas pode substituir por Chile por exemplo, que tem o PIB percapita maior que o Brasil, e ainda assim não é primeiro mundo, pelo jeito, vc ainda não entendeu o conceito, não vai adiantar eu explicar de novo.

Pô, vc deve estar a muito tempo fora do brasil, ou do planeta terra talvez, para não achar o brasil cafona, putz, roberto carlos, michel teló, breganejo, funk carioca, novela da globo, xuxa, ana maria brega, estes programas são repetidos juntos com os mexicanos aqui e na argentina direto, são a base da programação deles, brasil e mexico ditam tudo que se faz na america latina, se ela é brega é por culpa dos dois.

Link para o post
Compartilhar em outros sites

Primeiro que só falei do PIB de São Paulo... e é a tal coisa: o Chile pode até ter PIB mais alto... e daí? O Brasil continua a frente do Chile em relação a ser um país mais influenciavel no resto do mundo.

E fora do planeta está você... estava falando sobre cafonália no gênero costume e comportamento. Tudo isso que vc citou não representa de verdade a cultura do Brasil... essas coisas são fenômenos popularescos que jamais vão permanecer. Se vc tivesse um pouco de repertório, teria visto uma representação fiel da cultura brasileira no encerramento das Olímpiadas, onde Marisa Monte vestida de Iemanjá surgiu num carro entoando Ária (Cantilena) das Bachianas Brasileiras nº 5 de Villa Lobos, seguida depois de várias alegorias da cultura indígina e folclórica brasileira, e depois, pra arrematar, foi cerceada de personalidades do cacife de Pelé e ainda a top model Alessandra Ambrósio pra detonar com tudo, e cantou uma música do Jorge Ben Jor. Enfim... na hora do pega pra capar e mostrar o que é Brasil, ainda bem que tem gente de bom gosto que lembra o que o Brasil produz. Infelizmente vc nem deve saber o que é Bachianas e muito menos ALessandra Ambrósio. AHahhahahahaha. Enfim... depois vem falar que México dita alguma coisa... só se for pra cafonália em volta do Brasil, pois até onde sei, méxico só entra naquele lixo do SIlvio Santos em horários ingratos e dão 3 pontos de ibope.

Francamente, viu... a gente ouve cada coisa. Tem gente que não entende mesmo a diferença entre sucesso e êxito.

Link para o post
Compartilhar em outros sites

Primeiro que só falei do PIB de São Paulo... e é a tal coisa: o Chile pode até ter PIB mais alto... e daí? O Brasil continua a frente do Chile em relação a ser um país mais influenciavel no resto do mundo.

E fora do planeta está você... estava falando sobre cafonália no gênero costume e comportamento. Tudo isso que vc citou não representa de verdade a cultura do Brasil... essas coisas são fenômenos popularescos que jamais vão permanecer. Se vc tivesse um pouco de repertório, teria visto uma representação fiel da cultura brasileira no encerramento das Olímpiadas, onde Marisa Monte vestida de Iemanjá surgiu num carro entoando Ária (Cantilena) das Bachianas Brasileiras nº 5 de Villa Lobos, seguida depois de várias alegorias da cultura indígina e folclórica brasileira, e depois, pra arrematar, foi cerceada de personalidades do cacife de Pelé e ainda a top model Alessandra Ambrósio pra detonar com tudo, e cantou uma música do Jorge Ben Jor. Enfim... na hora do pega pra capar e mostrar o que é Brasil, ainda bem que tem gente de bom gosto que lembra o que o Brasil produz. Infelizmente vc nem deve saber o que é Bachianas e muito menos ALessandra Ambrósio. AHahhahahahaha. Enfim... depois vem falar que México dita alguma coisa... só se for pra cafonália em volta do Brasil, pois até onde sei, méxico só entra naquele lixo do SIlvio Santos em horários ingratos e dão 3 pontos de ibope.

Francamente, viu... a gente ouve cada coisa. Tem gente que não entende mesmo a diferença entre sucesso e êxito.

O Brasil é a sexta maior economia do mundo, possui o melhor sistema de combate à pobreza de todos os BRICs e ainda passou praticamente imune às últimas crises globais. É pedir demais que tal qual o JoeD argumenta, o brasileiros tenham um pouco mais de fé em si mesmos.

Caso contrário façam como Carlis Cony, que deixou de crer em Deus depois da derrota do Brasil para o Uruguai na Copa de 50.

Ainda somos vira-latas se agirmos como tal. N. Rodrigues estava certo, ele sempre teve razão. Quando fracassamos em algo buscamos mil motivos para justificar o porquê de termos perdido quando uma simples frase, "eles foram superiores", seria mais simples, mas o que dói é que sempre temos que nos por como cidadãos de segunda linha, membros de uma segunda classe global. Claro, nosso foco é a vida enclausurada num Shopping Center, comendo em Fast Foods de péssima qualidade e comprando à revelia e, claro, fazendo uma fila de mais de 12 horas para comprar o iPhone 5.

Não conheço cidade com melhor qualidade de vida que Montevidéu. Claro que é uma cidade simples, sem as pompas das grandes metrópoles, mas é uma cidade em que se pode desfrutar de áreas como Pocitos, Prado ou Punta Carretas, caminhando pela Rambla, tomando um Mate, e olhando o cair do sol no Rio da Prata.

O PIB do UY é inferior ao PIB do RS e mesmo assim é um país encantador.

Quando a discussão recai em valores políticos, somos cegados pela nossa visão, perdemos a capacidade de observar o que se dá ao nosso redor. Lamentável!

Link para o post
Compartilhar em outros sites

E olha ai o professor de português quem diria, rsrsr, "influenciavel" vc deve ter querido dizer INFLUENTE não é?

E eu não me importo se o Lula ou a Dilma são influentes lá fora, me importo de ter sossego em meu pais, não ter inflação, musica chata me mantendo acordado todas as noites, queimadas destruindo tudo em volta da cidade e mantendo o ar irrespirável por no mínimo 6 meses. Depois que cheguei aqui, nunca mais passei uma noite em claro. Não é um paraíso, nem mesmo um pais de primeiro mundo, mas já melhor o bastante para compensar deixar o brasil.

Bom, meu caro, não só conheço Villa Lobos, com o toco no violão, solado, sei ler música tb, viu meu chapinha, rsrsrs, isso já a pelo menos 20 anos. Bachianas, suítes, Trenzinhos Caipiras, etc. Villa Lobos, Egberto Gismonti e outras coisas do tipo.Vc não sabe realmente nada de mim, ainda bem. Não importa o que vc acha que aparece lá fora, a música brasileira mais tocada no exterior é do Michel Teló, e a mais conhecida.

Cara, vc realmente não entende nada do que a gente fala não, sua interpretação de texto é um tanto estranha, não falei que novela mexicana passa no brasil, o padrão é que é esse. Aqui no Uruguay passam as mexicanas e brasileiras e vou te falar, como as duas estão em espanhol, não vejo diferença nenhuma, o padrão de bobagem é o mesmo. Tirando algumas boas produções o resto é lixo cultural.

Este é o padrão do brasil, show do roberto no fim de ano, duplas sertanejas, carros de som desfilando com o volume a toda até altas horas da madrugada em todos os lugares, com funk de morro carioca ou sertanejo (segundo motivo que sai de lá, nem em cidade do interior vc fica mais livre desta praga).

Coisas que passam? Quando passar me avisa, isso já vai pra 10 anos, e só está piorando.

O brasil sempre esteve entre as 10 ou 12 maiores economias do mundo, já estava nesta colocação na década de 1970, de lá para cá, a violência aumentou, não se construiu nada em saneamento básico, a música ruim saiu da zona e entrou nas casas e nos nossos ouvidos a força, o transito piorou.

O Pib da Islândia de ser menor que o de Gramado, mas lá é primeiro mundo.

Link para o post
Compartilhar em outros sites

Esta conversa de pais grande, pib, é velha. Esta é a mesma estratégia usada na ditadura militar. A ditadura petista atual, que daqui a pouco vai estar a mais tempo no poder que os militares, copiou esta ladainha de brasil grande, "este é um pais que vai pra frente, la la la la la, de uma gente alegre e tão contente".

O incrível é que a população caiu no mesmo truque, 2 vezes, crescimento não sustentável, que deságua em crise, e nos deixou 20 anos no ostracismo. Espero que agora seja diferente. Que as mentiradas como o pré-sal não colem mais.

Mas acho que não vai mudar nda não. O Brasil que tinha ultrapassado a Englaterra em pib, já caiu para baixo dela, e nos próximos 3 a 4 anos deve ser ultrapassado pela índia, que vive na mesma crise mundial que o brasil, mas não deixa de crescer 7%, alias, o mundo todo está na mesma crise, mas parece que ultimamente só afeta pais de segunda, brasil, grécia, venezuela, paraguay, etc.

Link para o post
Compartilhar em outros sites

Como ele sofre, não gente? Fico tão comovido!!!!

E Michél Teló é a música mais tocada lá fora? Só se for no seu quintal... aqui nos EUA o povo sabe o que é Rihanna e umas outras paradas aí... agora Michel Teló, o povo falaria: quem?????????

Enfim... vc fala de interpretação de texto, mas o troféu de interpretação por vias questionáveis a gente sabe que sempre foi pra vc... como havia dito, falava de cafonália em costumes e comportamento... e não em produtos popularescos. E comparar novela mexicana a uma brasileira, que já não é lá grande coisa, é um assinte!

Link para o post
Compartilhar em outros sites

Como ele sofre, não gente? Fico tão comovido!!!!

E Michél Teló é a música mais tocada lá fora? Só se for no seu quintal... aqui nos EUA o povo sabe o que é Rihanna e umas outras paradas aí... agora Michel Teló, o povo falaria: quem?????????

Enfim... vc fala de interpretação de texto, mas o troféu de interpretação por vias questionáveis a gente sabe que sempre foi pra vc... como havia dito, falava de cafonália em costumes e comportamento... e não em produtos popularescos. E comparar novela mexicana a uma brasileira, que já não é lá grande coisa, é um assinte!

Joed

Quando eu peguei o avião de Miami para Manaus eu vi um americano cantando Aí se eu te pego no aeroporto de Miami .

Assisto também a liga de futebol alemã e vejo antes do jogo tocar o aí se eu te pego

Link para o post
Compartilhar em outros sites

O mundo tb está cafona, tinha um alemão aqui em casa, fazendo uma pós graduação aqui em Montevideo, a única música brasileira que ele conhecia era este lixo do teló. E tem coisas piores ou tão ruins, como aquele coreano chato, que virou hit pelo mundo todo.

A última vez que ouvi falar do festival de Jazz de Montreux os brasileiros que iam tocar lá era o Tchan, quando o Tchan ainda existia. No mesmo lugar que o Egberto, o Milton e tantos outros tinham tocado, nunca mais nem quis saber quem ia tocar lá, deve ter no site deles.

Este ano o teló foi mesmo o mais tocado no exterior, de música brasileira, uma lástima, aqui toca, na alemanha, em portugal, na espanha o Cristiano Ronaldo fica dançando e cantando esta música, se espalhou como um virus ou um livro de Paulo Coelho.

Link para o post
Compartilhar em outros sites

O mundo tb está cafona, tinha um alemão aqui em casa, fazendo uma pós graduação aqui em Montevideo, a única música brasileira que ele conhecia era este lixo do teló. E tem coisas piores ou tão ruins, como aquele coreano chato, que virou hit pelo mundo todo.

A última vez que ouvi falar do festival de Jazz de Montreux os brasileiros que iam tocar lá era o Tchan, quando o Tchan ainda existia. No mesmo lugar que o Egberto, o Milton e tantos outros tinham tocado, nunca mais nem quis saber quem ia tocar lá, deve ter no site deles.

Este ano o teló foi mesmo o mais tocado no exterior, de música brasileira, uma lástima, aqui toca, na alemanha, em portugal, na espanha o Cristiano Ronaldo fica dançando e cantando esta música, se espalhou como um virus ou um livro de Paulo Coelho.

No meu canal do YouTube tem o Video dele dançando o aí se eu te pego

Link para o post
Compartilhar em outros sites

UK;

Quanto mais você escreve mais me parece parcial, inclusive entra em contradição com seus próprios conceitos.

Uma hora você diz que os números não podem ser contestados e no mesmo post diz que os números da inflação não te dizem nada.

O que vou te dizer vai mais ao encontro dessa segunda parte: "Os números não dizem nada" pois são mudos, aqueles que tentam interpretar os valores numéricos dão a impressão que querem.

PIB alto ou baixo não quer dizer absolutamente nada, pois se os ricos ficarem mais ricos ainda do que o montante que os pobres ficaram mais pobres o PIB se apresenta positivo mas as pessoas, no geral, ficaram em pior situação, capisce?

Não defendo o Hobsbawn e sequer sou marxista mas também não sou neoliberal (pelo contrário, sou totalmente contra).

Você, que se diz muito instruído, informado e esclarecido deveria saber que essas coisa que te incomodavam em BH pouco ou nada tem a ver com a administração da União e muito mais do Estado e Município.

Cara, gosto dos contrapontos e perspectivas mais amplas que você costuma postar; mas, com todo respeito, muitos dos seus argumentos não são sólidos; muitas conjecturas e interpretações preconceituosas.

Vou repetir o que um amigo meu, comunista, disse para outro amigo meu que defende o PSDB à respeito do Bolsa Família: "Você prefere que o governo dê dinheiro para os banqueiros do que para os pobres."

Link para o post
Compartilhar em outros sites

Joed

Quando eu peguei o avião de Miami para Manaus eu vi um americano cantando Aí se eu te pego no aeroporto de Miami .

Assisto também a liga de futebol alemã e vejo antes do jogo tocar o aí se eu te pego

Miami não é parâmetro... Miami tem mais latino do que americano... logo, uma pessoa cantando Michel Teló em Miami pode ser tão comum quando alguém em Miami cantando Reggaeton.

Ivete Sangalo já fez show no Madison Square Garden... o Roberto Carlos sempre se apresenta em New Jersey e em algumas casas de shows em NYC. Mas isso está longe de dizer que eles são famosos nos EUA, ou que são americanos que lotam seus shows.

O mundo tb está cafona, tinha um alemão aqui em casa, fazendo uma pós graduação aqui em Montevideo, a única música brasileira que ele conhecia era este lixo do teló. E tem coisas piores ou tão ruins, como aquele coreano chato, que virou hit pelo mundo todo.

A última vez que ouvi falar do festival de Jazz de Montreux os brasileiros que iam tocar lá era o Tchan, quando o Tchan ainda existia. No mesmo lugar que o Egberto, o Milton e tantos outros tinham tocado, nunca mais nem quis saber quem ia tocar lá, deve ter no site deles.

Este ano o teló foi mesmo o mais tocado no exterior, de música brasileira, uma lástima, aqui toca, na alemanha, em portugal, na espanha o Cristiano Ronaldo fica dançando e cantando esta música, se espalhou como um virus ou um livro de Paulo Coelho.

Enfim... vc até agora não entendeu nada... já disse que existe uma diferença entre SUCESSO e ÊXITO. Michel Teló não vai permanecer... nem vai ser considerado um Caetano Veloso, João Gilberto, ou qualquer coisa parecida... na hora de falar de Brasil, e pedirem no exterior o que deve representar o país numa solenidade, o Michel Teló não vai entrar lá de terno e começar a solar.

O tal Tchan, que vc usou como exemplo, também tocou ao redor do mundo. E cadê? Qual música do Tchan foi um grande sucesso ao redor do mundo nos últimos 15 anos? É disso que estou falando... e se sair mundo afora perguntando: vc sabe o que é Tchan? Não vão saber...

Mas enfim... vc que não entendeu nada desde o início sobre o que falei, não vai entender agora...

Link para o post
Compartilhar em outros sites

Miami não é parâmetro... Miami tem mais latino do que americano... logo, uma pessoa cantando Michel Teló em Miami pode ser tão comum quando alguém em Miami cantando Reggaeton.

Ivete Sangalo já fez show no Madison Square Garden... o Roberto Carlos sempre se apresenta em New Jersey e em algumas casas de shows em NYC. Mas isso está longe de dizer que eles são famosos nos EUA, ou que são americanos que lotam seus shows.

Enfim... vc até agora não entendeu nada... já disse que existe uma diferença entre SUCESSO e ÊXITO. Michel Teló não vai permanecer... nem vai ser considerado um Caetano Veloso, João Gilberto, ou qualquer coisa parecida... na hora de falar de Brasil, e pedirem no exterior o que deve representar o país numa solenidade, o Michel Teló não vai entrar lá de terno e começar a solar.

O tal Tchan, que vc usou como exemplo, também tocou ao redor do mundo. E cadê? Qual música do Tchan foi um grande sucesso ao redor do mundo nos últimos 15 anos? É disso que estou falando... e se sair mundo afora perguntando: vc sabe o que é Tchan? Não vão saber...

Mas enfim... vc que não entendeu nada desde o início sobre o que falei, não vai entender agora...

Cara, carta aberta nesse tal de Teló e Tchan também!

Brincadeiras a parte (sorry pela falta de crase, até hoje não sei onde fica neste teclado do meu macmini), como é que chegamos nesse assunto?

Será que não é melhor discutir apenas sobre a Carta Aberta neste tópico?

Link para o post
Compartilhar em outros sites

Participe do debate

Você pode postar agora e se registrar depois. Se você tem uma conta, entre agora para postar com ela.

Visitante
Responder este tópico…

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Limpar editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

  • Quem Está Navegando   0 membros estão online

    Nenhum usuário registrado visualizando esta página.




  • Conteúdo Similar

    • Por HTVentura
      Olá pessoal, 
       
      Troco iMac Retina 5k, 27 polegadas, modelo 2017, comprado em 2018 sem uso e lacrado.
      Tenho interesse em MacBook Pro 15" ou 16", com valor de mercado compatível com a troca sem voltas.
      Gentileza enviar MP quem estiver interessado.
       
       
       
       
       
    • Por Fernando Braz
      Praticamente nova, configuração de ponta pra rodar tudo, perfeita para edição e criação.
      iMac (Retina 4K, 21.5-inch, 2017)
      Processador: 3 GHz Intel Core i5 Quad-Core
      Memória: 16 GB 2400 MHz DDR4
      SSD 480GB Kingston
      GPU Radeon Pro 555 2 GB
      Parcelo no cartão com taxas por conta do comprador. Não aceito trocas nem propostas absurdas.



      R$14.999
    • Por pogl
      Olá pessoal!
      Estou vendendo meu iMac Mid 2011 21". Máquina está impecável, caixa original, acessórios, folhetos, adesivos da Apple. Teclado ainda no plástico, nunca utilizado. Quem comprar vai ter a experiência de abrir uma máquina nova.
      Motivo da venda, comprei um iMac 2017.
      Estou pedindo RS$ 3600,00.
      Venda somente para o estado de SP. Máquina está em São Paulo capital.
      Processador: Core i5 2.5Ghz
      Memória: 8GB (4 pentes de 2GB)
      Processador gráfico: GPU AMD Radeon 6750M 512MB
      Tela de 21.5 polegadas 1920x1080 pixels
      HD original de 500GB (atualmente está com SSD de 256GB você escolhe se prefere mais espaço ou mais velocidade).









    • Por danp
      Tudo bem galera? 

      fui formatar o meu iMac (2010) e apaguei o hd dele quando reiniciei segurando cmnd + R, em seguida escolhi a opção de instalar o HighSierra mas apareceu uma mensagem que não era possível conectar (algo assim) e entao eu reiniciei ele novamente e agora fica aparecendo uma pasta com uma “?” e não acontece mais nada. Tentei reiniciar com Cmnd + Option + R mas ele fica um planeta terra rodando e não acontece nada. 
       
      Alguem sabe como resolver? Uso ele pra trabalhar já procurei algumas soluções no google mas não achei nada. 
       
      obrigado!! 
    • Por nandase
      Lá vamos nós para mais uma dúvida, tenho certeza que tenho ascendente em Libra. Então, como disse em postagem anterior, tenho um MBP 15” 2014 confiscado pela patroa, vulgo minha mãe. Diante disso, eu me vi na necessidade de adquirir uma nova máquina. No caso, dentre essas três, qual vcs escolheriam e o porquê?
      Eu sou estudante de Medicina, logo não necessito de grandes programas, mas preciso ter um notebook. Tenho um iPad Pro 2018 e, mesmo com teclado, eu não me vejo usando-o todos os dias, pois ainda sinto falta de algumas características do Mac OS. Tive um MBP 13” 2010 e o 15” 2014, não tenho o que reclamar das duas máquinas. Renderizei uma abertura no After Effects na de 15” que foi tranquilo (Pelo menos não deu pau no computador kkk). Enfim, sem mais delongas:
      Eu, atualmente, tenho condições de ter um computador de mesa, pois o iPad me permite a mobilidade, embora o notebook sempre tenha seu lugar. Não conheço à fundo de configurações para escolher a melhor máquina, por isso minha pergunta. Qual máquina é o ideal? Passei 6 anos com um Macbook e vi muitos notebooks entrando e saindo da minha casa, mesmo de marcas consagradas.
      Até pensei em comprar um PC gamer kkk Jogo de vez em quando alguns jogos no computador, mas nada pesado.
    • Por Ricardo Cefali
      Ola a todos!
      Em épocas de home office, estou usando um iMac (modelo 2017) cedido pela empresa e um monitor LG como segunda tela.
      Como não tenho espaço em casa, meu iMac pessoal (modelo final 2014) esta parado. Pesquisei sobre essa questão de usar um iMac como segunda tela, me pareceu bem simples a configuração, porém, caro. Adaptador Thunderbolt 3 para Thunderbolt 2 e cabo, saem R$450,00 na apple Store.
      Gostaria de saber se alguém já fez essa configuração e se existem opções mais baratas de adaptadores. Vi que adaptadores para cabo Displayport podem funcionar, são mais baratos, mas não é garantido que dê certo. 
      Obrigado desde já.
      Abraço.
       
    • Por Fábio Freire
      Oi galera, tudo bem? 
      Estou na dúvida se vale a pena o iMac 201e late de 27p, conforme a configuração abaixo:
      (valor por volta de 8 mil)
      (Será para uso diário e pacote Adobe como Photoshop e première para edições básicas).
      tela
      Tela de 27 polegadas (diagonal), retroiluminada por LED, com tecnologia IPS, resolução de 2560x1440 e suporte para milhões de cores Processador
      3,4GHz
      Intel Core i5 quad core de 3,4GHz (Turbo Boost até 3,8GHz) com 6MB de cache L3
      Possibilidade de configuração até Intel Core i7 quad core de 3,5GHz (Turbo Boost até 3,9GHz). Memória
      8GB (duas de 4GB) de memória DDR3, 1600MHz; quatro slots SO-DIMM que podem ser acessados pelo usuário
      Configurável para 16GB ou 32GB. Armazenamento1
      Disco rígido de 1TB, 7200 rpm
      Possibilidade de configuração com disco rígido de 3TB, Fusion Drive de 1TB ou 3TB, ou 256GB, 512GB ou 1TB de armazenamento em flash. Chips gráficos
      3,4GHz
      Processador gráfico NVIDIA GeForce GTX 775M com 2GB de memória GDDR5
      Possibilidade de configuração com um processador gráfico NVIDIA GeForce GTX 780M com 4GB de memória GDDR5.  
      Agradeco as considerações 
    • Por marchelr
      Bom dia a todos!
      Fiquei sem ligar meu iMac (modelo 2011, 21”) durante 18 dias por causa de uma viagem. Hoje de manhã, tentei ligar e nada. Não liga de jeito nenhum! Alguma sugestão? Alguma dica?
    • Por Leonardo Correia
      Pessoal, bom dia.. Estou precisando de comprar uma maquina nova urgente, pois uso um MacBook Pro Mid 2009 e estou muito defasado, não está dando mais para trabalhar no photoshop, Ilustrator. Estou querendo comprar um iMac 2019 com a 9ª geração da Intel - R$ 19.000,00 pelo importador sendo que custa R$ 24.000,00 no site da Apple.
      Com essa transição de processadores da Intel para o Silicon Apple, acha que vale comprar essa máquina? sabendo que daqui 3 anos não terá mais atualização de softwares para Macs Intel.
      O que me dizem?
    • Por Del Rei
      Buenas!
      Tenho um iMac 27" 2017 nas configurações abaixo:
      - Processador: i5 3,4 GHz (Turbo Boost de até 3,8 GHz).
      - Vídeo: Radeon Pro 570 4 GB.
      - Memória: 32GB (eram 08 mas fiz upgrade pra 4x8GB).
      - SSD Externo (Samsung M5 1TB) via USB-C por onde rodo o SO (achei assim melhor do que rodar o SO diretamente no Fusion Drive).

      Seguinte... Pras coisas do dia-a-dia, roda numa boa. Mas eu faço algumas edições de vídeo no FCPX que geralmente engasgam quando o projeto começa a ficar com edições mais elaboradas (normalmente os trip vídeos), principalmente em arquivos 4K. Usando o Davinci Resolve então, putz. Parece uma carroça mesmo num projeto razoavelmente simples. Os arquivos da biblioteca estão sempre dento do SSD. Já utilizei proxy, mas além de demorar uma vida criando os proxys, não gosto da qualidade do preview. Enfim, quero ver se consigo melhorar isso.

      Quando fiz o upgrade de RAM achei que fosse melhorar consideravelmente, mas não.... Suspeito que o gargalo esteja sendo no CPU ou GPU. 

      Resumindo minha dúvida: Qual hardware devo focar pra melhorar minha vida nas edições? Novo processador? SSD interno? Mais memória?
      Eu teria como disponibilizar talvez uns 4 mil pra esse upgrade. E acho que não teria coragem de abrir o iMac em casa, então talvez nesses 4 mil estaria incluído o valor da mão de obra...

      OBS: Não trabalho com vídeos, mas sou hobbista de áudio/vídeo. Gravo minhas músicas em casa e edito meus vídeos (tanto de música quanto os de viagens). 
       
  • Estatísticas do Fórum

    • Total de Tópicos
      51.029
    • Total de Posts
      429.691
×
×
  • Criar Novo...