Ir para conteúdo
  • Cadastre-se

7 meses depois o "The New iPad" desaparece. Falha da Apple?


DigDig

Posts Recomendados

Pessoal, 7 meses depois do iPad 3 ser lançado, com tela de retina e tudo mais, o ciclo de lançamento foi quebrado pela Apple que lançou o iPad 4.

Estou realmente muito triste com a empresa. Sei que milhares de pessoas vão dizer: A Apple não se comprometeu com o ciclo de lançamento anual, em março como de costume para os iPads, sendo assim o problema é seu meu amigo.

Sim, é meu o problema. E não gostei do problema.

Espero comprar um produto Apple e ter ao menos 1 ano dele sendo o top de linha. Quem comprou um iPad 1, o iPad 2 nem se fala, sabem disso.

Mas foi uma, desculpe, falta de respeito, uma sacanagem com os consumidores, isto foi.

O iPad 2 (sim, o DOIS) continua sendo vendido, o 3 SUMIU DO MAPA, o 4 foi lançado e será o vendido junto com o dois e o Mini (deixo para falar deste depois).

Assim, como quem não devesse maiores explicações a Apple tirou o New iPad com Retina do mapa e lezou, por causa dos preços de revenda, milhares de consumidores.

Eticamente, ainda mais pelos preços praticados no Brasil, tinha a Apple como uma empresa excelente, mas vem dando muitas mancadas, e estou cada vez mais querendo sair, de vez, deste mundo, e curtir um pouco a Samsung.

Paciência se esgota, e a Apple esta forçando a barra.

O que vcs acham?

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Não vi nada demais, pelo contrário, criou três categorias de iPads. O iPad Mini, o iPad (iPad 2) e o iPad com Retina Display. Isso pode significar que haverá uma atualização sistemática anual, talvez sempre em outubro ou setembro, assim como acontece com os iPads e iPhones, deixando os Desktops e MacBooks para serem atualizados, quando forem atualizados, na WWDC.

É bom lembrar que o foco dos iGadgets é muito mais a Holydays Season que as demais épocas de consumo. O natal mexe na economia de todos os países do mundo, até mesmo os não cristãos ou 100% laicos, pois é comum presentear ou se auto presentear. A Apple criou assim um eixo coerente de lançamentos, mexendo não necessariamente em 100% de seus produtos, mas sim na forma de como esses produtos vão ser atualizados. Em países como os EUA, isso gera uma explosão no consumo, haja vista o sucesso do iPhone 5, o qual, creio, não se repetirá com o New iPad Retina Display, iPad 4a Geração ou como queiram chamar (eu chamo de New iPad Rev. B).

Vale ressaltar que as novas pinturas deixam os brinquedos lindos!

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Não dá pra dizer que quem comprou o Ipad 3 foi lesado. O produto é bom, de qualidade e com certeza atende às necessidades de quem possuí (o maior motivo que faz alguém comprar). Então o lance é esse, seu Ipad 3 (assim como o meu) não ficou pior do que era antes, só tem um melhor que ele a venda. Business cara.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Eu entendo que você não tenha gostado do lançamento, mas lhe faço uma pergunta: você comprou um iPad por ele ser o último modelo, ou por ele oferecer os recursos que você necessita, e atender as suas necessidades?

Não vejo isso como falta de respeito com o consumidor. O problema não é seu. Você pagou por um New iPad, e é o que você continua tendo. Seu produto continua igual, ninguém modificou o seu iPad, a Apple apenas substituiu o modelo na linha de produtos por um novo com algumas melhorias. O único ponto que eu vejo isso afetando o consumidor é no valor de uma possível venda, mas desvalorização do produto é algo completamente normal.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Concordo com o Cristiano e Marcosh72.

se podemos falar que ela errou foi em chamar esse iPad de 4 geração. O que ela fez foi um pequeno up no processador e atualizou o dispositivo para a nova linha de conectores. Agora com o conector novo ela precisa atualizar o máximo de aparelhos possíveis para galera passar a usar o novo padrão.

O New iPad lançado no começo do ano continua sendo um excelente tablet! Eu agora penso em pegar um iPad2 pra mim... já que tela retina e os recursos da 3 e 4 geração não interferem em nada no meu dia-a-dia.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Muita tempestade em copo d' agua para nada. Foi apenas um upgrade interno e a introducao do novo conector.<br /><br />O mais assustado do Novo iPad para o iPad 2 é de fato a tela retina. O mesmo do iphone 3Gs para o 4. Muito mimimi de que "meu produto é velho" sem necessidade alguma. Voce nem vai perceber a diferenca dessas geracoes, e pelo mesmo tempo vai continuar com updates para iOS.

Editado por puding
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Concordo com os companheiros. Tenho um iPad 3 (sim, 3) e não me sinto nem um pouco lesado. Uso-o agora assim como usei-o ontem: com a mesma satisfação.

Aliás, sou mestre em comprar os produtos Apple em fim de ciclo, por uma série de coincidências. Foi assim com o iPad 3, com o MBP, com o 4S... e jamais havia parado para pensar nisso até agora.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Cara que mania algumas pessoas tem em "ter o último modelo". O seu iPad ficou pior por que saiu um novo? No mundo da tecnologia é assim e ponto final. Se você for pensar nisso ou você fica doido ou sem dinheiro.

Estou com meu iPad de primeira geração até hoje e ele me atende. Já sairam depois dele vários outros, mas por enquanto é o que eu tenho e posso ter.

O seu iPad é muito bom e ele vai continuar bom por muito tempo. Acostume-se e não fique de "mimimi".

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Eu imaginava que muitos iam reclamar dessa atualização "precoce" mas é legal ler os comentários dizendo que não acharam ruim, acho que isso mostra um maturamento dos paradigmas do desenvolvimento tecnológico comercial varejista.

Ficar muito tempo sem atualizar, sem inovar e desenvolver; isso sim traz muitos problemas !

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Eu me considerava (e considero) um Apple fanboy, mas não tenho gostado nada das últimas apresentações da Apple. Pulei do meu iPad 1 para o "new (not so new now) iPad" porque estava nos EUA na semana em que ele foi lançado. Mas essa história de lançamentos, cada vez em espaço de tempo mais curto, é mesmo um desrespeito, e acho, realmente, que o Steve Jobs está se revirando no túmulo.

A propósito, gostei de um artigo que li, falando sobre o lançamento do iPad mini, o que reflete o que vem acontecendo com a Apple: "With iPad Mini, Apple Switches From Offense To Defense"

"Now,
Apple is backtracking
. The iPad Mini isn’t even an attempt at an iconic product. And it’s not a smaller-equates-premium 12-inch Powerbook (it doesn’t even have a Retina display). It’s a direct, ground-level battle for turf in a tablet market that veered a bit from Apple’s original path (Apple did a side-by-side on stage of the Mini next to the Nexus!).
It’s the sort of strategy you see from the Samsungs and the Sonys of the world (
or at least, you would, before everyone started emulating Apple’s simpler model), which release 20 SKUs for what’s essentially the same camcorder or Blu-ray player, hitting every $20 price point from $400 to $800
in order to milk dollars from every consumer possible.
" (os grifos são meus).

Link: http://www.fastcodesign.com/1671074/with-ipad-mini-apple-switches-from-offense-to-defense

Editado por Lenar F.
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Relaxa, amigo! No mundo da tecnologia, a cada momento algo inédito é descoberto e isso leva a novos lançamentos!

Não me importo com isso!

Em tempo, meu iPad 1 está aqui sem o iOS 6 e me atendendo perfeitamente.

Meu iPhone 4 também está redondinho!

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Entendo a indignação. O que se discute não é o avanço tecnológico ou se foi uma revisão do "Ipad 3" ou o lançamento de um novo produto. O problema é a falta de critério da Apple.

A empresa é conhecida ou "adorada" porque:

. Seus produtos são revolucionários e com melhor design e acabamento.

. Existe uma política de respeito aos seus clientes.

Quando um consumidor adquire um produto próximo a data de lançamento de uma atualização, ele tem ciência de que comprará um equipamento desatualizado. Porém quem adquiriu o "Ipad 3"recentemente está se sentido traído. Pois poderia aguardar um pouco mais e comprar um produto melhor.

O problema não é ter o produto mais atualizado e sim a sensação de traição. Pois a relação do consumidor Apple é assim. Por isso tenho minhas duvidas se a Apple "não atirou contra o próprio pé". Pois deverá vender muito porém pode ter abalado a relação de confiança de seus consumidores.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Acho que seria desagradável se um recurso do iOS, novo, fosse lançado e não suportasse o de 3ª geração.

Nessa área a tendência agora é essa, compra hoje, amanhã já está "ultrapassado".

Quem tem o Novo iPad pode ficar tranquilo, a maioria dos tablets do mercado sequer conseguem "bater" o iPad 2.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Entendo a indignação. O que se discute não é o avanço tecnológico ou se foi uma revisão do "Ipad 3" ou o lançamento de um novo produto. O problema é a falta de critério da Apple.

A empresa é conhecida ou "adorada" porque:

. Seus produtos são revolucionários e com melhor design e acabamento.

. Existe uma política de respeito aos seus clientes.

Quando um consumidor adquire um produto próximo a data de lançamento de uma atualização, ele tem ciência de que comprará um equipamento desatualizado. Porém quem adquiriu o "Ipad 3"recentemente está se sentido traído. Pois poderia aguardar um pouco mais e comprar um produto melhor.

O problema não é ter o produto mais atualizado e sim a sensação de traição. Pois a relação do consumidor Apple é assim. Por isso tenho minhas duvidas se a Apple "não atirou contra o próprio pé". Pois deverá vender muito porém pode ter abalado a relação de confiança de seus consumidores.

Mas alguns que comentaram aí acima compraram o New iPad e não se sentiram traídos.

Eu comprei um Macbook Pro early 2011 e em alguns meses, no mesmo ano, eles fizeram uma atualização e também não me senti traído.

Os usuários estão se acostumando com esse ritmo de desenvolvimento e é mais respeitoso manter os aparelhos sempre em atualização do que abandonar o projeto (como o MS Zune).

Editado por Fabio Seiji
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

O maior problema nisso, na minha opinião, é a Apple lançar alguma coisa e dizer "só funciona no iPad 4", como ela fez com a Siri no iPhone 4S...

É isso que eu temo. Comprei o ipad 3 no lançamento, mas agora vem esse nova gen. Não gostei da atitude da Apple, ela matou um produto em seis meses!

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

É isso que eu temo. Comprei o ipad 3 no lançamento, mas agora vem esse nova gen. Não gostei da atitude da Apple, ela matou um produto em seis meses!

As pessoas precisam entender 2 coisas:

1) Atualizações rápidas em produtos de tecnologia é perfeitamente normal. A computação evoluiu em alguns anos o que outras áreas levaram décadas ou séculos.

2) Você não precisa ter a última versão de tudo sempre. Seu iPad 3 continua sendo o iPad 3. Vou usar as palavras do Thássius Veloso: "iPad de terceira geração continua com desempenho interessante e visor de alta densidade Retina Display. A Apple não reduz o desempenho dos produtos “antigos” simplesmente por lançar um novo."

Qual é a diferenca prática se o iPad 4 foi lançado 7 meses ou 12 meses após o lançamento do iPad 3?

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Participe do debate

Você pode postar agora e se registrar depois. Se você tem uma conta, entre agora para postar com ela.

Visitante
Responder este tópico…

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Limpar editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

  • Quem Está Navegando   0 membros estão online

    • Nenhum usuário registrado visualizando esta página.



×
×
  • Criar Novo...