Ir para conteúdo
  • Cadastre-se

Importando peça pra MBP - O drama estrelando Receita Federal + UPS


Posts Recomendados

Seria constitucional não fosse a cobrança do ICMS sobre um produto com o Imposto de Importação já embutido no preço. Até aí estou de pleno acordo, mas a constituição e o CTN vedam a bitributação. Aqui temos a inconstitucionalidade. A base de cálculo do ICMS e do Imposto de Importação devem ser divididas e o cálculo feito em separado, depois somado ao valor final do produto. Senão, fica imposto sobre imposto.

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Respostas 56
  • Criado
  • Última resposta

Top Postadores Neste Tópico

Top Postadores Neste Tópico

Posts Populares

Regra para pagamento de Imposto de produtos importados por pessoas Físicas. O imposto incide sobre o valor do produto + frete, chamado de Valor Aduaneiro. Primeiro é calculado o Imposto de Importaçã

Eu acho que quem precisa cair na real é vc, que aparentemente não sabe fazer interpretação de texto. Eu sempre soube que teria de pagar imposto. Em relação a isso, não havia bronca nenhuma. Porém paga

Sem querer me meter, e já fugindo do tópico, o Burger King é uma empresa, hoje de capital brasileiro e o colega JoeD compra a peça onde ele quiser, da forma como ele quiser e tem o direito, dentro das

Colega, já estamos entrando no juridiquês, que não leva a lugar nenhum :P , somos muito chatos, hehehe... Mas veja, bitributação é a dupla tributação sobre o mesmo fato gerador, não necessariamente sobre a mesma base de cálculo, e também não se confundindo com um tributo integrar a base de cálculo de outro.

O IPI+ICMS é algo bem comum, ou como no caso do colega, II (FG=importação)+ICMS (FG=circulação de mercadoria). Isso não é bitributação pois são fatos geradores diferentes, embora ambos incidam sobre o valor do produto, ainda que o II e o ICMS integrem o cálculo do ICMS.

Seria bitributação se, por exemplo, no seu caso, comprou um produto que veio dos EUA e sofreu tributação do ICMS em SP (onde desembarcou no Brasil) e no RS (onde você mora). Outro caso comum é quando não se sabe se um imóvel é rural ou urbano, com a União cobrando o ITR e o Município IPTU (ambos impostos sobre a propriedade imobiliária).

A Constitução, como eu mostrei, diz expressamente que o ICMS pode integrar a própria base de cálculo. E a legislação aplicável diz que um tributo entra na base de cálculo de outro. Isso não deixa de ser absurdo (algo de que nossa Constituição está cheia), contribuindo para que o ICMS seja a maior bagunça tributária do Brasil, MAS está prevista na Constituição e é correto, do ponto de vista legal.

É absurdo? Sim. É ridículo? Sim. É escorchante, confuso e desanimador? Com certeza. Mas do ponto de vista da Lei, está correto.

Link para o post
Compartilhar em outros sites

Colega, já estamos entrando no juridiquês, que não leva a lugar nenhum :P , somos muito chatos, hehehe... Mas veja, bitributação é a dupla tributação sobre o mesmo fato gerador, não necessariamente sobre a mesma base de cálculo, e também não se confundindo com um tributo integrar a base de cálculo de outro.

O IPI+ICMS é algo bem comum, ou como no caso do colega, II (FG=importação)+ICMS (FG=circulação de mercadoria). Isso não é bitributação pois são fatos geradores diferentes, embora ambos incidam sobre o valor do produto, ainda que o II e o ICMS integrem o cálculo do ICMS.

Seria bitributação se, por exemplo, no seu caso, comprou um produto que veio dos EUA e sofreu tributação do ICMS em SP (onde desembarcou no Brasil) e no RS (onde você mora). Outro caso comum é quando não se sabe se um imóvel é rural ou urbano, com a União cobrando o ITR e o Município IPTU (ambos impostos sobre a propriedade imobiliária).

A Constitução, como eu mostrei, diz expressamente que o ICMS pode integrar a própria base de cálculo. E a legislação aplicável diz que um tributo entra na base de cálculo de outro. Isso não deixa de ser absurdo (algo de que nossa Constituição está cheia), contribuindo para que o ICMS seja a maior bagunça tributária do Brasil, MAS está prevista na Constituição e é correto, do ponto de vista legal.

É absurdo? Sim. É ridículo? Sim. É escorchante, confuso e desanimador? Com certeza. Mas do ponto de vista da Lei, está correto.

Cara, do ponto de vista lógico tens razão. Tanto que eu sempre ganho em 1a instância (sempre mesmo, seja aqui ou SP), perco em 2a instância... chega em Brasília, direto por REsp ou RE ou por Agravo e ganhei uma vez apenas em mais de 50 questões idênticas... em importação na modalidade FOB! Coisas da vida... hehehe... e do dia a dia nos tribunais!

PS: Não sou tributarista, portanto peço que sigam o ponto de vista do colega. Minha área é Direito do Consumidor e afins!

Editado por Gustavo Jaccottet
Link para o post
Compartilhar em outros sites

Para importação com Empresas de Couriers, o imposto sempre vai beirar os céus de altura.

Tive uma infeliz experiência com a compra de um Produto da Westone (um in Ear Monitor), produto pequeno, de embalagem pequena, mas de alto valor (340 dólares), no eBay.

o mais cômico de tudo, foi que consegui realizar a compra de risco, com entrega pelos correios comuns americano, mas com opção para rastreio. Após uma espera relativamente pequena, o produto chegou em minhas mãos, mas com defeito.

Precisei enviar de volta, fui orientado a fazê-lo através da Fedex, e ai começou minha dor de cabeça.

a história detalhada de todo o ocorrido encontra-se na comunidade do Orkut "Fones de ouvido High End":

http://www.orkut.com/Main#CommMsgs?cmm=22823299&tid=5528327233049518467&na=1&npn=1&nid=

Não há contestação. Caiu na mão do fiscal. JA ERA. ou você paga, ou seu produto fica retido / apreendido, com risco de você ter que pagar ainda, uma espécie de imposto sobre a armazenagem do produto.

Peguei informações de TODAS as pessoas possíveis, inclusive de um grande amigo que me auxiliou bastante, que prestava serviços no aeroporto de guarulhos e conhecia o pessoal e o procedimento adotado para casos assim.

No final não teve conversa. Precisei ARCAR com os custos aduaneiros. e é isso mesmo: 110% do valor total com os malditos Couriers! Como o pessoal da Westone prestou um exelente atendimento e suporte pós venda (ao contrário da qualidade dos 3 produtos que chegavam nas minhas mãos e em seguida eram devolvidos ou reclamados por cada um ter um defeito diferente), me proporam a pagar todas as despesas, e me deram o fone defeituoso (que um simples reparo caseiro acabou resolvendo o problema), e enviaram o produto correto.

Esse e um resumo da história, pois foi bem longa e me gerou bastante transtorno.

Tive uma outra "compra" vinda do exterior (Japão), que foi taxada também, o produto se tratou de uns botõezinhos para telas de celualr touch que um grande amigo meu me enviou, coisa barata que não valia apena pedir uma nova análise da receita (sim é possivel pedir uma re-anáise). O Envio ? correios comum sem rastreio. O Valor? 12 Dólares. Sim, foi taxado. Época? Outubro de 2011 (proximidades de fim de ano).

Espero que um pouco dessa história possa ajudar em alguma coisa.

Link para o post
Compartilhar em outros sites

Valor da mercadoria + frete = base de calculo do Imposto de importação 60%

Valor da mercadoria + frete + imposto de importação = base de calculo do icms 17%

Mas em casos como a DHL e UPS, e outras, há a taxa administrativa e o ICMS varia de estado para Estado.

Amigos,

Agora eu fui vítima disso tudo. Em maio comprei pelo Amazon a saga Senhor dos Anéis, Edição Estendida, em Blu-Ray. A DHL me entrega o produto e tudo bem. Nada me foi cobrado, isso em 21 de Junho. Dia 30 de Agosto recebo uma notificação, para pagar um boleto até o dia 31 de Agosto, no valor de R$180,00, mais multa. Ocorre que o boleto não pode ser pago, pois já passaram os 60 dias e não consegui gerar um novo boleto.

A questão é que realmente devo o valor do imposto, mas nada me foi cobrado, a mercadoria foi entregue e eu recebo a cobrança 3 meses depois. Ora, como isso? A DHL sempre enviava os boletos antecipadamente. Entro em contato com todos os setores da DHL e nada. Resultado, vou fazer o pagamento via depósito judicial. Detalhe: preço do Box, USD 70.00, preço de todas as tarifas, R$180,00, R$45,00 só de taxas administrativas da DHL.

Abraços!

Link para o post
Compartilhar em outros sites

Quanto à questões da transportadora, é mesmo muito suspeita essas práticas das couriers. A exemplo eu comprei uma GoogleTV que custou $112 + uns 20 dolares para envio no eBay que veio por UPS e simplesmente não foi taxado NADA. Demorou uns 40 dias para chegar e foi tranquilo. Claro que se desse problema de extravio eu não iria querer nem saber "quem pariu Mateus", iria acionar o seguro eBay ou PayPal.

Em contra partida nessa enpolgação comprei tb uma AppleTV 3g, pois aqui no Brasil seu lançamento estava matracado e amarrado de corda. Eu na ansiedade perguntei ao gringo como estavam as vendas para o Brasil, ele caiu na besteira de me tranqüilizar, e me vendeu. Fez tb a merda de enviar via FeDex e ainda declarando valor irreal/menor. Resultado: segundo a FeDex me foi informado que PODERIA ser taxaddo, e foi taxado, e com toda a ROBALHEIRA (deles e da RF) o aparelho ficaria por quase R$800,00 reais. Vê se pode?! Para tirar e adiquirir o produto eu teria q pagar o RESGATE DO SEQUESTRO às duas quadrilhas, sem saber qual delas era a que estava sendo mais hedionda. "Engraçado" eles colocarem como possibilidade, porém com eles, no final SEMPRE ocorre a tributação, invariavelmente. Vai te "catar"...

Bom, deixei de lado as negociações do sequestro com a FeDex, e partir para o fornecedor ("eBay"). Resolvi o problema alegando tb a má conduta dele em declarar valor indevido etc, e como eles prezam e respeitam a reputação no eBay, imediatamente pagaram todo o resgate do sequestro (taxas e retorno) e me estornaram TODO o valor do investimento.

O final feliz dessa historia é: aprendi (graças a Deus) sem custo que confiar nessas couriers é um tiro no pé e no escuro; E nunca mais compro nada que venha por elas.

Link para o post
Compartilhar em outros sites

Quanto à questões da transportadora, é mesmo muito suspeita essas práticas das couriers. A exemplo eu comprei uma GoogleTV que custou $112 + uns 20 dolares para envio no eBay que veio por UPS e simplesmente não foi taxado NADA. Demorou uns 40 dias para chegar e foi tranquilo. Claro que se desse problema de extravio eu não iria querer nem saber "quem pariu Mateus", iria acionar o seguro eBay ou PayPal.

Em contra partida nessa enpolgação comprei tb uma AppleTV 3g, pois aqui no Brasil seu lançamento estava matracado e amarrado de corda. Eu na ansiedade perguntei ao gringo como estavam as vendas para o Brasil, ele caiu na besteira de me tranqüilizar, e me vendeu. Fez tb a merda de enviar via FeDex e ainda declarando valor irreal/menor. Resultado: segundo a FeDex me foi informado que PODERIA ser taxaddo, e foi taxado, e com toda a ROBALHEIRA (deles e da RF) o aparelho ficaria por quase R$800,00 reais. Vê se pode?! Para tirar e adiquirir o produto eu teria q pagar o RESGATE DO SEQUESTRO às duas quadrilhas, sem saber qual delas era a que estava sendo mais hedionda. "Engraçado" eles colocarem como possibilidade, porém com eles, no final SEMPRE ocorre a tributação, invariavelmente. Vai te "catar"...

Bom, deixei de lado as negociações do sequestro com a FeDex, e partir para o fornecedor ("eBay"). Resolvi o problema alegando tb a má conduta dele em declarar valor indevido etc, e como eles prezam e respeitam a reputação no eBay, imediatamente pagaram todo o resgate do sequestro (taxas e retorno) e me estornaram TODO o valor do investimento.

O final feliz dessa historia é: aprendi (graças a Deus) sem custo que confiar nessas couriers é um tiro no pé e no escuro; E nunca mais compro nada que venha por elas.

Pois é. Eu dependo da DHL em especial para encomendas para o Uruguai, porque pelo Correio demora algumas semanas, assim sou refém da DHL. Quanto ao que se passou comigo, os valores declarados estão corretos e eu reconheço o valor do imposto, mas cobrar BRL 45.00 de taxa administrativa de um produto cujo valor é USD 70.00, pesa pouco mais de um quilo, ora, é um absurdo! Vou depositar em juízo a quantia que entendo devida e pronto. O resto, que briguemos no judiciário, já fiz a notificação e amanhã vou ao Banrisul fazer o depósito. Não confio também, mas enquanto o correio não melhorar, fazer o quê!

Sobre a FedEx, é a melhorzinha de todas, porque o reembolso é pelo menos discriminado em uma fatura bem explicada.

Link para o post
Compartilhar em outros sites

É meus conterrâneos, pelo visto nosso Brasil dificilmente irá melhorar. O problema é que brasileiro "toma no tóba de pede desculpas por estar de costas"... Sempre são as mesmas cantigas: "a conta esta certa.... quando a receita taxa, fica em +- 110% mesmo... ja cai algumas vezes e sempre fica nisso!", "Sobre a FedEx, é a melhorzinha(...)"

Mais anteriormente teve outras pérolas... Assim, de boa: é muito CONFORMISMO, ESTOCOLMISMO!!! Vamos ser reativos, reacionários contra esse sistema, senão nunca muda nada (olhaê as eleições hein?!)

Eu sou adépto de BOICOTES. Se fizermos corrente, com força e união vencemos ou abalamos as estruturas.

Não vou entrar pelo mérito da questão, mas há um tempo circulou por email uma corrente contra postos de gasolina BR, para forçar baixar os preços. Desde então (uns 10 anos) eu nunca mais abastecí em postos BR. Salvo tanque reserva 2/3 vezes na vida. Ouvi por aí que surtiu resultados. Sendo verdade ou não, continuo acreditando na luta contra o absurdo que é a própria distribuidora abusar nos preços...

Link para o post
Compartilhar em outros sites

Para importação com Empresas de Couriers, o imposto sempre vai beirar os céus de altura.

Tive uma infeliz experiência com a compra de um Produto da Westone (um in Ear Monitor), produto pequeno, de embalagem pequena, mas de alto valor (340 dólares), no eBay.

o mais cômico de tudo, foi que consegui realizar a compra de risco, com entrega pelos correios comuns americano, mas com opção para rastreio. Após uma espera relativamente pequena, o produto chegou em minhas mãos, mas com defeito.

Precisei enviar de volta, fui orientado a fazê-lo através da Fedex, e ai começou minha dor de cabeça.

a história detalhada de todo o ocorrido encontra-se na comunidade do Orkut "Fones de ouvido High End":

http://www.orkut.com...na=1&npn=1&nid=

Não há contestação. Caiu na mão do fiscal. JA ERA. ou você paga, ou seu produto fica retido / apreendido, com risco de você ter que pagar ainda, uma espécie de imposto sobre a armazenagem do produto.

Peguei informações de TODAS as pessoas possíveis, inclusive de um grande amigo que me auxiliou bastante, que prestava serviços no aeroporto de guarulhos e conhecia o pessoal e o procedimento adotado para casos assim.

No final não teve conversa. Precisei ARCAR com os custos aduaneiros. e é isso mesmo: 110% do valor total com os malditos Couriers! Como o pessoal da Westone prestou um exelente atendimento e suporte pós venda (ao contrário da qualidade dos 3 produtos que chegavam nas minhas mãos e em seguida eram devolvidos ou reclamados por cada um ter um defeito diferente), me proporam a pagar todas as despesas, e me deram o fone defeituoso (que um simples reparo caseiro acabou resolvendo o problema), e enviaram o produto correto.

Esse e um resumo da história, pois foi bem longa e me gerou bastante transtorno.

Tive uma outra "compra" vinda do exterior (Japão), que foi taxada também, o produto se tratou de uns botõezinhos para telas de celualr touch que um grande amigo meu me enviou, coisa barata que não valia apena pedir uma nova análise da receita (sim é possivel pedir uma re-anáise). O Envio ? correios comum sem rastreio. O Valor? 12 Dólares. Sim, foi taxado. Época? Outubro de 2011 (proximidades de fim de ano).

Espero que um pouco dessa história possa ajudar em alguma coisa.

Oi eduardogarcia234, obrigado por participar.

Não sei se vc leu todos os posts, mas se leu deve ter visto o que eu passei. O que aprendi foi: importar, só em último caso! Como o Gustavo diz na mensagem abaixo, o problema de comprar fora é que não dá pra depender de Correio. Eu não dependo mesmo! Se preciso de algo, que venha voando pois fiquei MUITO frustrado em ver como funciona a taxação e como é esdrúxulo o armazenamento do que vem pelos Correios e o prazo (até 90 dias!!!!) para a RF revisar e autorizar a entrada. Ao ler depoimentos de pessoas que importaram coisas contando com a boa vontade dos Correios, vi o que é palhaçada de verdade. Gente contando de receber livros que ficaram expostos à chuva e outros contos de terror.

Fico contente que vc teve um final feliz com sua história, mas concluo que vc continua um aventureiro ainda importando coisas do Japão. Mas se vc pode arcar com as despesas meu caro, divirta-se! O pior é ficar sem.

Mas em casos como a DHL e UPS, e outras, há a taxa administrativa e o ICMS varia de estado para Estado.

Amigos,

Agora eu fui vítima disso tudo. Em maio comprei pelo Amazon a saga Senhor dos Anéis, Edição Estendida, em Blu-Ray. A DHL me entrega o produto e tudo bem. Nada me foi cobrado, isso em 21 de Junho. Dia 30 de Agosto recebo uma notificação, para pagar um boleto até o dia 31 de Agosto, no valor de R$180,00, mais multa. Ocorre que o boleto não pode ser pago, pois já passaram os 60 dias e não consegui gerar um novo boleto.

A questão é que realmente devo o valor do imposto, mas nada me foi cobrado, a mercadoria foi entregue e eu recebo a cobrança 3 meses depois. Ora, como isso? A DHL sempre enviava os boletos antecipadamente. Entro em contato com todos os setores da DHL e nada. Resultado, vou fazer o pagamento via depósito judicial. Detalhe: preço do Box, USD 70.00, preço de todas as tarifas, R$180,00, R$45,00 só de taxas administrativas da DHL.

Abraços!

Vixe Gustavo... agora tu? Olha, engraçado que durante meu tempo de pesquisa, eu vi mesmo que parecia existir essa possibilidade da empresa enviar boleto depois da entrega. Mas o rapaz da UPS disse que com ele isso não se passa nunca mesmo. O que acho curioso é que a Amazon já esta cobrando antecipadamente taxas de imposto e restituindo diferenças (quando existem) após entrega. Uma pena que você teve que passar por esta. Conta aí depois se recebeu algo de volta. No que se refere à UPS e minha entrega, não me cobraram nada extra por seus serviços. Todas as cobranças foram da RF/Infraero mesmo! :(

Quanto à questões da transportadora, é mesmo muito suspeita essas práticas das couriers. A exemplo eu comprei uma GoogleTV que custou $112 + uns 20 dolares para envio no eBay que veio por UPS e simplesmente não foi taxado NADA. Demorou uns 40 dias para chegar e foi tranquilo. Claro que se desse problema de extravio eu não iria querer nem saber "quem pariu Mateus", iria acionar o seguro eBay ou PayPal.

Em contra partida nessa enpolgação comprei tb uma AppleTV 3g, pois aqui no Brasil seu lançamento estava matracado e amarrado de corda. Eu na ansiedade perguntei ao gringo como estavam as vendas para o Brasil, ele caiu na besteira de me tranqüilizar, e me vendeu. Fez tb a merda de enviar via FeDex e ainda declarando valor irreal/menor. Resultado: segundo a FeDex me foi informado que PODERIA ser taxaddo, e foi taxado, e com toda a ROBALHEIRA (deles e da RF) o aparelho ficaria por quase R$800,00 reais. Vê se pode?! Para tirar e adiquirir o produto eu teria q pagar o RESGATE DO SEQUESTRO às duas quadrilhas, sem saber qual delas era a que estava sendo mais hedionda. "Engraçado" eles colocarem como possibilidade, porém com eles, no final SEMPRE ocorre a tributação, invariavelmente. Vai te "catar"...

Bom, deixei de lado as negociações do sequestro com a FeDex, e partir para o fornecedor ("eBay"). Resolvi o problema alegando tb a má conduta dele em declarar valor indevido etc, e como eles prezam e respeitam a reputação no eBay, imediatamente pagaram todo o resgate do sequestro (taxas e retorno) e me estornaram TODO o valor do investimento.

O final feliz dessa historia é: aprendi (graças a Deus) sem custo que confiar nessas couriers é um tiro no pé e no escuro; E nunca mais compro nada que venha por elas.

É meus conterrâneos, pelo visto nosso Brasil dificilmente irá melhorar. O problema é que brasileiro "toma no tóba de pede desculpas por estar de costas"... Sempre são as mesmas cantigas: "a conta esta certa.... quando a receita taxa, fica em +- 110% mesmo... ja cai algumas vezes e sempre fica nisso!", "Sobre a FedEx, é a melhorzinha(...)"

Mais anteriormente teve outras pérolas... Assim, de boa: é muito CONFORMISMO, ESTOCOLMISMO!!! Vamos ser reativos, reacionários contra esse sistema, senão nunca muda nada (olhaê as eleições hein?!)

Eu sou adépto de BOICOTES. Se fizermos corrente, com força e união vencemos ou abalamos as estruturas.

Não vou entrar pelo mérito da questão, mas há um tempo circulou por email uma corrente contra postos de gasolina BR, para forçar baixar os preços. Desde então (uns 10 anos) eu nunca mais abastecí em postos BR. Salvo tanque reserva 2/3 vezes na vida. Ouvi por aí que surtiu resultados. Sendo verdade ou não, continuo acreditando na luta contra o absurdo que é a própria distribuidora abusar nos preços...

Sobre a GoogleTV - tem certeza mesmo que veio por UPS? Pq a UPS jamais cobraria 20 dólares e demoraria 40 dias para entregar. Acredito que vc tenha confundido com USPS que é o Correios dos EUA. Por este serviço sim cobrariam $20 e demoraria-se 40 dias, e uma chance de nada ser cobrado existiria.

Sobre os serviços de couriers, no que se refere a entregas em terras brasileiras, só tive experiências com entregas de documentos e esta peça que comprei recentemente pro meu macbook. Nos EUA eu uso muito ambos Fedex e UPS e te digo que são primorosos. No Brasil também posso te dizer que a UPS foi correta: ela mesma não cobrou nada, e fez de tudo pra que minha compra fosse entregue o mais rápido possível. Tenho sim uma crítica: Se no sistema da UPS um pacote encaminhado ao Brasil é registrado, já deveriam entrar em contato com o destinatário e alertar que um pacote está vindo e portanto precisam de um CPF. Se eles tivessem esses dados, os pacotes não ficariam presos no aeroporto e a taxa da infraero não seria cobrada! Isso eu acho muita sacanagem, e se isto não é obrigação da UPS, é muito menos obrigação do vendedor americano que não tem obrigação de conhecer leis de importação para todos os países que exportam. Acho também que a própria RF e Infraero deveriam saber que e esdrúxulo exigir que um CPF esteja discriminado numa compra gringa. Que gente mais tosca. No fim isto é uma pegadinha pra encher o bolso sei lá de quem.

No entanto, leonardoprc, tenho que te dizer que embora eu entenda totalmente tua frustração, confiar em couriers não é um tiro no pé e no escuro. Eles são ótimos no que se refere a entrega, rastreio, etc. O problema está somente na tributação brasileira. Esta sim é abuvisa, esdrúchula e até um tanto humilhante. Para quem sabe das regras, e agora não só eu sei como todos que convivem comigo e (espero!) as pessoas que acessaram este tópico, tudo que vier por courier é taxado no Brasil por própria determinação da Receita Federal. Então no fim, se tivermos que ficar bravos com algo, é com RF e os ministros que assinam/criam essas regras/leis.

Apesar de achar que existe algo válido na sua mensagem, acho que você foi infeliz em dizer que as pessoas do Brasil levam por trás e se desculpam, e ainda usou citações e frases das mensagens que os usuários deste fórum deixaram aqui. Não é bem por aí... veja só: um disse que o número da conta estava certo (110%) e outro disse que a Fedex era melhor por discriminar muito bem em documento as cobranças. Mas NINGUÉM disse que concordavam em ser cobrados 110% ou que a partir de hoje só Fedex entregará em sua casa.

Acho muito válido vc sugerir um boicote. No entanto, uma hora alguém vai ter que quebrar o boicote por precisar urgentemente importar algo... Sempre olho com um pé atrás a coisa do chamado "ativismo de sofá". Exemplo: acho ridículo uma vizinha que se diz defensora de animais e que mantém uma conta no Twitter para protestar, mas a quem nunca vejo em frente de fábrica segurando cartazes e reclamando por testarem produtos em animais, ou pelada numa praça reclamando que estão usando pele de animais em casacos (ainda). Ir pro Twitter e dar uma de bravo, todos fazem certo? No entanto devo pontuar que não estou dizendo que a tua sugestão de boicote era pra ser feita "no sofá".... mas como falou de email, me fez recordar este tipo de "boicote/protesto".

No entanto, acredito em duas coisas: educar/alertar e reclamar mesmo que não seja atendido prontamente (para orgãos do consumidor e para os políticos que deveriam trabalhar pelo bem dos brasileiros). Na minha história que narrei neste tópico fiz duas coisas: eduquei a comunidade que me circunda e escrevi para um Senador cujo gabinete já me contatou. Gostaria muito que todas as pessoas que aqui narram seus problemas fizessem o mesmo. Se fizerem uma reclamação com foco e lugar certo para atingir, é melhor do que fazer um alvoroçozinho no twitter por exemplo... não é? Não sei se dará frutos... mas iniciar o diálogo é melhor do que cruzar os braços ou ficar torcendo pra que a tributação e impostos no Brasil mudem do nada.

O fato acalentador, e este é o que faz ter esperança que as cosias mudem no Brasil, é que como o país parece estar mesmo andando rumo ao desenvolvimento, as cosias estão ficando um pouco melhores e parece que futuramente poderemos usar mais a palavra JUSTO ao que se referir ao nosso país. Pouco a pouco vemos certas coisas funcionando, e a mentalidade do povo mundando. Até usaria detalhes e exemplos agora, mas não quero converter este tópico numa discussão de política, pontos de vista, e certo ou errado. Porém finalizo este posto agradecendo mais uma vez, a todos vocês que contribuiram muito aqui... seja com esclarecimentos ou mesmo a solidariedade em entender como é frustrante precisar importar algo. Valeu!

Link para o post
Compartilhar em outros sites

Para importação com Empresas de Couriers, o imposto sempre vai beirar os céus de altura.

Tive uma infeliz experiência com a compra de um Produto da Westone (um in Ear Monitor), produto pequeno, de embalagem pequena, mas de alto valor (340 dólares), no eBay.

o mais cômico de tudo, foi que consegui realizar a compra de risco, com entrega pelos correios comuns americano, mas com opção para rastreio. Após uma espera relativamente pequena, o produto chegou em minhas mãos, mas com defeito.

Precisei enviar de volta, fui orientado a fazê-lo através da Fedex, e ai começou minha dor de cabeça.

a história detalhada de todo o ocorrido encontra-se na comunidade do Orkut "Fones de ouvido High End":

http://www.orkut.com...na=1&npn=1&nid=

Não há contestação. Caiu na mão do fiscal. JA ERA. ou você paga, ou seu produto fica retido / apreendido, com risco de você ter que pagar ainda, uma espécie de imposto sobre a armazenagem do produto.

Peguei informações de TODAS as pessoas possíveis, inclusive de um grande amigo que me auxiliou bastante, que prestava serviços no aeroporto de guarulhos e conhecia o pessoal e o procedimento adotado para casos assim.

No final não teve conversa. Precisei ARCAR com os custos aduaneiros. e é isso mesmo: 110% do valor total com os malditos Couriers! Como o pessoal da Westone prestou um exelente atendimento e suporte pós venda (ao contrário da qualidade dos 3 produtos que chegavam nas minhas mãos e em seguida eram devolvidos ou reclamados por cada um ter um defeito diferente), me proporam a pagar todas as despesas, e me deram o fone defeituoso (que um simples reparo caseiro acabou resolvendo o problema), e enviaram o produto correto.

Esse e um resumo da história, pois foi bem longa e me gerou bastante transtorno.

Tive uma outra "compra" vinda do exterior (Japão), que foi taxada também, o produto se tratou de uns botõezinhos para telas de celualr touch que um grande amigo meu me enviou, coisa barata que não valia apena pedir uma nova análise da receita (sim é possivel pedir uma re-anáise). O Envio ? correios comum sem rastreio. O Valor? 12 Dólares. Sim, foi taxado. Época? Outubro de 2011 (proximidades de fim de ano).

Espero que um pouco dessa história possa ajudar em alguma coisa.

Oi eduardogarcia234, obrigado por participar.

Não sei se vc leu todos os posts, mas se leu deve ter visto o que eu passei. O que aprendi foi: importar, só em último caso! Como o Gustavo diz na mensagem abaixo, o problema de comprar fora é que não dá pra depender de Correio. Eu não dependo mesmo! Se preciso de algo, que venha voando pois fiquei MUITO frustrado em ver como funciona a taxação e como é esdrúxulo o armazenamento do que vem pelos Correios e o prazo (até 90 dias!!!!) para a RF revisar e autorizar a entrada. Ao ler depoimentos de pessoas que importaram coisas contando com a boa vontade dos Correios, vi o que é palhaçada de verdade. Gente contando de receber livros que ficaram expostos à chuva e outros contos de terror.

Fico contente que vc teve um final feliz com sua história, mas concluo que vc continua um aventureiro ainda importando coisas do Japão. Mas se vc pode arcar com as despesas meu caro, divirta-se! O pior é ficar sem.

Mas em casos como a DHL e UPS, e outras, há a taxa administrativa e o ICMS varia de estado para Estado.

Amigos,

Agora eu fui vítima disso tudo. Em maio comprei pelo Amazon a saga Senhor dos Anéis, Edição Estendida, em Blu-Ray. A DHL me entrega o produto e tudo bem. Nada me foi cobrado, isso em 21 de Junho. Dia 30 de Agosto recebo uma notificação, para pagar um boleto até o dia 31 de Agosto, no valor de R$180,00, mais multa. Ocorre que o boleto não pode ser pago, pois já passaram os 60 dias e não consegui gerar um novo boleto.

A questão é que realmente devo o valor do imposto, mas nada me foi cobrado, a mercadoria foi entregue e eu recebo a cobrança 3 meses depois. Ora, como isso? A DHL sempre enviava os boletos antecipadamente. Entro em contato com todos os setores da DHL e nada. Resultado, vou fazer o pagamento via depósito judicial. Detalhe: preço do Box, USD 70.00, preço de todas as tarifas, R$180,00, R$45,00 só de taxas administrativas da DHL.

Abraços!

Vixe Gustavo... agora tu? Olha, engraçado que durante meu tempo de pesquisa, eu vi mesmo que parecia existir essa possibilidade da empresa enviar boleto depois da entrega. Mas o rapaz da UPS disse que com eles isso não se passa nunca mesmo. O que acho curioso é que a Amazon já esta cobrando antecipadamente taxas de imposto e restituindo diferenças (quando existem) após entrega. Uma pena que você teve que passar por esta. Conta aí depois se recebeu algo de volta. No que se refere à UPS e minha entrega, não me cobraram nada extra por seus serviços. Todas as cobranças foram da RF/Infraero mesmo! :(

Quanto à questões da transportadora, é mesmo muito suspeita essas práticas das couriers. A exemplo eu comprei uma GoogleTV que custou $112 + uns 20 dolares para envio no eBay que veio por UPS e simplesmente não foi taxado NADA. Demorou uns 40 dias para chegar e foi tranquilo. Claro que se desse problema de extravio eu não iria querer nem saber "quem pariu Mateus", iria acionar o seguro eBay ou PayPal.

Em contra partida nessa enpolgação comprei tb uma AppleTV 3g, pois aqui no Brasil seu lançamento estava matracado e amarrado de corda. Eu na ansiedade perguntei ao gringo como estavam as vendas para o Brasil, ele caiu na besteira de me tranqüilizar, e me vendeu. Fez tb a merda de enviar via FeDex e ainda declarando valor irreal/menor. Resultado: segundo a FeDex me foi informado que PODERIA ser taxaddo, e foi taxado, e com toda a ROBALHEIRA (deles e da RF) o aparelho ficaria por quase R$800,00 reais. Vê se pode?! Para tirar e adiquirir o produto eu teria q pagar o RESGATE DO SEQUESTRO às duas quadrilhas, sem saber qual delas era a que estava sendo mais hedionda. "Engraçado" eles colocarem como possibilidade, porém com eles, no final SEMPRE ocorre a tributação, invariavelmente. Vai te "catar"...

Bom, deixei de lado as negociações do sequestro com a FeDex, e partir para o fornecedor ("eBay"). Resolvi o problema alegando tb a má conduta dele em declarar valor indevido etc, e como eles prezam e respeitam a reputação no eBay, imediatamente pagaram todo o resgate do sequestro (taxas e retorno) e me estornaram TODO o valor do investimento.

O final feliz dessa historia é: aprendi (graças a Deus) sem custo que confiar nessas couriers é um tiro no pé e no escuro; E nunca mais compro nada que venha por elas.

É meus conterrâneos, pelo visto nosso Brasil dificilmente irá melhorar. O problema é que brasileiro "toma no tóba de pede desculpas por estar de costas"... Sempre são as mesmas cantigas: "a conta esta certa.... quando a receita taxa, fica em +- 110% mesmo... ja cai algumas vezes e sempre fica nisso!", "Sobre a FedEx, é a melhorzinha(...)"

Mais anteriormente teve outras pérolas... Assim, de boa: é muito CONFORMISMO, ESTOCOLMISMO!!! Vamos ser reativos, reacionários contra esse sistema, senão nunca muda nada (olhaê as eleições hein?!)

Eu sou adépto de BOICOTES. Se fizermos corrente, com força e união vencemos ou abalamos as estruturas.

Não vou entrar pelo mérito da questão, mas há um tempo circulou por email uma corrente contra postos de gasolina BR, para forçar baixar os preços. Desde então (uns 10 anos) eu nunca mais abastecí em postos BR. Salvo tanque reserva 2/3 vezes na vida. Ouvi por aí que surtiu resultados. Sendo verdade ou não, continuo acreditando na luta contra o absurdo que é a própria distribuidora abusar nos preços...

Sobre a GoogleTV - tem certeza mesmo que veio por UPS? Pq a UPS jamais cobraria apenas 20 dólares, e demoraria 40 dias para entregar. Acredito que vc tenha confundido com USPS que é o Correios dos EUA. A USPS poderia sim cobrar apenas $20, demorar 40 dias, e ter chance de nada ser taxado.

Sobre os serviços de couriers, no que se refere a entregas em terras brasileiras, só tive experiências com entregas de documentos e esta peça que comprei recentemente pro meu macbook. Nos EUA eu uso muito ambos Fedex e UPS e te digo que são primorosos. No Brasil também posso te dizer que a UPS foi correta: ela mesma não cobrou nada, e fez de tudo pra que minha compra fosse entregue o mais rápido possível. Tenho sim uma crítica: Se no sistema da UPS um pacote encaminhado ao Brasil é registrado, já deveriam entrar em contato com o destinatário e alertar que um pacote está vindo e portanto precisam de um CPF. Se eles tivessem esses dados, os pacotes não ficariam presos no aeroporto e a taxa da infraero não seria cobrada! Isso eu acho muita sacanagem, e se isto não é obrigação da UPS, é muito menos obrigação do vendedor americano que não tem obrigação de conhecer leis de importação para todos os países que exportam. Acho também que a própria RF e Infraero deveriam saber que é esdrúxulo exigir que um CPF esteja discriminado numa compra gringa. Que gente mais tosca! No fim isto é uma pegadinha pra encher o bolso sei lá de quem.

No entanto, leonardoprc, tenho que te dizer que embora eu entenda totalmente tua frustração, confiar em couriers não é um tiro no pé e no escuro. Eles são ótimos no que se refere a entrega, rastreio, etc. O problema está somente na tributação brasileira. Esta sim é abuvisa, absurda e até um tanto humilhante. Para quem sabe das regras, e agora não só eu sei como todos que convivem comigo e (espero!) as pessoas que acessaram este tópico, tudo que vier por courier é taxado no Brasil por própria determinação da Receita Federal. Então no fim, se tivermos que ficar bravos com algo, é com RF e os ministros que assinam/criam essas regras/leis.

Apesar de achar muito válidas as opniões em sua mensagem, acho que você foi infeliz em dizer que as pessoas do Brasil levam "por trás" e se desculpam, e ainda usou citações e frases das mensagens que os usuários deste fórum deixaram aqui neste tópico. Não é bem por aí... veja só: um disse que o número da conta estava certo (110%) e outro disse que a Fedex era melhor por discriminar muito bem, em documento, as cobranças. Mas NINGUÉM disse que concordavam em ser cobrados 110% ou que a partir de hoje só Fedex entregará em sua casa. Você precisa ser mais cuidadoso ao generalizar.

Acho muito válido vc sugerir um boicote. No entanto, uma hora alguém vai ter que quebrar o boicote por precisar urgentemente importar algo... Sempre olho com um pé atrás o chamado "ativismo de sofá". Exemplo: acho ridículo uma vizinha que se diz defensora de animais e que mantém uma conta no Twitter para protestar, mas a quem nunca vejo em frente de fábrica segurando cartazes e reclamando por testarem produtos em animais, ou pelada numa praça reclamando que estão usando pele de animais em casacos (ainda). Ir pro Twitter e dar uma de bravo, todos fazem certo? E olha: devo pontuar que não estou dizendo que a tua sugestão de boicote era pra ser feita "no sofá".... mas como falou de email, me fez recordar este tipo de "boicote/protesto".

Porém, acredito em duas coisas: educar/alertar e reclamar mesmo que não seja atendido prontamente (para orgãos do consumidor e para os políticos que deveriam trabalhar pelo bem dos brasileiros). Na minha história que narrei neste tópico fiz duas coisas: eduquei a comunidade que me circunda e escrevi para um Senador cujo gabinete já me contatou. Gostaria muito que todas as pessoas que aqui narram seus problemas fizessem o mesmo. Se fizerem uma reclamação com foco e lugar certo para atingir, é melhor do que fazer um alvoroçozinho no twitter por exemplo... não é? Não sei se dará frutos... mas iniciar o diálogo é melhor do que cruzar os braços ou ficar torcendo pra que a tributação e impostos no Brasil mudem do nada. E é melhor tentar chamar atenção para o fato, do que levantar e dizer: este serviço nunca mais usarei. No fim é a tal coisa: pode ser que eu não use... mas o Zé vai precisar eventualmente usar, e será prejudicado por tributações injustas. Melhor reclamarmos juntos e pedir uma mudança em conjunto.

O fato acalentador, e este é o que faz ter esperança que as coisas mudem no Brasil, é que como o país parece estar mesmo andando rumo ao desenvolvimento, as coisas estão ficando um pouco melhores e parece que futuramente poderemos usar mais a palavra JUSTO quando nos referirmos ao Brasil. Pouco a pouco vemos certas coisas funcionando, e a mentalidade do povo mundando. Até usaria detalhes e exemplos agora, mas não quero converter este tópico numa discussão de política, pontos de vista, e/ou de certo ou errado. Porém finalizo este post agradecendo, mais uma vez, a todos vocês que contribuiram muito aqui... seja com esclarecimentos ou com sua solidariedade em entender como é frustrante precisar importar algo. Valeu!

Link para o post
Compartilhar em outros sites

Oi eduardogarcia234, obrigado por participar.

Não sei se vc leu todos os posts, mas se leu deve ter visto o que eu passei. O que aprendi foi: importar, só em último caso! Como o Gustavo diz na mensagem abaixo, o problema de comprar fora é que não dá pra depender de Correio. Eu não dependo mesmo! Se preciso de algo, que venha voando pois fiquei MUITO frustrado em ver como funciona a taxação e como é esdrúxulo o armazenamento do que vem pelos Correios e o prazo (até 90 dias!!!!) para a RF revisar e autorizar a entrada. Ao ler depoimentos de pessoas que importaram coisas contando com a boa vontade dos Correios, vi o que é palhaçada de verdade. Gente contando de receber livros que ficaram expostos à chuva e outros contos de terror.

Fico contente que vc teve um final feliz com sua história, mas concluo que vc continua um aventureiro ainda importando coisas do Japão. Mas se vc pode arcar com as despesas meu caro, divirta-se! O pior é ficar sem.

Vixe Gustavo... agora tu? Olha, engraçado que durante meu tempo de pesquisa, eu vi mesmo que parecia existir essa possibilidade da empresa enviar boleto depois da entrega. Mas o rapaz da UPS disse que com ele isso não se passa nunca mesmo. O que acho curioso é que a Amazon já esta cobrando antecipadamente taxas de imposto e restituindo diferenças (quando existem) após entrega. Uma pena que você teve que passar por esta. Conta aí depois se recebeu algo de volta. No que se refere à UPS e minha entrega, não me cobraram nada extra por seus serviços. Todas as cobranças foram da RF/Infraero mesmo! :(

Sobre a GoogleTV - tem certeza mesmo que veio por UPS? Pq a UPS jamais cobraria 20 dólares e demoraria 40 dias para entregar. Acredito que vc tenha confundido com USPS que é o Correios dos EUA. Por este serviço sim cobrariam $20 e demoraria-se 40 dias, e uma chance de nada ser cobrado existiria.

Sobre os serviços de couriers, no que se refere a entregas em terras brasileiras, só tive experiências com entregas de documentos e esta peça que comprei recentemente pro meu macbook. Nos EUA eu uso muito ambos Fedex e UPS e te digo que são primorosos. No Brasil também posso te dizer que a UPS foi correta: ela mesma não cobrou nada, e fez de tudo pra que minha compra fosse entregue o mais rápido possível. Tenho sim uma crítica: Se no sistema da UPS um pacote encaminhado ao Brasil é registrado, já deveriam entrar em contato com o destinatário e alertar que um pacote está vindo e portanto precisam de um CPF. Se eles tivessem esses dados, os pacotes não ficariam presos no aeroporto e a taxa da infraero não seria cobrada! Isso eu acho muita sacanagem, e se isto não é obrigação da UPS, é muito menos obrigação do vendedor americano que não tem obrigação de conhecer leis de importação para todos os países que exportam. Acho também que a própria RF e Infraero deveriam saber que e esdrúxulo exigir que um CPF esteja discriminado numa compra gringa. Que gente mais tosca. No fim isto é uma pegadinha pra encher o bolso sei lá de quem.

No entanto, leonardoprc, tenho que te dizer que embora eu entenda totalmente tua frustração, confiar em couriers não é um tiro no pé e no escuro. Eles são ótimos no que se refere a entrega, rastreio, etc. O problema está somente na tributação brasileira. Esta sim é abuvisa, esdrúchula e até um tanto humilhante. Para quem sabe das regras, e agora não só eu sei como todos que convivem comigo e (espero!) as pessoas que acessaram este tópico, tudo que vier por courier é taxado no Brasil por própria determinação da Receita Federal. Então no fim, se tivermos que ficar bravos com algo, é com RF e os ministros que assinam/criam essas regras/leis.

Apesar de achar que existe algo válido na sua mensagem, acho que você foi infeliz em dizer que as pessoas do Brasil levam por trás e se desculpam, e ainda usou citações e frases das mensagens que os usuários deste fórum deixaram aqui. Não é bem por aí... veja só: um disse que o número da conta estava certo (110%) e outro disse que a Fedex era melhor por discriminar muito bem em documento as cobranças. Mas NINGUÉM disse que concordavam em ser cobrados 110% ou que a partir de hoje só Fedex entregará em sua casa.

Acho muito válido vc sugerir um boicote. No entanto, uma hora alguém vai ter que quebrar o boicote por precisar urgentemente importar algo... Sempre olho com um pé atrás a coisa do chamado "ativismo de sofá". Exemplo: acho ridículo uma vizinha que se diz defensora de animais e que mantém uma conta no Twitter para protestar, mas a quem nunca vejo em frente de fábrica segurando cartazes e reclamando por testarem produtos em animais, ou pelada numa praça reclamando que estão usando pele de animais em casacos (ainda). Ir pro Twitter e dar uma de bravo, todos fazem certo? No entanto devo pontuar que não estou dizendo que a tua sugestão de boicote era pra ser feita "no sofá".... mas como falou de email, me fez recordar este tipo de "boicote/protesto".

No entanto, acredito em duas coisas: educar/alertar e reclamar mesmo que não seja atendido prontamente (para orgãos do consumidor e para os políticos que deveriam trabalhar pelo bem dos brasileiros). Na minha história que narrei neste tópico fiz duas coisas: eduquei a comunidade que me circunda e escrevi para um Senador cujo gabinete já me contatou. Gostaria muito que todas as pessoas que aqui narram seus problemas fizessem o mesmo. Se fizerem uma reclamação com foco e lugar certo para atingir, é melhor do que fazer um alvoroçozinho no twitter por exemplo... não é? Não sei se dará frutos... mas iniciar o diálogo é melhor do que cruzar os braços ou ficar torcendo pra que a tributação e impostos no Brasil mudem do nada.

O fato acalentador, e este é o que faz ter esperança que as cosias mudem no Brasil, é que como o país parece estar mesmo andando rumo ao desenvolvimento, as cosias estão ficando um pouco melhores e parece que futuramente poderemos usar mais a palavra JUSTO ao que se referir ao nosso país. Pouco a pouco vemos certas coisas funcionando, e a mentalidade do povo mundando. Até usaria detalhes e exemplos agora, mas não quero converter este tópico numa discussão de política, pontos de vista, e certo ou errado. Porém finalizo este posto agradecendo mais uma vez, a todos vocês que contribuiram muito aqui... seja com esclarecimentos ou mesmo a solidariedade em entender como é frustrante precisar importar algo. Valeu!

Grande JoeD,

O pior é que eu paguei os impostos antecipadamente! Olha... não sei se isso tudo beira à má-fé, porque as taxas administrativas só poderiam ser cobradas em importações com aviso prévio. Paguei USD 12.00 de frete, mais USD 23.00 de impostos, o que teoricamente já reembolsaria a DHL e não justificaria uma cobrança de BRL 180.73, inclusa uma taxa de BRL 45.00 de desembaraço aduaneiro de um Box com 11 Blu-Rays. Olha, cada uma que tenho visto com essas empresas. De todas a melhor é a FedEx. A UPS = problema. DHL, que até então eu não havia tido problema, agora se tornou um problema homérico, ou seja, é tudo um abuso de poder econômico como diria um amigo já falecido.

Abs.

Link para o post
Compartilhar em outros sites

Sobre a GoogleTV - tem certeza mesmo que veio por UPS? Pq a UPS jamais cobraria apenas 20 dólares, e demoraria 40 dias para entregar. Acredito que vc tenha confundido com USPS que é o Correios dos EUA. A USPS poderia sim cobrar apenas $20, demorar 40 dias, e ter chance de nada ser taxado.

Viiixe, agora me pegou. Fui conferir no histórico e não está mais disponíveis tais informações. Mas assim, poderia alguém explanar, especificar exatamente o que são: USPS, FedEx, e UPS?!?!

- Quando é por USPS (correio americano) chega ao brasil e continua a entrega pelos Correios?

- Quando é por UPS (empresa privada igual FedEx) chega aqui e continua por qual empresa?

- Os chineses (geralmente) entrega por onde?

Como procede ?

Link para o post
Compartilhar em outros sites

Comprei uma camisa de baseball pela MLB, e veio pela UPS.

Camisa: 270,27 Reais

Imposto de importação: 162,16 Reais (60%)

ICMS: 77,22 Reais (15% em cima dos dois acima)

Taxa administrativa: 37,57

Infraero: 1,53 Reais

DARJ(FECP): 5,15 Reais

Resultado: tenho uma camisa que vale um fortuna rsrrsrsrsrsrsrsr

Detalhe quer o courrier NÃO entregou na minha casa, mas disse que veio e não me encontrou. EU ESTAVA EM CASA O DIA INTEIRO! Após ligar para lá e para cá, descobri que não poderiam me entregar enquanto eu não pagasse as taxas, pois se o courrier não te achar, vc deve pagar antes de fazerem nova tentativa de entrega... Fax, pra lá, fax pra cá, pagamento feito e NÃO VIERAM DE NOVO, mesmo dizendo que vieram. Tive que ir numa favela em outro município, Macaé/RJ, onde a empresa funciona, e pegar meu pacote, TODO SURRADO.

Como sou burro, comprei mais duas vezes pela MLB(e pela UPS, como conseqüência). Hoje nem quero saber de UPS. Foram tantos aborrecimentos. Prefiro ebay e pagar correios com 60% somente, mesmo que espere 90 dias para chegar.

Link para o post
Compartilhar em outros sites

Viiixe, agora me pegou. Fui conferir no histórico e não está mais disponíveis tais informações. Mas assim, poderia alguém explanar, especificar exatamente o que são: USPS, FedEx, e UPS?!?!

- Quando é por USPS (correio americano) chega ao brasil e continua a entrega pelos Correios?

- Quando é por UPS (empresa privada igual FedEx) chega aqui e continua por qual empresa?

- Os chineses (geralmente) entrega por onde?

Como procede ?

leonardoprc,

USPS é a uma agência independente que pertence ao governo dos EUA e que fornece serviços de entrega de correio. No Brasil, o equivalente seria Correios. UPS e Fedex são duas empresas distintas mas que oferecem o mesmo tipo de serviço, i.e. courier.

- Quando algo é enviado para o Brasil através da USPS, os Correios assumem a entrega uma vez que o produto entra no país.

- Tanto UPS e Fedex são responsáveis por suas entregas no Brasil. Eles tem filiais em todos os países para os quais é possível enviar coisas sob seus cuidados. No entanto, pode ser que em algum estágio essas empresas tenham dependido de acordos com transportadoras locais. Todas as vezes que estava no Brasil, e precisei utilizar o serviço de alguma, sempre um carro com logotipo da empresa que retirava/entregava em minha porta. A Rapidão Cometa foi recentemente adquirida pela Fedex, portanto acredito que muito em breve o serviço desta empresa no Brasil ficará mais dinâmico e talvez veremos as pessoas poderem utilizar os serviços indo pessoalmente a agências instaladas por cidades brasileiras, exatamente como acontece nos EUA.

- Não tenho idéia sobre que serviço utilizam os chineses. Uma coisa é certa: quando compro coisas da Apple Store EUA, embora a compra seja realizada nos EUA, todos os computadores são enviados da Asia para minha casa. Vem tudo por Fedex.

Comprei uma camisa de baseball pela MLB, e veio pela UPS.

Camisa: 270,27 Reais

Imposto de importação: 162,16 Reais (60%)

ICMS: 77,22 Reais (15% em cima dos dois acima)

Taxa administrativa: 37,57

Infraero: 1,53 Reais

DARJ(FECP): 5,15 Reais

Resultado: tenho uma camisa que vale um fortuna rsrrsrsrsrsrsrsr

Detalhe quer o courrier NÃO entregou na minha casa, mas disse que veio e não me encontrou. EU ESTAVA EM CASA O DIA INTEIRO! Após ligar para lá e para cá, descobri que não poderiam me entregar enquanto eu não pagasse as taxas, pois se o courrier não te achar, vc deve pagar antes de fazerem nova tentativa de entrega... Fax, pra lá, fax pra cá, pagamento feito e NÃO VIERAM DE NOVO, mesmo dizendo que vieram. Tive que ir numa favela em outro município, Macaé/RJ, onde a empresa funciona, e pegar meu pacote, TODO SURRADO.

Como sou burro, comprei mais duas vezes pela MLB(e pela UPS, como conseqüência). Hoje nem quero saber de UPS. Foram tantos aborrecimentos. Prefiro ebay e pagar correios com 60% somente, mesmo que espere 90 dias para chegar.

Oi giorio, obrigado por participar.

Gente chique é outra coisa, né? Importa roupa mesmo que custe os olhos da cara. Rs

Mas então, o que posso dizer baseado em minhas experiências é que tanto Fedex como UPS sempre foram ótimos em seus serviços quando necessitei de ambos. No entanto, o valor já é um absurdo... e no Brasil fica tudo pior com esta taxação abusiva. Vc cita em sua mensagem que UPS nunca mais, só Ebay e por correio... bem, quem compra no Ebay tb tem possibilidades de escolher entregas via UPS. Depende do trato com o vendedor, certo? Agora a MLB nunca vai depender de correio para entregas internacionais, visto que regras de importações são tão loucas, eles provavelmente teriam inúmeros problemas com insatisfação de clientes e demora na transação. O Brasil precisa se dinamizar para acabar com esta palhaçada que só gera insatisfação pra todo mundo.

Um tempo atrás, acredito que foi 2001, a Amazon se recusava entregar até mesmo livros pro Brasil, devido a tanta palhaçada e roubo de mercadoria. Deu-se um grande passo... mas ainda todos engatinham...

Link para o post
Compartilhar em outros sites

leonardoprc,

USPS é a uma agência independente que pertence ao governo dos EUA e que fornece serviços de entrega de correio. No Brasil, o equivalente seria Correios. UPS e Fedex são duas empresas distintas mas que oferecem o mesmo tipo de serviço, i.e. courier.

- Quando algo é enviado para o Brasil através da USPS, os Correios assumem a entrega uma vez que o produto entra no país.

- Tanto UPS e Fedex são responsáveis por suas entregas no Brasil. Eles tem filiais em todos os países para os quais é possível enviar coisas sob seus cuidados. No entanto, pode ser que em algum estágio essas empresas tenham dependido de acordos com transportadoras locais. Todas as vezes que estava no Brasil, e precisei utilizar o serviço de alguma, sempre um carro com logotipo da empresa que retirava/entregava em minha porta. A Rapidão Cometa foi recentemente adquirida pela Fedex, portanto acredito que muito em breve o serviço desta empresa no Brasil ficará mais dinâmico e talvez veremos as pessoas poderem utilizar os serviços indo pessoalmente a agências instaladas por cidades brasileiras, exatamente como acontece nos EUA.

- Não tenho idéia sobre que serviço utilizam os chineses. Uma coisa é certa: quando compro coisas da Apple Store EUA, embora a compra seja realizada nos EUA, todos os computadores são enviados da Asia para minha casa. Vem tudo por Fedex.

Oi giorio, obrigado por participar.

Gente chique é outra coisa, né? Importa roupa mesmo que custe os olhos da cara. Rs

Mas então, o que posso dizer baseado em minhas experiências é que tanto Fedex como UPS sempre foram ótimos em seus serviços quando necessitei de ambos. No entanto, o valor já é um absurdo... e no Brasil fica tudo pior com esta taxação abusiva. Vc cita em sua mensagem que UPS nunca mais, só Ebay e por correio... bem, quem compra no Ebay tb tem possibilidades de escolher entregas via UPS. Depende do trato com o vendedor, certo? Agora a MLB nunca vai depender de correio para entregas internacionais, visto que regras de importações são tão loucas, eles provavelmente teriam inúmeros problemas com insatisfação de clientes e demora na transação. O Brasil precisa se dinamizar para acabar com esta palhaçada que só gera insatisfação pra todo mundo.

Um tempo atrás, acredito que foi 2001, a Amazon se recusava entregar até mesmo livros pro Brasil, devido a tanta palhaçada e roubo de mercadoria. Deu-se um grande passo... mas ainda todos engatinham...

Comprei três conjuntos de roupa para neve de um vendedor chinês. Veio por FedEx e saiu 45,00 BRL de imposto. A China costuma enviar por correio comum e o normal é que eles entrem via Assunção - Curitiba. Dos EUA, por USPS Express ou Priority, entra por Viracopos, e sempre é tributado quando excede a cota de importação.

Link para o post
Compartilhar em outros sites

Participe do debate

Você pode postar agora e se registrar depois. Se você tem uma conta, entre agora para postar com ela.

Visitante
Responder este tópico…

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Limpar editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

  • Quem Está Navegando   0 membros estão online

    Nenhum usuário registrado visualizando esta página.




  • Conteúdo Similar

    • Por Rafael Nepomuceno Costa
      Estou vendendo meu Mac secundário que eu usava como Backup nas produções de eventos.
      Só estou vendendo pq né. Não tem mais eventos presenciais. :P
      Vou colocar as imagens das Specs abaixo.







      MacBook Pro Retina 15"  –  Early 2013
      Mac OS Catalina
      Resolução 2880 x 1800
      Processor 2,7 GHz Quad-Core Intel Core i&
      Memory 16GB 1600 MHz DDR3
      SSD 768GB
      Graphics NVIDIA GeForce GT 650M 1GB
      Bateria - Normal 220 Ciclos
       




    • Por lamat
      Fala pessoal blz?
      Troco meu MacBook Pro i5 2020 TouchBar com 256 GB e 8GB de memória na cor cinza espacial por MacBook Air M1.
      O Mac possui garantia até Agosto/2021 e quanto aos acessórios possui cabo e carregador original, caixa infelizmente precisou ficar por lá (USA).
      O mesmo não possui nenhuma marca de uso, riscos ou amassados.

      Para venda R$9.500  (posso parcelar, juros e taxas por sua conta).

      Estou em Campinas - SP e dou preferência para negociações na região.
      Muito obrigado.





    • Por Lucas Gharib
      Vendo MacBook Pro Retina 13" Late 2013
      Máquina em excelente estado de conservação. Não possui marcas, amassados ou arranhados no chassis. Tela também não possui nenhum detalhe.
      Utilizado sempre com case (como nas fotos) e protetor de teclado.
      Máquina vai com todos os acessórios, na caixa.
      Core i5 4GB RAM 128SSD Atualizado para o MacOS Big Sur 168 Ciclos de bateria. R$ 5.200,00 (negociáveis, mande sua proposta)
      Entrego em mãos em São Paulo Capital.
      Fotos MacBook - Dropbox
      WhatsApp (Para mais fotos, negociações e detalhes) --> (11) 9 7076-2358
       
    • Por Marcelo Juliao
      Após três dias do upgrade para o Big Sur meu MacBook Pro Touch Bar 2017 (4 portas Thunderbolt 3) desligou e só funciona plugado o carregador. No ícone da bateria aparece um ponto de exclamação e quando clica aparece Battery Service Required!
      Fiz uma pesquisa no Google em inglês e encontrei vários casos semelhantes, pessoas que após instalarem o Big Sur tiveram suas baterias danificadas!
      Minha bateria era nova ainda, tinha apenas 74 ciclos! Levei na Apple Store do Shopping Morumbi em São Paulo e eles trocaram a bateria sem custo através do programa de recall do teclado butterfly destes MacBooks Pro. Na verdade é trocado todo o Top Case da máquina (teclado, trackpad e bateria, pois a bateria vem colada ao teclado).
      Fui feliz da vida pra casa com um Top Case novo e em função disso uma bateria nova. Dois meses depois da troca, o mesmo problema acontece novamente, desta vez a bateria tinha apenas 5 ciclos e foi pro saco!!! Levei novamente na Apple e como ainda estava na garantia de 3 meses da troca do Top Case, foi trocado novamente o Top Case sem nenhum custo!
      Meu medo é que aconteça novamente, afinal não é um problema de bateria, e sim alho no Big Sur que está danificando a bateria!
      Alguém com um problema semelhante?
    • Por Gabrielbraned
      Olá galera!
      Comprei meu Macbook Air no fim de 2018 (Macbook Air 2017). Sempre tomei muito cuidado, usando case protetor, capa pra transporte, não transportando ligando etc etc.
      Um dia, do nada, a tela ligou e ficou assim. Desliguei, liguei de novo, e continuou lá. Mexi um pouco a tela e tive a impressão de que piorou. 
      Fiquei uns dias sem usar, mas precisei voltar a usar para trabalho. Com o tempo, essa barra horizontal que cobre a tela foi ficando mais grossa, e vem dificultando ainda mais o meu trabalho.
      Levei em uma assistência autorizada (não era uma loja Apple), e eles queriam cobrar um preço bem caro só pra ver qual era o problema (segundo o cara de la, aparentemente era problema na tela - ele perguntou se eu tinha deixado cair, mas nunca deixei).
       
      Alguma ideia do que pode ser? Alguém ja teve um problema similar?
      Em anexo colocarei uma foto do primeiro dia, uma dias depois, e outra de hoje. (todas as fotos no período de 2 semanas)
      Obrigado desde já!



    • Por Guilherme Zapparoli
      Tenho um Macbook Pro Late 2013 (eu sei, eu sei, tá bem velhinho, mas ainda tá dando pro gasto, rs).
      Nessa semana eu reparei que ele estava esquentando bastante, e pra força-lo a baixar a temperatura eu joguei um ventilador na "cara" dele. Hoje me dei conta de que a ventoinha não estava funcionando (pelo tempo de uso, até achei que ela tivesse pifado). Mas antes de decretar a falência da mesma, resolvi testar o Mac Fans Control e para minha surpresa a danada tá funcionando sim. O problema é que ela não está sendo acionada automaticamente pelo sistema. Quando eu a forço a trabalhar ela chega no máximo RPM e baixa a temperatura rapidinho.
      Eu resetei o SMC mas mesmo assim ela só funciona quando o Mac Fans está aberto.
      Alguém tem ideia do que seja? Como ela pode voltar a funcionar pelo sistema (sem ser por um app de 3º)?
       
      P.S.: Eu não entendo muito, mas vi que se forçá-la demais, pode acabar danificando o macbook todo. Por isso deixei o ventilador na cara dela, por enquanto, pra ele controlar a temperatura sem ter que forçar nada.
      P.S.2: Caso não consiga resolver, fazendo-a atuar pelo sistema, tem alguém que entenda bem do Mac Fans Control? qual configuração ideal para ele trabalhar sem forçar nada e sem levá-la a um defeito sem necessidade?
    • Por Raul Duelis
      Fala galera! Blz?
      Pessoal, tenho um MacBook Pro 13 retina do final de 2012 que comprei de um amigo meu. Recentemente, descobri que o notebook está com uma senha de firmware, o que me impede de fazer qualquer atualização no notebook, seja de hardware ou de software. Duas coisas que eu gostaria de fazer nesse Mac, é instalar um SSD de 512Gb e instalar o MacOS Big Sur de forma não oficial, já que este modelo de Mac já não o suporta de maneira oficial. Meu amigo não se recorda da senha e me passou uma série de possíveis combinações (que tenho medo de ficar tentando e gerar um bloqueio, pois já fiz umas 5 tentativas) e já não possui mais a nota fiscal e, sem ela, acredito ser quase impossível que eu consiga que a Apple realize o desbloqueio para mim, mesmo que o Mac esteja funcionando normalmente e o iCloud dele em meu nome, certo?
      Alguém tem alguma ideia do que eu possa fazer para remover ou recuperar a senha? Ou sabe de alguma assistência na região de Campinas capaz de fazer isso?
      Agradeço já a qualquer ajuda.
      Abraços!
    • Por Thiago Cavalcanti
      Estou tendo problemas para conectar meus AirPods Pro no meu iPhone 11 Pro. Ele até conecta, mas não direciona o áudio para os fones automaticamente. Tenho que ir até os ajustes e mandar fazer um teste das pontas para que o áudio seja direcionado para os fones. Também não consigo alternar a conexão entre o iPhone e o iPad. Alguém que já tenha tido esse problema pode me ajudar?
      PS.: Percebi que se o Apple Watch (uso um série 3) não estiver pareado o problema não acontece.
    • Por Nmiguelv
      Retina display
      Processor Quad Core Intel Core I7 2.3ghz
      Memory 16gb of 1600 MHz DDR3L
      Storage 512gb Apple Ssd
      Graphic Nvidia Gforce 750M with 2gb of GDDR5
      R$ 4500,00



    • Por Guilherme Dadda Echevengua
      Já fiz os resets mas não mudou nada, alguém com esse mesmo problema ou já teve esse mesmo problema e sabe como resolver?

      Obrigado pessoal! 
  • Estatísticas do Fórum

    • Total de Tópicos
      52.016
    • Total de Posts
      435.941
×
×
  • Criar Novo...