Ir para conteúdo
  • Cadastre-se

Seguro iPhone


Posts Recomendados

Olha, sinceramente acho que não compensa seguro para gadgets, notebooks etc

Sai muito caro todos que já conferi até hoje, os únicos que já vi valerem a pena são aqueles seguro contra roubo da Fast Shop por exemplo, que sai mais em conta quando você compra o aparelho

Mas mesmo assim, se for fazer, dá pra fazer com a nota em dólar sim, o importante é ter a nota

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • 2 semanas depois...

Pretendo comprar o iPhone 4S, também, assim que lançar aqui no Brasil e pretendo fazer o seguro pq quero utilizar ele em corridas pelas ruas, então, acho que vai valer a pena o seguro, pra eu ficar menos tenso... Alguém sabe dizer a respeito de valores? Sabe se as operadoras fazem no momento da compra? Gostaria de um seguro apenas para roubo mesmo...

Editado por Rafael Scott
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • 2 semanas depois...

Não sei sobre o iphone importado, mas tenho seguro da porto seguro no meu iphone e o valor ficou inferiror a R$300,00 , achei que valeu a pena pela tranquilidade que fiquei, principalmente porque a marginal pinheiros nos trechos onde mais ocorriam assaltos faziam parte do meu caminho para o trabalho

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

A VIVO oferece um seguro por meio de uma seguradora terceirizada que custa R$18,90 por mês, e no momento em que tiver o aparelho furtado ou perdido tem que pagar R$450 para ter um novo aparelho. É como se R$450 fosse o valor da franquia.

E quem vai comprar aparelho no exterior: Cuidado! Só compre se for UNLOCKED - não basta ser sem contrato, tem que ser desbloqueado.

A gizmodo publicou uma reportagem só sobre isto: http://www.gizmodo.com.br/conteudo/como-fazer-seguro-do-seu-smartphone/

http://www.gizmodo.com.br/conteudo/como-fazer-seguro-do-seu-smartphone/

Como fazer seguro do seu smartphone

segurosmartphone.jpg

O mundo dos smartphones nos deixa cada vez mais cheios de sonhos de consumo: será que compro um iPhone? Ou um Android? Espero pelo Windows Phone 7? Vou de Symbian mesmo? E quando chega a hora de realizar o sonho, mesmo depois de pensar quanto o novo brinquedo vai custar, é só alegria. Ou quase: no Brasil, andar com gadgets caros é um risco. A solução: ou ser discreto com seu smartphone, ou comprar um seguro. Vejamos mais sobre esta segunda opção.

A gente falou com as maiores seguradoras do Brasil, mas só duas têm seguro para celulares: a Mapfre e a Porto Seguro. A Mapfre tem acordo exclusivo com a Vivo – se você for cliente de outra operadora, nem pode adquirir o serviço deles. A Porto Seguro não faz parceria com operadoras, e aceita aparelhos de qualquer uma delas – mas só aceita smartphone (a Mapfre aceita qualquer celular).

A Vivo oferece o Seguro Celular em mais de 300 lojas no Brasil, logo quando você compra o aparelho, e neste semestre começaram a oferecer o serviço via call center e em revendedoras também. Eles vendem seguro "contra furto mediante arrombamento e roubo" para qualquer tipo de celular, não só smartphone.

O custo do seguro depende do valor do aparelho e de quando você o comprou: afinal, quanto mais velho seu aparelho, menos ele vale. Você pode simular um seguro pelo site da Mapfre, mas segundo a Vivo os preços vão mudar em 1° de outubro, e seguem na tabela abaixo.

tabela-vivo-mapfre.png

Se você fizer seguro de um iPhone 4, vai pagar R$18,49 ao mês (ou R$221,88 ao ano) – o valor é descontado na fatura (se você for pós-pago). Cliente pré-pago ganha minutos de bônus em ligações, e todos os segurados participam de sorteios mensais.

A Porto Seguro oferece seguro para smartphones, mas não para outros tipos de celular. (Eles também têm opções para notebook.) Eles não têm convênio com operadoras, então basta encontrar um corretor e adquirir o serviço com eles. Também é possível saber quanto você paga de prêmio fazendo uma simulação no site (escolha a opção "Computador de Mão").

Na Porto Seguro, você pode parcelar o valor anual do seguro apenas em poucas vezes – 3 ou 4, dependendo do prêmio, não em 12 vezes como na Mapfre. Um smartphone com valor de R$1.799, como o iPhone 4, teria um seguro de R$241,47 por ano. O Galaxy S, que sai a R$2.399, custaria mais R$322 de seguro por ano. Mas você pode conversar com um corretor, para encontrar preços diferentes, descontos e condições vantajosas.

Pago o seguro, o que fazer quando o pior acontece? Entre em contato com a seguradora! As duas requerem boletim de ocorrência do roubo, além da nota fiscal original do aparelho, pra pagar a indenização. (Vale lembrar que os seguros cobrem apenas roubo: se você perder o celular, ou se alguém tirar do seu bolso e você não perceber, ou se levarem seu carro com o celular junto, o seguro não cobre.) E ambas cobram franquia: no caso da Mapfre, ela vai de 10% a 50% a franquia é fixa em 25% do valor do aparelho; na Porto Seguro, o valor é fixo em 15%. Converse com as seguradoras pra saber mais sobre as condições, e leia o contrato.

Você já contratou o seguro para seu celular? Foi outro que não está listado aqui? O que achou? Conte-nos aí embaixo, nos comentários. [Mapfre - Seguro Celular e Porto Seguros; valeu Vinicius!]

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Participe do debate

Você pode postar agora e se registrar depois. Se você tem uma conta, entre agora para postar com ela.

Visitante
Responder este tópico…

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Limpar editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

  • Quem Está Navegando   0 membros estão online

    Nenhum usuário registrado visualizando esta página.




  • Conteúdo Similar

    • Por ericlb
      Boa noite, pessoal!
      Segue descrição mais detalhada do aparelho:
      • Modelo: iPhone 11 Pro
      • Armazenamento: 64GB
      • Cor: Midnight Green (verde meia-noite)
      • Origem: Brasil (modelo Anatel comprado no Ponto Frio com NF em meu nome e carregador padrão brasileiro)
      • Data de ativação: 01/05/2020 (menos de um ano e meio de uso)
      • Garantia: Venceu em 30/04/2021, mas nunca precisou ser acionada.
      • Saúde da bateria: 83%
      • Motivo da venda: Consegui uma promoção interessante no 12 Pro e optei por fazer o upgrade.
      • Acessórios: O iPhone acompanha todos os acessórios originais (fone de ouvido + carregador USB-C de 20W + cabo USB-C para lightning) + capa de brinde.
      • Estado de conservação: Ótimo. Só não digo perfeito pois possui aqueles leves riscos na tela ocasionados pelos bolsos das calças e pela falta de película protetora, mas nada que seja visível durante o uso... apenas contra a luz (e com muito esforço, rsrs) é possível observar – sou perfeccionista e reparo nesse mínimos detalhes, então gosto de mencionar para que o comprador esteja ciente também.
      FOTOS: https://drive.google.com/drive/folders/1QQfP9CESpv3ZzTG2Wp3tJwXCejaV_ms2?usp=sharing
      Tenho diversas referências aqui no fórum como comprador e vendedor. A quem interessar, me avise que passo.
      A respeito do preço, vi uma média de R$4.000,00 a R$4.500,00 dependendo do estado do aparelho, então pensei em pedir no meio dessa faixa, em torno de R$4.300,00, mas posso negociar.
      Sou do Rio de Janeiro e dou preferência para o negócio presencial, mas posso fazer via MercadoLivre para segurança de ambas as partes caso o interessado seja de outro estado.
      Grande abraço a todos e bons negócios!
    • Por Erwin Kopp Xavier
      Vendo iPhone X de 64gb, sem muitos detalhes.
      Acompanha caixa e carregador, saúde da bateria 85%.
      Detalhes apenas nas laterais, como pode ser visto nas fotos.
      Valor: R$ 2.200,00 via PIX ou Mercado Livre.
       
      Fotos: https://photos.app.goo.gl/XLWwp7Xw64RTPdvz7
    • Por Rodrigo S. Dias
      Vendo iPhone 11 128gb roxo, com 4 capas (1 neutra e 3 femininas), carregador e cabo, bateria em 80%. Sempre usado com capa e película. 
      Valor: R$3.600,00





    • Por raffa_iphones
      Olha que interessante como o design vem evoluindo, onde a imagem vem sendo cada vez mais importante.

    • Por Gironelsoniano
      Recentemente como queria muito migrar do Android para o iOS, consegui um rolo pra trocar meu Motorola num iPhone 6S, pois é o modelo mais acessível que ainda tem atualizações de segurança e de sistema da Apple.
       
      O rapaz me passou todas as informações que pedi pelo Whatsapp.
       
      Segundo ele o iPhone era de sua esposa, ele já pegou o aparelho de segunda mão do primo.
       
      Pedi a ele o IMEI, também o número de série, e verifiquei os dois, tudo nos conformes.. nada errado.
      Ele disse que não tem a nota fiscal e não dá pra tirar uma segunda via.
      Seguindo a recomendação de um vídeo do YouTube, vou fazer a restauração de fábrica do aparelho na hora da entrega, pois assim poderei verificar se não existe bloqueio no iCloud. (O famoso golpe do bypass)...
      - Não vou entregar meu Android pra ele até fazer o teste da formatação e também se ele vai fazer e receber ligação...
       
      Estou sendo paranóico ou minha preocupação é válida? Lembro que vai ser meu primeiro iPhone e não quero ter problemas. Pois não posso ficar sem celular.
    • Por Fernando Braz
      Fala galera, to passando meu iPhone 11 PRO em perfeito estado, sem detalhes pois sempre foi utilizado com película e capinha.
      Acompanha aparelho, cabo e carregador original, caixa e a capinha original também.
      Quero R$5.500 e o pagamento será na hora via pix, estou em SP.

    • Por Ian
      Fala pessoal! 
      Tive que trazer um tópico aqui que vi e particularmente achei absurdo de sinistro. Infelizmente hoje em dia na rede nós escutamos tudo quanto é tipo de coisa... Eu geralmente quando tenho algo a esclarecer que considero relevante, busco entrar em contato direto com o fabricante e esclarecer alguma duvida ou solicitar alguma instrução que nao esteja clara no site deles.
      Pois bem, acabei de ver alguns videos de uma galera dizendo sobre os malefícios do carregamento de iPhone dos 80 aos 100%, achei bizarro. E olha que to falando de uma galera pesada ein? Influencers mesmo... e geral nos comentários apoiando e de acordo com o conteúdo. 
      Eu tenho um aparelho que me rende o dia inteiro de carga tranquilo, já existe uma função de carregamento otimizado, por qual razão eu iria me privar de ter uma bateria 100% a ter 20% a menos? Em prol do que? Nao é possível que os engenheiros do fabricante projetaram algo que dure X horas e o melhor uso desse equipamento é utilizando apenas Y horas.
      Does it make sense?
      Dei uma pesquisada com uma galera técnica aqui da Europa que são expert na maça, e única coisa que escuto é, apenas faça um uso racional do seu aparelho. Caso voce tenha uma rotina de carrega-lo todos os dias a noite toda e utiliza-lo o dia inteiro, assim o faça. A constância ajuda na vida util. Caso consiga manter por um ano essa rotina de 1 carregamento norturno para 1 uso diurno sem queda, significa que após 1 ano voce estará com a bateria pouquíssimo degradada. 
      Mas e ai, qual é dessa galera que diz que se deve carregar a bagaça apenas ate os 80% ?
       
    • Por Ian
      Fala pessoal! Espero que consigam me ajudar nessa. 😃
      Vamos lá! 
      Partindo do ponto de princípio que nossos aparelhos funcionam com bateria íons e tenham uma vida por ciclos, e haja um limite de vida útil de bateria, pensei em tentar preserva-lo usando ele com 100% de carga no PowerBank (tipo o que acontece com o uso do smartcase apple). Tenho um PowerBank da GorilaShield nano, a bateria é autêntica, nada “vagabundo”ou pirata, bastante confortável e comecei hoje a por em prática essa ideia. Já adianto que meu aparelho não esquenta, meu uso também não é tão intenso relacionado a jogos e vídeos, sou bastante sensato, e, caso esquente irei parar imediatamente de usá-lo enquanto conectado na bateria. Mas a ideia é seguindo a seguinte teoria: se meu aparelho está 100% carregado e passa o dia no PowerBank, logo ele estará consumindo a bateria do PowerBank e não do aparelho, preservando assim a quantidade de ciclos. Seria mais ou menos como funciona o smartcase da própria Apple. Tenho um iPhone XS, garantia até fevereiro 2022, hoje com 204 ciclos de bateria. Minha bateria dura o dia inteiro mas estou disposto a começar essa experiência com o PowerBank.
      Isso faz sentido pra vocês? Tem lógica?
      Alguém sabe me dar uma informação precisa sobre isso? 
    • Por Poblan
      Gostaria de saber se existe alguma automação para que o iPhone pare de carregar quando a bateria atingi 80%?

    • Por Jeferson Pessanha
      Olá amigos!
      Recentemente descobri uma falha bizarra no iPhone 12 Pro Max, ele simplesmente trava ao se tentar editar uma foto, vários usuários estão reportando o mesmo problema, porém nada muda...
      Alguns usuários dizem que foi após a última atualização do iOS
      Com quem reclamar?
      Google ou Apple?

  • Estatísticas do Fórum

    • Total de Tópicos
      53k
    • Total de Posts
      442,1k
×
×
  • Criar Novo...