Ir para conteúdo
  • Cadastre-se

Kernel Task exagerado no macbook zerado


willisespectrais

Posts Recomendados

Eu uso um Macbook Air 13" late 2010, recentemente tava usando o High Sierra, mas pra ter um melhor desempenho da máquina fiz um downgrade pro Yosemite de volta (10.10.5), até porque estou precisando usar pra trabalhar ultimamente. 

A questão é que desde sempre o kernel task consumiu muito da memória, em média 500mb de uma memória de 4gb. O mac também sempre superaqueceu muito. Até aí é compreensível, visto que costumava usar softwares pesados. Mas o que me preocupa é que, além de fazer muito barulho, superaquecer demais e consumir tudo isso de RAM, isso tá acontecendo MESMO com o computador zerado. Nenhuma das vezes em que formatei (seja na época anterior com o Yosemite, no el Captain, no Sierra e mais recentemente no High Sierra), ele fica com o kernel baixo ou deixa de fazer barulho ou superaquecer. Achando que poderia ser a bateria, fiz uma troca no mês passado pra ver se resolvia, mas não resolveu. Como preciso usar pra trabalhar agora, fico com essa preocupação.

 

Sei que a máquina é antiga e não é ideal pra uso, mas em necessidade, é a que tenho. Como posso melhorar isso/resolver? Existe algo que possa ser feito pra pelo menos entender o que tá acontecendo? 

Existe a possibilidade de fazer upgrade de peças como nos pcs? Trocar o ssd, por exemplo, por um melhor? Mudar placa gráfica ou até a memória? Não sei o quanto isso é viável pros macs. 

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • 2 semanas depois...
  • Respostas 2
  • Criado
  • Última resposta

Top Postadores Neste Tópico

Quanto aos upgrades: CPU, GPU e memória, esqueça. Tudo soldado.

SSD: é possível trocar, mas se você já tem um instalado, não há necessidade. O sintoma descrito não parece problema de armazenamento.

Já tentou fazer um reset da PRAM? Após muitas atualizações e "desatualizações" do sistema, sempre vale esse procedimento. Costuma resolver muitos problemas esquisitos porque os parâmetros do hardware e de inicialização do sistema ficam salvos nessa memória.

Já quanto a troca da bateria, essa exige o reset do SMC. É mandatório ao trocar esse componente, para redefinir os ajustes do controlador de energia para o componente novo.

Uma boa também é abrir essa máquina e trocar a pasta térmica que já tem 10 anos por uma nova. Limpar os ventiladores do sistema e desobstruir as entradas e saídas de ar também é uma boa prática.

Infelizmente nos sistemas mais novos eles acabam consumindo muito mais RAM, mesmo no primeiro boot. Também percebo esse comportamento no meu Macbook Pro Retina 2015, mas como conto com 16 GB de RAM, ainda está dentro do tolerável.

Uma pergunta: sua atividade profissional exige o uso do macOS? Para essa máquina acredito que o Linux Mint deva ser uma opção melhor atualmente. Funciona tudo e dá uma nova vida para a máquina. Eu estou experimentando ele aqui e estou surpreso com a melhora da performance da máquina. Só não saio do macOS por causa da suíte Final Cut (Pro X, Motion e Compressor), mas para o dia-a-dia, só tenho usado o Linux.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Participe do debate

Você pode postar agora e se registrar depois. Se você tem uma conta, entre agora para postar com ela.

Visitante
Responder este tópico…

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Limpar editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

  • Quem Está Navegando   0 membros estão online

    • Nenhum usuário registrado visualizando esta página.



×
×
  • Criar Novo...