Ir para conteúdo
  • Cadastre-se

Ombudsmac

Membros
  • Total de itens

    45
  • Registrou-se em

  • Última visita

Tudo que Ombudsmac postou

  1. Duvido que esse sr. irá responder seu email. Ele é extremamente mal educado e não está nem ai para as reclamações de clientes contra as ATs. O assistente dele Rafael Rubalo até responde e diz que vai passar o ocorrido para o tal Carlos Palmieri. Só que ele mesmo não responde. Na verdade o que se sente é que ele não está nem ai. Acha que o cliente reclama sem razão. Nunca aparece, nunca esclarece as coisas, nunca dá a cara a tapa. Está lá só para vender peças para as assistências. O Inácio Pereira é que era competente. Na época dele não tinha em 10% do que tem hoje. Enfim... Vamos ver. É mais fácil você entrar em contato com a pessoa da matriz que resolveu o problema de 2 pessoas em outro tópico. É lamentável ter tudo isso acontecendo. Mais uma vez volto a dizer, existe algo de podre no reino da nossa .BR. Panelinha, máfia... Entendam como quiser. Mas que é estranho tanto protecionismo é sim. Carlos Palmieri deveria tirar a bunda da cadeira e ir visitar TODAS as ATs e "gongar" as que tem qualquer tipo de procedimento que passe perto do inaceitável para os produtos que representam. A nossa .BR tem verba para pagar passagem para todos os estados que tem Ats. Afinal de contas duvido que Jobs, com a exigência que tem com relação a qualidade dos seus produtos, aceitaria esse cabaré que é a falta de respeito conosco.
  2. Todas as assistências tem um ar de prepotência. Eles se acham intocáveis. Fazem as cagadas e ninguém fala ou faz nada. Passa ano e nada muda. Existe uma máfia de assistências em São Paulo, que parece atuar dentro da .BR não permitindo que novas assistências apareçam. A desculpa é que São Paulo já está saturado de assistências. Está mesmo, saturado de péssimas assistências. Qual é o critério de avaliação? Porque, mesmo depois de tantas reclamações, a assistência não perde a credencial? O que importa se existe 20 ou 30 assistências? Padaria tem em todo lugar. O cliente é que escolhe a que serve melhor. Puta pensamento tosco dessas pessoas que cuidam das ATs. Não sei o que é pior. A falta de atenção com as merdas que as ATs fazem ou o fato de que uma pessoa lá de fora ter que resolver as coisas daqui. Queria um emprego desses, a pessoa é contratada para cuidar das ATs e não faz nada.
  3. Concordo plenamente. Não é de hoje que eu também faço a mesma pergunta. O que está faltando para a .BR limar um monte de gente que não presta?
  4. Concordo plenamente. Por mais que a intenção tenha sido pelo lado da brincadeira, não foi um comentário pertinente nem feliz. Tudo que precisamos agora é de uma pessoa que esteja realmente disposta a resolver nossos problemas, em detrimento do que acontece com os responsáveis aqui no Brasil. Se ela é amável e simpática, mais um ponto para valorizarmos ainda mais a atenção que ela nos dá.
  5. AHAHAHAHA Macfix é a melhor. Vai nessa... Difícil falar em melhor. Não conheço não. Você pode tentar achar as que já deram menos dor de cabeça para o pessoal.
  6. Marcelino, não entendi. Você foi transferido para lá pq aqui no Brasil não tem ninguém que tome conta disso? O que está acontecendo aqui no Brasil? Estão de férias? Você perguntou a respeito do tal Rafael Ruballo e do Carlos Palmieri? Abs
  7. Isso não é exclusividade do vocês ai no sul. Em São Paulo, Minas e Salvador a coisa está feia também. Não se tem opção. Quando você pensa que encontrou uma AT boa, descobre que é outra que se vale do desconhecimento técnico de alguns usuários para cobrar trocas de peças e consertos indevidos. E assim caminha a indústria do faturamento de peças e serviços... A diferença de preços de peças de AT para AT chega a mais de 600% (sim, experiência própria). Algumas como uma na região do bairro da Pompéia em SP, tem a cara de pau de passar o orçamento de uma placa lógica de PM G5 a 2600,00 reias e, depois da não aprovação (é claro), vem com a conversa que a situação no mercado está difícil e que por isso está dando um desconto na peça e, por isso, o valor cairia para 1200,00 reias (porra, sou trouxa? desconto de cu é rola). Fora que algumas AT mandam um tal de Luiz "Pardal", técnico em eletrônica" reparar placas, monitores e tudo mais, e depois cobram como peça trocada Gente, estamos lascados. Pesquisem, não aceitem uma primeira opinião. Reclamem, denunciem... Uma hora alguma alma caridosa irá descredenciar essas pessoas. Precisamos lutar para isso. Afinal, alem dos nossos direitos de consumidor, usamos produtos Apple pois acreditamos na qualidade e respeito aos clientes que a marca tanto faz questão de preservar e que deve se estender aos centros de serviços.
  8. Reforço mais uma vez Cristiano. Coloque para essa pessoa tudo que acontece aqui no Brasil. Se o canal foi aberto, e de maneira satisfatória e até mesmo cordial, devemos aproveitar. Pergunte quem é o responsável pelas ATs daqui. Abs
  9. Pergunta pra ela o que fazem na filial .BR um tal de Carlos Palmieri e Rafael Ruballo (esse segundo assistente do Carlos) então? Pois supostamente esses 2 é que cuidam das assistências no Brasil, ou deveriam. Se não são mais eles, quem é? Como ficará essa questão? Coloque que esse bando de picaretas que tem por ai, estão representando a marca.
  10. Quem é esse anjo que apareceu para nos salvar? É muito bom saber que alguém da matriz está sabendo o que se passa e melhor ainda, tentando resolver. Será que ela não pode fazer uma avaliação em todas as ATs daqui? Limar um monte de picaretas que estão por ai? Marcelino, coloca para ela o que está acontecendo com as ATs aqui no Brasil. Fala para ela perder uns minutinhos e dar uma lida nos tópicos do fórum da MM. Quem sabe chegou a hora de alguém resolver dar a cara a tapa e colocar ordem na casa?
  11. Acho que esqueceram de dizer isso para a nossa .BR e muito mais para as ATs que representam a marca. A merda está instaurada e só vai mudar com muita força política da .BR. Que insiste em não fiscalizar e punir quem faz merda, afinal de contas, estão representando uma marca. Tem que descredenciar... Tem que punir... Temos que cobrar... Temos que entrar na justiça se for o caso. Só assim eles verão que quem está cuidando das ATs, não está fazendo o serviço dele direito. Virou a festa da uva, pq quem já tem a autorização a alguns anos para ser AT, não se preocupa. Parece que a .BR tem medo de mexer com eles. Ou leva "algum" para não mexer. Tem coisa muito estranha acontecendo para os lados da Av. Faria Lima em São Paulo...
  12. Acredite. Tem gente muito boa, com conhecimento e vontade para fazer algo diferente. Mas que estão encontrando dificuldades. Começo a pensar que existe uma "força maior" dentro da nossa filial .BR a favor de alguns outros centros técnicos para que outros não entrem no mercado e acabem tirando os clientes deles. Pois duvido que alguém queira continuar sendo atendido por essas que estão ai. Bom, sei lá. Já falei que acho válido além da reclamação aqui, enviar email para os responsáveis na nossa querida .BR
  13. Com certeza o MM é um meio de divulgação de notícias que tem credibilidade suficiente para ser esse "termômetro" a respeito da qualidade do atendimento dado aos clientes por parte das assistências Apple. Com certeza, ter um local para poder pesquisar antes qual é a assistência que tem mais ou menos reclamações nos dá parâmetro para saber onde devemos levar nosso equipamento. E em contrapartida, faz com que as assistências queiram estar longe das piores colocações. Acredito que as reclamações devidamente comprovadas ajudariam muito. Um espaço democrático onde existisse o direito de defesa da assistência citada. Muitas vezes o que acontece é que o ruim não é a assistência e sim o técnico que trabalha lá. E a própria administração não sabe pois o erro é encoberto. Realmente somente com a reclamação (de maneria coerente) e a cobrança para que a Apple faça algo com os casos recorrentes é que nos dará uma tranquilidade de que estamos sendo respeitados e que a confiança nos serviços autorizados Apple segue o padrão que sabemos que existe por parte da Apple americana.
  14. Mais e mais reclamações... Os anos vão passando e nada muda. Até quando? Quem compra um Apple paga cara aqui no Brasil, mas continua sendo tratado com indiferença pelas pessoas que deveriam cuidar das assistências. Gostaria muito de ver uma reportagem bastante completa aqui no portal mostrando a indignação de nós usuários com as assistências. Quem sabe começa a ajudar em algo? Pois sinceramente falando, tenho medo quando meu Mac dá algum problema e eu tenho que me sujeitar a essas assistências. Bom, mais uma vez... Mais uma outra reclamação que passará em branco. O pior não é nem só a reclamação passar em branco, o pior é que essas assistências continuam operando no mercado. Deveria que existir um descredenciamento, uma punição rígida. Para que a confiança na Apple BR voltasse a se fortalecer.
  15. Opa, volta do órgão censor? Até concordo que as reclamações tem que ser comprovadas. Mas se elas existem, servem de parâmetro para sua empresa prestar atenção que algo não está indo bem (já que a Apple BR não faz isso) Tal seria agora as pessoas que se sintam prejudicadas por algum problema ocorrido em alguma assistência não ter o direito de reclamar. Que medo é esse? Será que sua empresa realmente está tratando os clientes como deve? Reveja sua forma de abordar críticas, elas podem ser uma grande ferramenta para melhorar seu negócio e, se você usar um pouco sua inteligência, promover de maneira positiva sua empresa. Sem mais...
  16. [email protected] Manda email. Esse ai é o tal que deveria fiscalizar a qualidade das assistências autorizadas Apple, Carlos Palmieri. Pelo visto e pelo o que, constantemente, lemos aqui ele não está fazendo o trabalho dele direito. Precisamos meter o dedo na ferida. Reclamar com quem pode fazer algo. Não adianta ficar escrevendo aqui. Tem que encher a caixa postal dele e cobrar atitude. Quem sabe ai ele se toca e começa a cobrar melhor atendimento. Só alerto para uma coisa, ele tem o péssimo hábito de não responder emails. Só depois do quarto ou quinto (mais uma vez comprovando a "preocupação" da Apple Brasil com os clientes que precisam de assistência). Por isso que a zona está estabelecida nos supostos centros de serviço autorizados Apple aqui no Brasil. Se a pessoa que, supostamente, era pra cuidar da qualidade no atendimento não está nem ai, nem para responder emails dos clientes com reclamação, imagina as assistências? Bom, a dica está dada. Abs
  17. Fico lendo aqui e ali tantas reclamações sobre assistências. Tantas coisas que poderiam ser evitadas com algo tão simples, um pouco mais de atenção aos problemas dos clientes. Digo isso pois uma assistência técnica existe para resolver (ou tentar) os problemas dos clientes. É uma empresa de prestação de serviço, ganha com isso e para isso. Se não quer lidar com os problemas dos clientes, não seja uma assistência. Mais uma vez volto a tocar em um ponto que considero imprescindível, a responsabilidade da Apple Brasil. afinal de contas essas assistências, completamente irresponsáveis e sem compromisso, representam a marca. ONDE ESTÁ O RESPONSÁVEL PELAS ASSISTÊNCIAS NA APPLE BRASIL? É impossível acreditar que, com tantas reclamações, apenas o silencio seja a resposta que nós recebemos dele. Ou mais ainda. Será que mais ninguém percebe a total e completa incompetência desse Sr. que gerência as assistências dentro da própria Apple? Quer dizer, em todos os locais onde eu trabalhei, se um empregado (por mais alto cargo que ele tivesse) não fosse "produtivo" o suficiente, ele era substituído. Faz tempo que o "glamour" da marca Apple está indo para o buraco (pelo menos aqui no Brasil). Sou do tempo em que uma pessoa (que não vou citar o nome) era super responsável e cuidava das assistências, bons tempos. Infelizmente ele mudou de cargo dentro da própria Apple Brasil. Agora a anos estamos a mercê desse outro ai, que pelo visto só está interessado mesmo nos lucros de vender peças para as assistências mas, exigir um serviço no mínimo decente para nós consumidores, nada. Novamente, será que ninguém da Apple Brasil vê o que está acontecendo nesse departamento? Ai está ficando cada vez mais feio para a Apple Brasil, muito mais feio. Como sempre fico indignado. E ao mesmo tempo triste por não saber quando isso vai mudar.
  18. Esse ponto que quero chegar. Posso dizer que sou uma pessoa que sei reconhecer quando sou bem atendido. Faço questão de recomendar, falar com o proprietário da assistência e dizer como fui bem atendido pelo funcionário entre outras coisas. Existem certas coisas acontecendo nesse meio que depreciam o atendimento. Minha opinião é que: "Quem não pode, não se estabelece". Se a pessoa não tem noção que vai ter uma série de exigências, certificações e procedimentos para ser um centro técnico, nem tente ser. Para tudo que se vai fazer nessa vida, precisa ter experiência senão vai dar errado. É aquela velha história: "Você operaria seu cérebro com um médico recém formado?". Com tudo é assim, um mecânico experiente muitas vezes, somente pelo barulho que seu carro faz sabe o problema que ele tem. O que está acontecendo no mundo dos centros técnicos Apple, é que, mais uma vez, estão só visando lucro e não a excelência no serviço. Contratar um técnico experiente, com anos de casos já resolvidos, com anos de pesquisa sobre os mais diversos problemas é caro e nem um pouco interessante (ai o erro na minha opinião). Amigos vá a um centro técnico e pergunte para o técnico que vai trabalhar no seu problema quantos anos trabalhando com Mac ele tem. Pergunte se ele, pelo menos, sabe ler inglês. Praticamente todos os problemas que os usuários podem ser encontrado com uma pesquisa no Google o que acontece é que muitas estão em inglês. Isso sem falar no site gsx.apple.com que é exclusivo para centros técnicos com soluções e ferramentas. Conheço um centro técnico em São Paulo que contrata estagiários estudantes de uma escola técnica e paga um salário mínimo para a pessoa (até ai tudo bem). O problema é que depois de 6 meses quando a pessoa já tem uma certa experiência e começa a exigir um salário maior é mandado embora e se contrata outra pessoa sem experiência nenhuma. Tudo bem, cada pessoa que tem uma empresa tem seu jeito de lidar com ela, não estou aqui discutindo gestão empresarial ou táticas de recursos humanos. Ficamos assim. Um técnico com meia experiência no mercado, que muitas vezes acha que já tem experiência suficiente, mas só faz cagada na máquina das pessoas e um centro técnico com um técnico sem experiência. Complicado. Falta comprometimento. Falta vontade de fazer algo diferente do que já está ai. Falta uma política da Apple em exigir e fiscalizar se os técnicos que estão no centro técnico realmente tem conhecimento (além das provas de certificação). Quem sabe assim as reclamações diminuiriam. Realmente, sou usuário Apple a muitos, mas muitos anos mesmo e não me considero chato, pelo contrário, só apelo para centro técnico quando o problema é hardware e ainda por cima peças Apple. No mais, me viro muito bem. Mais uma vez. "QUEM NÃO PODE NÃO SE ESTABELECE". Se você vai ter ou tem um centro técnico tem que saber que vai gastar (como qualquer outro negócio que faça as coisas direito). É fácil dizer que é difícil ou é caro manter uma estrutura, então nem faça. Abraços
  19. A questão aqui não é apontar quem fez a merda. O que estou contestando aqui é a responsabilidade que a Apple tem em fiscalizar e exigir uma posição de excelência na prestação de serviços. Existe uma pessoa responsável pelos centros técnicos dentro da Apple Brasil. Tentei entrar em contato com ele para reclamar e não consegui. Por email ou telefone ele não retorna. Pensei em ir pessoalmente e ficar esperando para poder ser atendido mas não tenho tempo para isso. Fiz uma pesquisa no Google e descobri que praticamente todos os centros de serviços tem reclamações recorrentes. Não é que é uma reclamação isolada de uma pessoa que poderia ter sido mais tolerante a algo. Não, são reclamações graves que vão de falta de atenção ao problema do cliente, passando por falta de cuidado com o equipamento, até "sumiço" de peças dos equipamentos. Por que empresas com tantas reclamações ainda representam uma marca? É no mínimo estranho essa proteção que alguns centros de serviços recebem. É isso que venho colocar. Mais uma vez. Não vou falar bem ou mal aqui. Mas no site que está sendo finalizado, haverá espaço para reclamação, explicações e, mas inda, cobrança por parte dos responsáveis da Apple. Abraços
  20. Por que o suporte técnico Apple no Brasil é tão ruim e tende a piorar, apesar das inúmeras reclamações e reivindicações por parte dos usuários? Me fiz essa pergunta hoje depois de receber um email que não me agradou muito, algo relacionado a meu Mac por parte da assistência em que ele estava. Aqui não irei citar nomes pois minha intenção não é fazer propaganda, boa ou ruim, de nenhum centro técnico. Você já tentou abrir algum tipo de reclamação para a Apple a respeito de um procedimento mal feito por uma assistência? Já teve resposta de algum telefonema ou email enviado com sua reclamação? Ou mais simples ainda, sabe como e onde reclamar? Bem provável que sua resposta para alguma dessas perguntas é NÃO. Isso acontece por culpa única e exclusiva da Apple. Por anos que não se faz uma avaliação séria das empresas que estão no mercado para prestar serviços aos usuários Apple. Mesmo verificando tantas reclamações das mais diversas empresas nos mais diversos fóruns, listas de discussão, etc… Parece que a política do "deixa como está" é a melhor. Vamos continuar tratando o usuário de um equipamento tão caro como verdadeiros otários. A coisa só funciona quando a pessoa vão para os órgãos de imprensa e PROCOM. Acho que se houvesse uma avaliação séria por parte das pessoas responsáveis pelos centros técnicos autorizados, a coisa seria bem diferente. Conheço pelo menos meia dúzia de centros que, pelo o que já li e ouvi por ai, não mereciam representar o nome da Apple, são pessoas com pouca ou nenhuma experiência técnica, curiosos que acham o mercado lucrativo pois colocam mais de 50% no preço das peças, entre outras tantas coisas pejorativas que só prestam para afundar mais e mais o que deveria ser tão bom quanto o equipamento que compramos, o serviço. Desde problemas com atrasos na alfândega até falta de educação e arrogância de funcionários dos centros de serviços. Temos que engolir de tudo. Uma seleção rigorosa e com a efetiva participação dos usuários seria a solução para esse descalabro que passamos. Por isso pretendo, juntamente com alguns outros usuários, criar um site especializado em manter um "hanking" mostrando os melhores e piores. Ai sim dando "nome aos bois" e cobrando arduamente uma posição da Apple Brasil para melhorar a nossa situação que, hoje, encontra-se em um estado lamentável. Assim que tudo estiver pronto, volto para informar o endereço e contar com o apoio de todos. Obrigado David
×
×
  • Criar Novo...