Ir para conteúdo
  • Cadastre-se

Endy

Membros
  • Total de itens

    1.675
  • Registrou-se em

  • Última visita

Tudo que Endy postou

  1. Arquivos .exe não podem ser abertos no Mac. A melhor solução é verificar se não existe uma versão do mesmo própria para Mac. Uma saída também é abrir o arquivo em uma VM com Windows. É possível fazer uma gambiarra também utilizando o CrossOver, mas é uma solução bem limitada. Abraços.
  2. Eu estou muito interessado em adquirir o 6 Plus, mas com certeza os preços por aqui serão exorbitantes. Abraços.
  3. Pretendo ir de iPhone 6 Plus. Como já falaram aí, o aumento do tamanho da tela é uma evolução natural (para quem precisa, obviamente). Acredito que a tela maior vai melhorar minhas tarefas diárias com o iPhone. Abraços.
  4. Opa, valeu pela dica! Já está na hora de fazer um upgrade de memória no meu MBP! Abraços.
  5. Olá pessoal, tudo bem? Desde que eu comprei o meu primeiro iPhone, lá em 2009, eu percebo que muita gente ainda tem várias dúvidas acerca da bateria do iPhone. Parece que esse é um assunto recheado de mitos e suposições, e que pouca gente sabe realmente o que é verdade. Recentemente eu me deparei com uma página de internet que falava sobre os erros mais cometidos pelos usuários de iPhones com os seus aparelhos. Eu fiquei realmente surpreso com a quantidade de mitos e bobagens em uma página que tem o intuito de informar, e de como essas informações incorretas se alastram com facilidade. Com o intuito de ajudar a desmistificar o assunto e a tentar informar os usuários com informações embasadas, eu criei este tópico. Esclareço desde já que eu não sou um especialista em eletrônica e que eu não quero mostrar que sei mais do que ninguém. Eu participo da comunidade do MacMagazine já faz um tempo, e recebo ajuda sempre que preciso, e de vez em quando eu tento retribuir essa ajuda da melhor forma que posso. Todas as informações escritas aqui são baseadas nos meus 5 anos de uso de vários modelos de iPhone e em artigos de suporte disponibilizados pela própria Apple. Aqui eu estou expressando a minha opinião, e ninguém é obrigado a concordar comigo. Vamos lá: - Devo usar somente os cabos e carregadores da Apple? Posso usar de outras marcas? Todos sabemos que os cabos e carregadores originais da Apple possuem um preço relativamente salgado. Eu particularmente, gosto de ter cabos em casa, no trabalho, no carro e etc. E com a necessidade de adquirir vários cabos, acabamos esbarrando nos preços poucos convidativos da Apple. Porém, pagamos um preço elevado por eles mas temos a certeza de que eles jamais irão danificar os nossos aparelhos. Existem outras marcas já conhecidas e bastante utilizadas, que fabricam cabos e carregadores com excelente qualidade e preços mais convidativos, além de oferecerem uma variedade maior do que os cabos e carregadores brancos originais. Ao procurar acessórios de outras marcas, eu recomendo procurar pelo selo "Made for iPhone". Este selo indica que o produto foi fabricado utilizando diretrizes fornecidas pela própria Apple, e que não irão danificar os nossos dispositivos. - E os chineses? Devo usar? Eu já comprei diversos cabos, carregadores e docks chineses e sem marca, e utilizei eles por um tempo. A maior vantagem deles é o seu preço, é realmente muito barato. Mas pelo que eu pude perceber, eles carregam o aparelho de uma forma muito lenta e param de funcionar do nada. No caso dos adaptadores de parede, eles esquentam com mais facilidade. Com medo de danificar o meu iPhone e as instalações elétricas do local, eu parei de utilizar esses produtos de origem duvidosa. Pra mim, o preço não compensa o risco. - A temperatura realmente influencia na eficiência da bateria? Sim. De acordo com esse artigo, a Apple recomenda que você não utilize o seu aparelho em temperaturas extremas. Levando isso em conta, eu não deixo o meu iPhone no painel do carro trancado e no sol, mas eu também não deixo de utilizar ele quando estou ao ar livre no sol, ele não vai superaquecer por isso. - Minha bateria acaba relativamente rápido. Devo utilizar todas as dicas que falam por aí para maximizar o seu desempenho? Depende. A própria Apple possui dicas para melhorar o seu desempenho, como reduzir o brilho da tela e desabilitar o push, por exemplo. É uma regra simples, quanto menos você utilizar, menos bateria vai gastar. Mas no meu caso por exemplo, eu gosto de entrar no carro e já ter o meu aparelho conectado no rádio via bluetooth automaticamente, gosto de saber na hora que eu recebi um e-mail e gosto da minha tela o mais brilhante possível. Logo, eu não vou me privar dos recursos que o iPhone me oferece só para ter algum tempo a mais de bateria. Eu sempre tenho meios de carregar o meu aparelho na maioria dos lugares em que eu estou. Mas isso é uma questão de gosto pessoal, cabe a cada um decidir o que é mais vantajoso para si. Porém, se sua bateria dura poucas horas ou se o seu iPhone desliga do nada enquanto ainda há carga, ele está com problemas. Entre em contato com o suporte da Apple. - Uso meu iPhone 24 horas por dia. Minha bateria vai estragar por causa disso? O iPhone e sua bateria foram feitos para serem utilizados. Use o aparelho o tempo que precisar, e se a bateria estiver acabando, carregue. Simples assim. As baterias de íon de lítio da Apple possuem uma vida útil de muitos ciclos de carga e descarga. Logo, se você utiliza bastante, a vida útil dela tende a ser menor do que alguém que mal utiliza o aparelho. Em contrapartida, as baterias foram feitas para serem utilizadas. Se você praticamente nunca utiliza a bateria do aparelho, a vida útil dela também será reduzida. Concluindo: use a bateria do seu iPhone da melhor forma que te atender, evitando os extremos. Provavelmente sua bateria ainda estará boa quando você quiser fazer um upgrade de iPhone. - Deixo o iPhone carregando a noite inteira. Vou estragar a minha bateria fazendo isso? A bateria do iPhone demora cerca de duas horas para carregar completamente. Se você dorme oito horas por noite, o iPhone ficará conectado na energia por seis horas estando completamente carregado. Esse é um comportamento comum, feito pela grande maioria dos usuários de iPhone, e eu me incluo nessa. Quando o aparelho é completamente carregado, a sua bateria para de receber energia. Ela não fica carregando infinitamente até você desconectá-la da tomada. Portanto, durma tranquilo, a bateria do seu iPhone não está estragando enquanto você descansa. Claro, devemos evitar os extremos. Deixar o aparelho na tomada por dias vai fazer com que a bateria seja sub-utilizada, e isso não é bom. - Devo carregar o iPhone somente quando a bateria estiver acabando para a bateria não viciar? Não. As baterias de íon de lítio do iPhone não viciam. Você pode conectá-lo a energia sempre que achar conveniente. Não há a necessidade de esperar a bateria ficar com pouca ou nenhuma carga para carregá-la. Ela não possui o "efeito memória" que aquele seu antigo telefone sem-fio comprado em 2001 tinha. Você também não precisa esperar a carga chegar a 100% para interromper o carregamento. Portanto nada se atrasar para aquele seu compromisso porque a carga do seu iPhone está em 98% e você não quer tirá-lo da tomada. Bom pessoal, eu acho que essas são as principais dúvidas que os usuários de iPhone possuem sobre o uso da bateria do mesmo. Tentei explicar da melhor forma possível, me baseando em testes e artigos da Apple. Se você tem mais informações sobre o assunto, por favor compartilhe com a comunidade para que possamos enriquecer cada vez mais o nosso conhecimento sobre o assunto. Dúvidas também são sempre bem vindas, pois sempre aprendo bastante com as discussões que rolam por aqui. Abraços!
  6. A questão da durabilidade das laterais mudou profundamente do 5 pro 5s. Eu tive ambos os modelos, preto e cinza espacial, respectivamente. Com o uso normal e uma eventual queda, pude constatar que a lateral do 5s é infinitamente melhor, não ficando com aquela aparência "lascada" no caso de algum choque. Abraços.
  7. Entendido. É que tem gente que antes de averiguar qualquer coisa, já vem metendo o pau no vendedor, sem sequer tentar resolver o problema com o mesmo. Mas pelo que pude ver, esse não é o seu caso. Bom, boa sorte na resolução do problema. Abraços.
  8. Você falou que isso não tem nada a ver com o vendedor, mas cita o nome dele aqui. Nunca negociei com o mesmo, mas a atitude mais certa não seria entrar em contato diretamente com ele para verificar o problema? Abraços.
  9. Você aí tentando acessar os sites e aplicativos bloqueados, e eu aqui tentando bloquear isso na faculdade hehe! Diferenças à parte, a dica do Marcosh72 é boa, se a rede tiver VPN liberada dá para acessar tranquilo. Abraços.
  10. Atualizei o Foursquare, mas o problema continua. Sigo com a atualização em segundo plano deste aplicativo desativada. Abraços.
  11. Eu também não senti tanto impacto no consumo de bateria. Mas aquele ícone lá toda hora irrita mesmo! Abraços.
  12. O que eu consegui fazer para resolver foi desabilitando a atualização em segundo plano para os aplicativos Foursquare e Fruit Ninja. Vou aguardar que os mesmos se atualizem para reativar a opção. O que parece que está para acontecer, pois o Foursquare havia sido retirado temporariamente da App Store. Abraços. Isso foi o que resolveu por aqui mesmo. Boa dica. Abraços.
  13. Eu também vi outros locais recomendando isso, porém lá falava que era só para o iPhone 4. Mas no fim eu acabei tentando aqui e não resolveu nada. O que eu consegui fazer para resolver foi desabilitando a atualização em segundo plano para os aplicativos Foursquare e Fruit Ninja. Vou aguardar que os mesmos se atualizem para reativar a opção. Abraços.
  14. Também estou com o mesmo problema e acabei criando um tópico sobre isso. Segue abaixo o relato: Ontem eu atualizei o meu iPhone 5s para o iOS 7.1 e o processo foi bem tranquilo (fiz pelo iTunes como de costume). Gostei bastante das mudanças e senti o sistema mais rápido e liso, fora as pequenas mudanças visuais. Curti. Porém, uma coisa que percebi logo de cara é que o ícone dos serviços de localização ao lado do indicador de bateria não sumiu desde que atualizei. Então, eu entrei nos ajustes do sistema e percebi que os itens "Conexão à Redes Wi-FI" e "Locais Frequentes" estão utilizando bastante o recurso citado. Eles não ficam 100% do tempo utilizando, mas parece que agora a frequência é bem maior. Mas estes dois itens não me parecem os responsáveis por utilizar o recurso de localização o tempo todo, e sim o Foursquare e o Fruit Ninja. Este último criou uma cerca geográfica e não parou de utilizar desde que atualizei! Ok, eu sei que o Foursquare é um aplicativo que depende exclusivamente da sua localização para funcionar adequadamente, porém ele não se comportava assim, utilizando o recurso o tempo todo. O iOS de mais alguém está assim? Me parece mais que é um bug dos aplicativos do que do sistema. Uma falta de adequação para o iOS 7.1. O que acham? Abraços.
  15. Aqui eu só atualizo pelo iTunes e nunca tive problemas. Eu faço parecido com que o Heit0r falou, mas eu não baixo o IPSW manualmente, deixo o iTunes baixar mesmo. Abraços.
  16. Aqui no meu iPhone 5s não acontece esse problema. Abraços.
  17. Eu estou enfrentando problemas com os Serviços de Localização, conforme o tópico que eu criei. Segue abaixo o relato: Ontem eu atualizei o meu iPhone 5s para o iOS 7.1 e o processo foi bem tranquilo (fiz pelo iTunes como de costume). Gostei bastante das mudanças e senti o sistema mais rápido e liso, fora as pequenas mudanças visuais. Curti. Porém, uma coisa que percebi logo de cara é que o ícone dos serviços de localização ao lado do indicador de bateria não sumiu desde que atualizei. Então, eu entrei nos ajustes do sistema e percebi que os itens "Conexão à Redes Wi-FI" e "Locais Frequentes" estão utilizando bastante o recurso citado. Eles não ficam 100% do tempo utilizando, mas parece que agora a frequência é bem maior. Mas estes dois itens não me parecem os responsáveis por utilizar o recurso de localização o tempo todo, e sim o Foursquare e o Fruit Ninja. Este último criou uma cerca geográfica e não parou de utilizar desde que atualizei! Ok, eu sei que o Foursquare é um aplicativo que depende exclusivamente da sua localização para funcionar adequadamente, porém ele não se comportava assim, utilizando o recurso o tempo todo. O iOS de mais alguém está assim? Me parece mais que é um bug dos aplicativos do que do sistema. Uma falta de adequação para o iOS 7.1. O que acham? Abraços.
  18. Acredito que sejam necessárias atualizações nos próprios aplicativos. Alguém mais passando por isso? Abraços.
  19. Olá pessoal, tudo bem? Ontem eu atualizei o meu iPhone 5s para o iOS 7.1 e o processo foi bem tranquilo (fiz pelo iTunes como de costume). Gostei bastante das mudanças e senti o sistema mais rápido e liso, fora as pequenas mudanças visuais. Curti. Porém, uma coisa que percebi logo de cara é que o ícone dos serviços de localização ao lado do indicador de bateria não sumiu desde que atualizei. Então, eu entrei nos ajustes do sistema e percebi que os itens "Conexão à Redes Wi-FI" e "Locais Frequentes" estão utilizando bastante o recurso citado. Eles não ficam 100% do tempo utilizando, mas parece que agora a frequência é bem maior. Mas estes dois itens não me parecem os responsáveis por utilizar o recurso de localização o tempo todo, e sim o Foursquare e o Fruit Ninja. Este último criou uma cerca geográfica e não parou de utilizar desde que atualizei! Ok, eu sei que o Foursquare é um aplicativo que depende exclusivamente da sua localização para funcionar adequadamente, porém ele não se comportava assim, utilizando o recurso o tempo todo. O iOS de mais alguém está assim? Me parece mais que é um bug dos aplicativos do que do sistema. Uma falta de adequação para o iOS 7.1. O que acham? Abraços.
  20. Vai ver ele entrou no clima do carnaval! Tá bom, parei. O botão de todos os iPhones que tive nunca foram assim, sempre foram bem justos. Mas eu acredito que se ele funciona certinho, que não haja problema algum. Abraços.
  21. Já me decepcionei bastante com jogos no Mac, mesmo com a galera daqui sempre avisando. Portanto, não se anime com esse quesito, jogar no Mac não é tão bom assim. Claro, você pode instalar uma partição com Windows e brincar um pouco, mas saiba que a experiência não é tão satisfatória do que jogar em um PC. Depois de tanto "apanhar", resolvi parar de sofrer e comprei um console para jogar, e deixei de usar o meu Mac para este fim. Pra mim, foi a melhor opção. E claro, tirando este quesito o Mac é excelente, e eu não troco o meu por nenhuma outra máquina. A integração com os iGadgets, a confiabilidade, a usabilidade do sistema e todos os outros recursos que a gente tanto conhece fazem com que eu não saia do Mac. Abraços.
  22. 0m. Para isso existe o porta-malas do carro, para colocar as bagagens de uma forma segura, sem que elas sejam lançadas para todo o lado. Você deu sorte, a case e o próprio tapete do carro amorteceram a queda. Quando for assim, é melhor colocar ele no chão do veículo mesmo, que aí não tem pra onde ele cair. Abraços.
  23. Endy

    GTA V- PS4 e Mac

    Ultimamente apareceram diversos rumores com as versões do jogo para PC e os consoles da nova geração, mas como sempre, a Rockstar ainda não confirmou nada. Não vamos nos esquecer que a versão de PC dos GTAs sempre demoraram bastante para serem lançadas, se levarmos em conta a data de lançamento das versões para os consoles. Em outubro do ano passado eu estava a muito tempo sem ter um console, e com bastante vontade de comprar um. Fiquei na dúvida se aguardava o lançamento do PS4 e do XOne. Mas aí eu vi o GTA V, e acabei optando por pegar um PS3 só para jogar essa maravilha. Não me arrependi nem um pouco. Peguei 100% no jogo e continuo me divertindo no modo online. Me anima saber que talvez o GTA V venha para a next-gen. Só assim para eu me animar em pegar um destes consoles novo, que para mim ainda não trouxeram nada de novo. Em relação a versão para Mac, eu não me animo nem um pouco. É melhor comprar um console para este fim. Abraços. Edit: Se você vai iniciar uma discussão sobre determinado assunto, é de bom tom postar informações, matérias, textos e etc sobre o assunto. Mas como o mesmo me interessa, resolvi postar a minha opinião.
  24. Não é por nada, mas no artigo que li no MacMagazine, não são 40 bilhões de iMessages disparadas, e sim de notificações push. Vejam um trecho do artigo: "Outros dados interessantes cobriram os serviços iMessage e FaceTime: atualmente, 40 bilhões de notificações push são disparadas por dia, enquanto cerca de 15-20 milhões de chamadas FaceTime são realizadas e bilhões de iMessages (também diariamente)." Portanto, as iMessages trocadas estão dentro destes 40 bilhões, mas não representam o número total. Abraços.
  25. Legal! Quem me dera poder ir na loja com essa facilidade! Abraços.
×
×
  • Criar Novo...