Ir para conteúdo
  • Cadastre-se

alex godoy

Membros
  • Total de itens

    274
  • Registrou-se em

  • Última visita

  • Dias Ganhos

    7

Tudo que alex godoy postou

  1. Ele não conseguirá ativar o AppleCare + porque online ativa somente nos 2 primeiros meses. E como a ativação segundo ele foi em maio, já era.
  2. Beto, não sei se mudou mas é até abril eu tenho certeza de que era possível ativar pelo site da Apple (mysupport )informando o serial no navegador, mesmo sem ser utilizando o próprio Macbook para isso. Inclusive um importador amigo meu disse que às vezes os compradores pediam para ele mandar foto com o número serial da máquina antes de comprarem e ele já teve problema da pessoa registrar o equipamento mas desistir da compra.
  3. Como o Diego falou que estava lacrado... e vamos lembrar que aquele lacre da Apple é muito bem feito e eu acredito ser inviolável, acho que pode ter ocorrido um problema muito mais simples. Na caixa do Macbook consta o número serial. Então é possível que algum funcionário ou qualquer pessoa em qualquer momento registrou o Macbook no site da Apple sem nem mesmo abrir a caixa. Acredito que seja isso. Tanto que se o Diego mandar para a Apple BR a cópia da Nota Fiscal a Apple altera a data de compra no sistema na mesma hora. Abs.
  4. Verdade! Lembro que não comentei porque o colega falou que o dinheiro só daria para o modelo básico.
  5. Gabriel Como você é novo no mundo Apple vou te dar umas explicações teóricas antes de te dar a resposta. Os processadores do Air M1 e do Pro M1 são exatamente os mesmos, a primeira versão do chip Apple Silicon ou M1. O Pro possui 8 cores de GPU que é o processamento de vídeo enquanto o Air possui 7 cores. Testes apontam que isso não costuma a dar mais que 10% de diferença de processamento em edição de vídeo pesado. A diferença mais notória dos dois modelos é realmente a ventilação. É ai que o Pro pode ser de 15% a 20% mais rápido que o Air em ocasiões onde 90% das pessoas jamais vão chegar. A ventilação é ligada quando o processador fica em carga pesada por vários minutos a ponto de esquentar a uma temperatura que o sistema entenda ser conveniente resfriar para não ocorrer throttling. O throttling é a diminuição do clock do processador para que o mesmo resfrie e não frite. Assim, um processador quente possui dois caminhos, ou ser resfriado mecanicamente (vento por exemplo) ou executar throttling, baixando seu clock até resfriar naturalmente. E isso acontece ao mesmo tempo, claro. Durante o período de throttling o processador mais lento vai naturalmente executar as tarefas mais lentamente. Para você aquecer o processador M1 a ponto de throttling você precisaria estar renderizando um vídeo 4K com muitas camadas de efeitos... e mesmo assim, o throttling não é algo que ocorre por 10, 20 40 minutos, é algo que ocorre várias vezes por minuto, o processador aumenta e baixa a sua velocidade a todo momento de acordo com a temperatura medida pelo sistema. Isso em consideração, o vídeo de 4K que eu falei acima iria renderizar no Pro em digamos 20 minutos e no Air em 17 minutos mais ou menos. Ou seja... quase insignificante, a não ser que você renderize 4K 8h por dia. Finalizando, sabe quando fiz throttling de verdade no meu Air M1? Quando usei os programas de teste. Porque no mundo real isso é muito raro e quando acontece é rápido. Conclusão O Air M1 faz exatamente o que o Pro M1 faz. Não são processadores mais fortes vs mais fracos como os i3, i5, i7 da Intel. É o mesmo processador no mesmo clock com resfriamento ativo em um (vento) e passivo no outro (carcaça) e 1 unidade de GPU a mais. Não conheço muito DAWs, não sei se os programas costumam usar aceleração gráfica para aproveitar 1 núcleo de GPU a mais. Mas com toda certeza em termos de processamento você não vai ter nenhum problema pegando o Air, pagando mais barato e sendo feliz com ele. Eu uso Premiere e Davinci Resolve em um Air M1. Em 1080p é tranquilo demais. DAW não pode ser mais pesado que estes dois programas. Bônus: Se você procurar por macbook air m1 thermal mod ou algo do tipo no Youtube verá que abrindo o Macbook Air M1 e colocando almofadas térmicas em uma pequena parte dele, aumentando o contato da parte que aquece com a carcaça, você transforma o M1 Air em um M1 Pro - os ganhos são na ordem de 20%. Isso porque a carcaça vai esquentar mais, diminuindo a temperatura do processador e evitando assim o throttling
  6. Não. O que for trocado em garantia é de propriedade da Apple. Antigamente era diferente. Por exemplo, já solicitei garantia que precisava de peça com previsão de 10 dias. Neste período eu pude ficar usando meu computador normalmente. Ocorrer da peça não chegar em 30 dias e a Apple me deu outro computador e nem mesmo recolheu o anterior. Ou seja, fiquei com dois. Hoje em dia mesmo que tenha que esperar por peças você tem que deixar seu computador na assistência Apple. O que é trocado em garantia fica com a Apple que vai avaliar se pode reaproveitar ou não o que estava estragado.
  7. Troca de tela. A tela do M1 amanheceu literalmente vazada. Não consegui identificar o motivo, mas como tinha o Apple+ nem me preocupei. Trocaram a tela por uma nova e levou 5 dias corridos entre deixar e pegar de volta.
  8. Este vídeo trata exatamente do que você quer fazer. Abraços.
  9. Fernandes Eu nunca abri o app suporte. Apenas conferi o status do Apple Care+ no Sobre este Mac. Inclusive já fiz uso do serviço aqui no Brasil sem problema algum, levei em uma iPlace e pelo serial verificaram a proteção e não me cobraram nada. Sobre a minha compra, fiz no site da Apple do Apple Care + dentro dos 60 dias com uma conta americana da minha esposa. Apesar de comprar na conta dela, foi ativado com o serial do M1 que está na minha conta brasileira, ou seja, sempre pelo serial, sem problema algum. Abs.
  10. Estranho, o que aconteceu no seu? Posso fazer algum teste para ajudar. O M1 tem estas questões interessantes. Quando comprei o meu, não espelhava a tela em um Apple TV 2nd geração que eu tenho. Saia o som mas nada de imagem. Deixei quieto por uns tempos. Este final de semana fui testar e agora está funcionando. Muitos usuários do microfone Blue Yeti X no mundo estão com problemas no M1, incluindo eu. De tempos em tempos o microfone começa a gravar ruído no áudio. No meu caso eu já sei como contornar, mas tem usuários que não conseguem utilizar seus microfones nos computadores M1. A Logitech informe que está procurando uma solução tem 6 meses já. Ainda vamos ter estas dores de cabeça por um tempo, depois vai tudo normalizar. Abs.
  11. Interessante, estou com o norton 360 aqui no M1 sem nenhum problema. Mas vou verificar se o norton lançou uma versão específica pro M1. Abs.
  12. Se não quiser M1 o Beto e o Rafael acima já deram sugestões. Se for M1 não consegue alterar nada de memória ou SSD. Escolha com sabedoria. Ou monte um hackintosh. Será mais barato. Abs.
  13. De qualquer forma, complementando o que os amigos disseram acima, eu iria de Air ou Pro M1 com 16Gb. Você terá máquina para muitos anos pagando até menos que um Pro antigo. E se quer programar swift então estará muito tranquilo dentro do ecossistema apple.
  14. Verdade amigo. Está bem caro... mas imagina pagar 20 k hoje nele e daqui uns 3 a 4 anos não conseguir vender nem por 80% disso. Porque com o avanço dos chips arm da Apple e o final do suporte dela ao x86 daqui a pouco todo mundo vai querer se "livrar" dos seus macs intel. E ai o preço deve despencar. Tudo em teoria, é claro.
  15. Mano, bem complicado o seu caso. Porque o futuro da Apple é ARM. O Windows não tem previsão de migrar para ARM tão cedo. Então... se você quer Apple e precisa de update... você tem um problema em mãos. Bom... No seu caso, eu pensaria o seguinte... A parte Windows que você usa precisa de MUITO poder de processamento ou gráficos? Porque se a resposta for não, você poderia comprar um notebook mais simples para o Windows e ter um Macbook M1 para todo o resto. Sei que não é prático ter duas máquinas mas... um note básico Windows e um Air ou Pro M1 vão custar menos do que um Macbook Pro 16 Intel. Ou mesmo um Windows e um MacMini... enfim, uma combinação de duas máquinas em vez de uma. De qualquer forma será mais barato e no futuro você poderá vender uma delas, ou as duas se quiser. Mas se sua máquina aguenta mais 3 anos, eu esperaria um tempo. Pois pagar 20k não me parece fazer sentido algum em um Macbook Intel. Abraços.
  16. Você mora onde? Aqui em Brasília eu tenho um que faz um preço muito bom. Paguei 6.800 no Air M1 quando todo mundo ainda cobrava 7.500 para cima. Mas ele não envia, só entrega em mãos. Abs.
  17. Amigo... a dúvida deixa de existir no momento em que você tem uma amiga voltando dos states e depois pode encontrar mais amigos para trazer o novo modelo no próximo ano. Com o valor que você vai pagar comprando fora você facilmente consegue vender aqui depois pelo mesmo preço que comprou ou por mais do que pagou, afinal, aqui é Brasil, terra do dólar Apple de R$ 10. Será fácil vender a geração M1, mesmo com um M1X, M2, M30.... Pois um Air M1 de 8Gb processa tão bem quando um I7. Eu vou seguir o mesmo caminho, tenho o Ar M1 básico e ano que vem eu compro o novo Pro 14 se for tudo isso de bom que promete ser. Enquanto isso eu aproveito um Air M1 com processamento de i7. Depois vendo perdendo nada ou muito pouco. Isso que eu não tenho quem me traga e comprei de um "importador". Abraços.
  18. Só complementando o amigo Beto acima, reforço tudo o que ele falou. Existem vírus para Android, iOS, Windows e MacOS. A questão é a quantidade em cada plataforma. Por ser muito mais utilizados, o Windows e o Android possuem muito mais malwares do que o iOS e o MacOS, mas todos possuem. Sobre antivirus, eu usei por alguns anos o Kaspersky mas tem 6 meses que estou dando uma chance ao Norton 360 que é tão bom quanto e oferece no pacote uma VPN. Os dois são ótimos, possuem em comum o preço barato (a todo momento aparecem promoções), pacotes para 1, 3, 5 ou mais máquinas e telefones, ainda, os dois ficam a todo momento mostrando propaganda de outros produtos da empresa (o que é um saco) e não deixam o computador muito mais lento. Aconselho usar sim. Abs.
  19. Sim, mesmo processo. Você tem que comprar em até 60 dias depois do registro. Eu tenho para o meu Macbook Air M1. Você pode pagar o completo ou o anual. Eu fiz no anual e consegui pagar com cartão de crédito brasileiro. Abraços.
  20. Imagina. Pergunte à vontade. No meu caso não falei do Pro porque você definiu um limite financeiro de até 7 mil. O Pro custa mais. O Air M1 básico possui o mesmo processador do Pro, com um núcleo a menos de GPU integrado que não vai fazer nenhuma falta para o seu trabalho. E ainda tem a possibilidade de fazer o hack no Air que deixa ele com a mesma velocidade do Pro:
  21. Como o BetoGaleazzo falou, se quer Apple não vai escapar de adaptadores e cabos, especialmente na geração M1. Como você já informou que edita 1080p básico então o M1 vai resolver tranquilamente. Será como ir da água pro vinho. O "problema" de você comprar o Air é que a pequena tela de 13" não ajuda muito na edição. Finalizando... O que você queria saber era qual daria conta do trabalho de edição. Quer tranquilidade, velocidade e atualizado com a Apple? Vai de M1. Agora você tem que pensar no seu uso. Quer mobilidade? Air M1 Quer um monitor grande e poucas entradas a mais? Mini M1 Não se preocupa com mobilidade e quer mais portas direto na máquina? Vai de iMac intel usado que vai custar uma fortuna. Boa sorte.
  22. Verifique, como os amigos falaram, provavelmente está digitando o número errado. Copie o serial direto do MacOS e cole no Checkcoverage, pois ele tem que validar o seu serial, mesmo se fosse uma máquina ainda não registrada. O que pode ocorrer é ele ainda não identifica o registro, mas não identificar o serial nunca ouvi falar nos meus muiiiiiiitos anos de Apple. Se mesmo assim não der certo, ligue no 0800 da Apple, o suporte deles é super eficiente. Quando peguei o meu Air M1 liguei lá para ver se tinha algum registro de carga roubada ou coisa do tipo no meu serial. E é bem improvável pensar em um computador falsificado da Apple, com caixa e tudo mais. Depois conta aqui, ficamos curiosos com o teu caso.
  23. Garantia da Apple se dá pelo número serial do equipamento e o registro no site. Você pega o número de serie na carcaça do macbook, na caixa ou no MacOS e é ele que você coloca no checkcoverage, não o da nota fiscal. Nunca apresentei nota quando precisei da autorizada. Inclusive comprei o Applecare + On-line usando apenas o serial. Abs.
  24. Hahahahahahahha boa! Vou fazer igual! Mas... no Brasil?!?!?!?! Acho que é meio iPerigoso. Hahahhaah
  25. Acreditem, este é o meu Windows.
×
×
  • Criar Novo...