Ir para conteúdo
  • Cadastre-se

pbr

Membros
  • Total de itens

    294
  • Registrou-se em

  • Última visita

Posts postados por pbr

  1. Minha namorada disse que nunca imaginaria ver um produto de alta tecnologia em Ouro Rosé 18k, com pulseira em couro. 

     

    Essa parte é que a meu ver é mais ambígua de um smartwatch.

    Se a Apple quer entrar forte no mercado de relógios, acredito que está certo ter um modelo assim.

     

    Porém...

    Um Rolex de ouro, perfeito. Pois daqui a 50 anos ainda será um Rolex de ouro e valerá um bom dinheiro.

    Mas um Apple Watch de ouro, daqui a alguns anos só valeria para derreter o ouro...

     

    Fica estranho ter isso em um eletrônico, que daqui a uns anos não funcionará mais...  :wacko:

  2. Eu acho que a Apple fez tudo certo com o Apple Watch.

     

    A interface, que usa o elemento de design comum nos relógios. Os materiais, as várias opções de pulseira para todos os gostos. O fato de depender do iPhone para as funções mais complexas, ao invés de tentar ele próprio fazer tudo. O carregamento por indução (sem portas para nada). Ficou muito bonito e classudo. Nada perto daqueles smartwatches que apenas geeks usariam.

     

    E apesar de não usar relógios a anos, acho bonito e sempre penso em comprar um.

     

    Mas ainda não entendo muito bem o conceito dos smartwatches.

    Porque eu vou ficar me matando tentando ler um tweet na tela do relógio, se posso tirar o iPhone do bolso, ler e já responder usando o teclado, anexar uma foto, etc....

  3.  

     Imaginem a Tag Heuer, a Omega e a Rolex lançando seus respectivos Smartwatches, seria engraçado, pois agora a Apple passa a concorrer com empresas cujos produtos mais baratos custam na casa dos 3.000 USD, para mais.

     

    A Rolex não muda seus relógios a 50 anos.

    Não acho que o Apple watch vai mudar isso. :)

  4. Claro,

     

    Mas mesmo assim a Apple está longe, muito longe, de seguir a estratégia das concorrentes. Recentemente, o único caso de dois lançamentos de um mesmo aparelho no mesmo ano foi no mesmo ano, com o iPad 3a Geração e o iPad com Tela Retina, sendo que ambos tinham tela retina.

     

    Num período inferior a um ano a Samsung lançou 6 Relógios e uma infinidade de Smartphones. Sony, Motorola, LG, Nokia... idem. A estratégia da Apple e seguir as vendas mesmo quando o produto apresenta problemas, como foi o caso do iPhone 4 e o problema da antena (lembram, da necessidade de bumper) e do iPhone 5 Preto, que descascava com um sopro.

     

    O complicado, é que quando o Jobs saiu a primeira vez, foi assim aos poucos que ela virou aquela empresa cheia de produtos de tudo quanto é tipo

    É comum as empresas ter vários projetos. Precisa alguém dizer não para alguns deles, mesmo depois de gastar muitos meses e dólares.

    Sem esse alguém para dizer não, acontece o que acontece com toda grande empresa: "Já gastamos tanto, lança assim mesmo, e vamos ver o que dá."

     

    Bom, com relação ao iPhone 5, realmente teve alguns que descascaram muito fácil. Não sei dizer se foram todos assim. Mas alguns eu sei que teve o problema.

     

    Mas o antenagate do iPhone 4 foi meio lenda.

    Comprei um iPhone 4 logo no lançamento e usei até um pouco depois do lançamento do iPhone 5S, sem nunca usar capa, e ele sempre se saiu melhor que outros aparelhos que comparei.

    Da mesma forma conheço muita gente que usa iPhones 4 sem problemas.

  5. O iPad Mini vai permanecer.

     

    A Apple, tem uma política diferente da Samsung. Enquanto a Apple lança dois iPhone por ano, a Samsung lança um número indefinível de Galaxies por ano, sejam Smartphones, Tabletes, Smartwatches...

     

    Mas ela está se aproximando da mais da estratégia da Samsung (oferecer variedade de escolha para o consumidor).

    Ainda está a quilômetros de distancia, mas um pouco mais perto.

     

    A algum tempo atras ninguém imaginaria que a Apple lançaria um phablet.

  6. E onde é feita a configuração dele? Talvez a sincronização com o iPhone permita fazer isso.

     

     

    Na keynote foi mostrado algumas configurações sendo feitas no próprio relógio.

    Como escolher qual face, com qual informação ele mostra, cor, etc. Também escolher a posição dos ícones na tela, e mais uma ou outra.

     

    Isso tudo deveria ser feito no iPhone, já que o Watch depende do iPhone de qualquer jeito.

     

     

    Pra mim esse Apple Watch vai ser tipo um iPod em seus tempos de reprodutor de audio/video: meramente executa o que você configurou no iTunes. Nesse caso o que vc configurou com iPhone... e com TODAS as exceções devidamente relevadas já que hoje em dia a tecnologia permite bem mais... ainda assim, um porrinho (aparentemente).

     

    Sim! também achei que o Watch seria como o iPod. Que por ter uma interface muito simples, tinha toda a sua configuração feita no Mac.

    O Watch é o mesmo caso. Ele deveria ser apenas para consultar rápidas, e controles simples como pausar a música.

     

    Mas se você acompanhou a keynote, viu eles fazendo configurações no próprio Watch.

  7. Acabei de imprimir uma página com as dimensões reais dos iPhones 5S, 6 e 6 Plus para ter uma ideia do tamanho antes de ter algum em mãos. E, como já esperava, não tem possibilidade nenhuma de escolher o Plus, hehehe.

     

    Pra quem se interessar em ter mais ou menos uma ideia dos tamanhos, segue o link: http://photos.appleinsider.com/iPhone6_preorder_picker.pdf

     

    OBS: escolher o formato de papel Carta, não o A4 na hora de imprimir. E desativar qualquer ajuste de tamanho automático pré-definido.

     

    O 6 PLUS até mesmo o canto inferior direito fica difícil de alcançar. Nunca gostei de phablet...

     

    O 6 para mim já está grande demais.

    Precisar usar aquele duplo-toque não rola! :(

     

    Agora só resta torcer para ano que vem surgir um iPhone mini...

  8. Uma coisa que eu não entendi do Apple Watch é:

    se ele é dependente do iPhone, porque diabos não deixaram toda a configuração dele no iPhone???

     

    Onde eu tenho uma tela maior, com teclado, multitoque, etc. para fazer todas as configurações com conforto; e uma vez clicado em Done, sincroniza as configurações do Watch e pronto. Desse jeito seria muito melhor.

  9. Não defendendo porque prefiro menor, mas eles disseram sim. Foi falado algo do tipo "não lançamos antes para garantir que ia ser usável e com qualidade".

     

    Realmente não lembro dessa parte, mas ainda assim não diz nada.

     

    Nem perto da explicação do Jobs no lançamento da tela retina do iPhone 4, ou da explicação do Phil Schiffer apresentando as 4" do iPhone 5...  :unsure:

  10. Uma coisa que me chamou a atenção na keynote foi que a Apple não falou absolutamente nada do porquê aumentar o tamanho e a resolução da tela.


     


    Nem uma virgula se quer. Nem porque escolheram esse tamanho e resolução, ou porque foi feito dessa maneira, nada!


    Apenas duas coisas foram comentadas:


    - Que no PLUS dará para usar os apps da Apple na horizontal, como no iPad.


      O que achei legal. (nada mais óbvio se tratando de um phablet)


    - E que se pode usar duplo-toque no touch-DI para descer a tela.


      Uma gambiarra das grossas na minha opinião!


     


    E isso deixa claro para mim, que não existe nenhum motivo para o aumento


    (digo isso apenas no modelo de 4,7 uma vez que o de 5,5 é claramente outra categoria de produto).


    Parece até que a Apple pegou uma tela pronta de algum de seus fornecedores para colocar no novo iPhone. Mas é claro que não é isso.


    O motivo é aquela pesquisa onde aparece que: nos celulares com Android as telas maiores estão crescendo em venda.


     


    O que mostra que a Apple do Tim não é mais a Apple do Steve.


    Enquanto o Jobs era um CEO com foco no produto, o Cook já é um CEO focado em números.


    O mercado parece preferir telas maiores, mas isso é pior para o produto.


    Na Apple do Tim quem ganha é os números e não o produto.


  11. Eu preciso de algo que monitore o meu dia-a-dia, em razão de ter problemas com sono. Vou esperar pelo AppleWatch, mas com essa notícia da bateria, imagina, dormir com o relógio preso à tomada!

     

    Bastante gente pensou no iWatch para monitorar o sono.

    Mas aparentemente a Apple não pensa assim.

    Acredito que a ideia dela é voce tirar o relógio e deixar na tomada enquanto dorme. (fazendo par na tomada com o iPhone  :D )

  12. A diferença do iPhone 5S para o 5 seria muito maior da do 5S para 6? Tenho dúvidas. Mas isso veremos.

     

    Eu achei a diferença entre o 5S e o 5 maior do que do 5S para o 6.

    Até mesmo a velocidade de processamento, pelo gráfico mostrado pela Apple, o salto do iPhone 5 para o 5S foi maior que do iPhone 5S para o 6.

    De grande mudança mesmo é claro que tem o NFC, mas infelismente vai demorar para nós podermos tirar proveito dele (só mesmo na Apple Retail Store).

     

    Agora temos barômetro tb.

    E mais, vários testes mostraram q o giroscópio do iPhone 5 era mais preciso q o iPhone 5S.

    A Touch ID foi sensacional, mas no geral eu diria q o novo iPhone é mais poderoso do q foi seu antecessor em relação ao iPhone 5. Natural.

     

    É mesmo, tem o barômetro.

    E também esqueci a novidade que mais me agradou! O aumento na capacidade de armazenamento! \o/

    Pena que o de 16Gb continuou com 16Gb... :(

     

    Não estou tentando diminuir os lançamentos da Apple. Foi uma boa atualização. Gostei do iPhone 6, é mais bonito que toda a concorrência, mas ainda acho os outros iPhones mais bonitos que ele.

     

    P.S. 1 Só eu achei aquele termo Retina HD meio sem sentido?

    Se a tela é Retina, já é HD... e principalmente já é retina!

    Seria como um fabricante de bola lançar um novo modelo de bola chamada: Bola Redonda:wacko:

     

    P.S. 2 Tenho certeza que as piadas sobre o PLUS SIZE já devem estar rolando por ai.

    Já tivemos o fat iPod, agora teremos o fat iPhone!  :P

  13. Não sei se a keynote ficou muito corrida por causa do iWatch, ops WATCH, mas a única grande novidade foi o NFC, e a estabilização óptica, que infelizmente ficou restrita ao Plus... O resto me pareceu apenas evoluções meio corriqueiras.

     

    O iPhone 5S teve mais novidades! 64 bits, touchID, M8...

  14. "tudo" que o relógio faz o iPhone faz também e numa tela maior... 

    Foi o que eu sempre disse sobre os smartwatch.

    Qual a vantagem de ficar se matando naquela telinha se eu posso apenas tirar o iPhone do bolso e ter tudo o que eu preciso?

     

    Mas tem utilidades que não foram apresentadas.

    Aquela de usar o relógio como viewfinder do iPhone achei legal!

  15. Os preços dos iPhones que coloquei é somente no Brasil, lá fora sobe 50 USD e aqui sobre 500 BRL.

     

    Eu não entendo porque tanta gente acha que o preço do iPhone vai subir nos EUA (no Brasil, nem vou falar nada).

    A Apple já aumentou o tamanho da tela do iPhone antes sem aumentar o preço. Porque que agora seria diferente?

     

    Eu duvido muito que ela mude os preços.

    No máximo o modelo com tela maior pode ter um preço maior (caso seja um iPhone Pro ou algo assim), mas o menor terá que manter o preço.

  16. Dizem que o U2 vai tá na apresentação, talvez façam uma apresentação no final da keynote e a estrutura também sirva pra isso.

     

    As bandas sempre se apresentaram nas keynote da Apple e nunca tiveram uma estrutura especial para isso.

     

    P.S. Se tiver apresentação de alguma banda, é bem provável que teremos atualizações em iPod, ou iTunes Store pelo menos...

  17. De acordo com uma operadora chinesa os nomes comerciais do iPhone 6 serão iPhone Air (4,7") e iPhone Pro (5,5"). Faz sentido, considerando que o iPhone terá um design do iPhone Air e que a Apple está planejando um iPad maior que poderá ser o "Pro" para se diferenciar do Air. Para a Apple "Pro" é igual a tela maior e podemos observar isso no MacBook Pro. As especificações seriam chip A8 quad core, câmera frontal de 3 megapixels, melhorias no Touch ID, bateria de 2.100 mAh e de acordo com a imagem abaixo serão 416 PPI. As opções de armazenamento serão as mesmas de sempre.

     

    Eu acho que esses nomes não fazem muito sentido. Mas na verdade não precisam fazer.

     

    Pode ser que os iPhones venham mesmo como Air e Pro.

    O que me faz pensar em um "iPhone mini" para completar a família. :rolleyes:  Será que veremos a volta desse famigerado rumor de anos atrás?  :wacko:

     

    Na época eu achava esse rumor absurdo e sem propósito. Mas agora, um iPhone mini de 3,5" ou até mesmo 4" faz todo o sentido para mim!  :lol:

  18. basicamente tenho a mesma opinião,mas ao invés de uma bateria de relógio comum,aposto mais em algum sensor que carregue com nosso movimento,já que uma bateria comum tem 3v,acredito que ja temos tecnologia o suficiente para fazer essa recarga automatica,ou até mesmo um pequeno painel solar

    Quando comentei da bateria de relógio, foi apenas para exemplificar que sem tela ou Wifi, etc. a bateria poderia durar facilmente 1 ano. Mas é claro que pode ser algo mais elaborado como uma bateria recarregável por indução.

     

    Mas... as baterias do mouse, teclado e trackpad da Apple são pilhas comuns... então já não sei o que pensar!  :wacko:

     

     

    Artigo bem interessante sobre o iWatch. Segundo consta, serão dois modelos, em dois tamanhos distintos. Será que a Apple não lançará um modelo Custom e outro Casual, quem sabe em parceria com uma grande grife, como Tag Heuer, Omega, Tissot, Rado, Swatch ou com uma empresa do segmento de esportes, Nike (acho difícil por já ter o seu próprio Relógio), Adidas...

     

    O bacana seria a Apple atender a todos os públicos, seja ao Geek, seja a quem vai usar o relógio como um acessório, além de iDevice. Eu penso muito nisso, pois para mim o relógio é algo supérfluo. Há itens bem mais importantes com os quais eu devo me preocupar. O preço do iWatch, igualmente, não pode ser muito alto, pois não é apenas o público Geek o seu alvo e sim, como eu disse, quem depende um relógio no dia-a-dia. Se vier um iWatch a preço de um Tag Heuer, ora, é uma insanidade comprar tal Device, a não ser que seja necessário para o usuário.

     

     

    http://online.wsj.com/articles/apple-watch-to-allow-mobile-payments-1409845551?mod=e2fb

     

    Por isso eu acredito que um dispositivo como foi o Nike+Apple faz mais sentido, como comentei antes.

     

    Pois a roupa reflete muito a personalidade da pessoa. É diferente do celular que fica no bolso. O relógio ou óculos estão sempre visivel. E os smartwatch atuais apenas conseguem refletir a personalidade geek. Qualquer outro tipo de pessoa não vai querer aquelas traquitanas no pulso, mesmo querendo muito as funções de um iWatch.

     

    Com o Nike+Apple a Apple ficou responsável pela parte tecnológica, deixando o design do tênis para a Nike. Com o iWatch ela poderia repetir a formula, ficando responsável pela parte tecnológica, e deixar o design para parceiros como os que você citou.

     

    Mas é claro que no caso do iWatch, a Apple poderia fornecer uma ou duas opções de design dela própria (como comentei, fazendo um paralelo com as capas dos iPhones 5S e 5C); para aqueles que querem um relógio/pulseira "Designed in Cupertino".  ;)

  19.  

     

    queria muito ver um Classic com memória flash,mas acredito que a capacidade iria cair,ou então o custo ficaria muito alto

     

     

    A única vantagem de um Classic com memória flash seria ser mais resistente a quedas. E de qualquer forma, não é um aparelho para deixar cair.

    Pois para escutar música o HDD mais lento já sobra velocidade.

     

    Claro que uma das maiores vantagens do iPod classic é ele funcionar também como HD externo. Mas mesmo assim, os novos HDD estão bem rápidos, podendo copiar ele inteiro em alguns minutos.

     

    O que eu queria mesmo era uma atualizada no Classic com relação a porta, design, interface, e talvez um Bluetooth, ou algo assim. Mas manter o HDD, apenas subir bastante a capacidade dele, para uns 500Gb, ou algo assim.

     

    Mas acho bem difícil isso acontecer. Infelizmente o Classic vai continuar como está até morrer...

     

    P.S. Como já foi comentado, a memória flash já faz alguns anos que o preço não cai. Ele chegou em seu limite, e a menos que uma nova tecnologia seja inventada, não teremos grandes reduções de preço.

  20. Vi um comentário (em um site americano) que parece fazer bastante sentido:

     

    Aquela estrutura enorme que estão construindo no lugar onde vai acontecer a keynote pode ser uma casa falsa com todos os elementos de automação já apresentado no iOS 8. Mostrando os produtos e como eles funcionam em conjunto com o iOS 8.

     

    Seria bem legal! Faria o hands-on com os jornalistas nessa casa com tudo funcionando.

  21.  

    E sobre a frase:

    Eu acho que isso pode indicar um novo produto.

    Por isso não podem dizer nada, para não entregar o jogo.

     

    O cold também significa frio.

    E essa brancura toda (que não é muito comum nos convites da Apple) me lembra neve...

    Talvez, assim como o iPhone preto virou cinza espacial, o branco pode virar branco gelo!  :D

     

    P.S. Cold também pode ser resfriado...

     

    E a brancura toda do convite pode ter a ver com a parte da saúde. O Apple Health Kit  do iOS.

    Afinal coisas médicas sempre são brancas.

     

    O que teria ligação direta com o iWatch e seus sensores de saúde.

     

    Será que não pode ser algo por ai?...  :rolleyes:

×
×
  • Criar Novo...