Ir para conteúdo
  • Cadastre-se

itsJhon

Membros
  • Total de itens

    64
  • Registrou-se em

  • Última visita

Sobre itsJhon

  • Data de Nascimento 16-04-1995

Informações do Perfil

  • Sexo
    Masculino

Conquistas de itsJhon

  1. Eu ficaria com esse modelo, vai ser o modelo com melhor desempenho e mais longevidade. O problema é só o SSD de 128GB, mas ai depende do seu uso. Menção importante pro trackpad force touch que é bem melhor que todos os outros. MacBook Pro Retina Early 2015 13 polegadas 2.7 Core i5 dual core 8GB RAM Intel Iris 6100 SSD 128GB R$4.200 Observações: 1 - Não pega o Air 2017 de jeito nenhum, ele é praticamente o Air de 2015 e tem uma tela horrível 2 - Talvez esse MacBook Pro 2014 de 2000 reais compense muito se o problema for só esse, acho que não deve atrapalhar muito no uso 3 - Os modelos 2012 por mais que sejam i7 e tenham placa de vídeo dedicada eu tenho seríssimas dúvidas se o desempenho vai ser melhor que o Pro 2015, vale pegar benchmarks comparando os processadores e placas de vídeo, mas os 3 anos de diferença acho que pesam bastante a favor do 2015
  2. Tentei fazer isso sem meu teclado funcionando e em nenhum lugar encontrei uma solução, acho que realmente não tem como.
  3. Sei que não é a mesma situação, mas comprei meu MacBook com o teclado americano, então os acentos e pontuações ficavam em lugares bem incomuns, mas colocando o ABNT2 os acentos e pontuações voltavam pro lugar que eu estava acostumado em notebooks anteriores, então na hora de digitar era automático, eu já apertava sem olhar pro teclado e funcionava certinho. Você pode fazer isso se o problema for só a localização dos acentos e pontuações. Agora se o problema for visual, de você ver onde tá cada acento e tal, ai você pode colocar adesivos em cada tecla (acho que seria algo bem artesanal, talvez não fique tão bom e tenha que trocar sempre) ou você pode ir atrás daquelas capas de teclado que cobrem ele por completo, se não me engano já vi delas com as teclas de acordo com o padrão que você quer (ABNT no caso).
  4. Acho que compensa mais você anunciar seu MacBook antigo por um preço bem abaixo, sei lá, 1000-1500 reais, e pegar esse dinheiro pra pegar um Pro usado (o Air não vale a pena, a tela dele é muito ruim), sairia bem mais barato que fazer essa troca ai, acho que por 5000 você pega um MacBook Pro bom.
  5. Usei por 4 anos uma pulseira dessas genéricas e nunca tive nenhum problema, nem com a pulseira, nem com o relógio. Detalhe que eu nunca tive nenhum cuidado especial, saia do banho e deixava secar naturalmente, não tirava ela pra limpar nem nada e ela sempre esteve bem conservada, nunca tive oxidação.
  6. itsJhon

    MBA M1: 8 vs 16Gb

    Acho que antes do M1 até dava pra imaginar que profissionais não pagariam um Air, mas agora que ele tem o mesmo processador do Pro imagino muita gente optando por ele já que as únicas diferenças notáveis são a ventoinha e a Touch Bar.
  7. Se não for um problema e tiver um jeito seguro pros dois pra fazer seria legal, pretendo fazer a compra no início de janeiro.
  8. Me animei com a possibilidade do NOMAD, criei a conta, mas na hora de usar o cartão pedem o passaporte e o meu venceu em 2019, infelizmente. Uma pena, queria muito poder comprar o applecare+ de uma forma simples e sem tantas gambiarras e principalmente pagando o preço full, em vez de parcelar.
  9. Amigos, em junho de 2016 comprei um Apple Watch modelo MLC72LL/A. Por 4 anos eu jurava que tinha comprado um Apple Watch Series 1, o segundo modelo lançado (o primeiro seria o Series 0). Mas hoje, muitos anos e Watchs (já que em 2017 a bateria estufou e me deram um novo, em 2020 aconteceu o mesmo e também deram um novo, que vendi e peguei um SE) depois, resolvi pesquisar a data de lançamento do meu antigo e suposto Series 1 e descobri que ele só foi lançado em setembro de 2016. Então como eu poderia ter comprado um Series 1 em junho de 2016? Pelo que pesquisei, o modelo que comprei, MLC72LL/A, é um Series 0, mas eu jurava que era um Series 1. Qual seria a explicação? Acabei comprando um Series 0 em 2016 e vendi um Series 1 em 2020. Uma possibilidade é que na troca que fizeram em 2017 podem ter me dado um Series 1 no lugar do Series 0 e eu nem percebi, seria isso? Enfim, achei muito curiosa a história, estou tentando entender e resolvi compartilhar por aqui kkkkkkk
  10. Meu problema é com as automações, além de precisar desbloquear o iPhone, você precisa clicar na notificação que aparece e rodar manualmente........ a automação. Isso não faz o menor sentido.
  11. Já troquei meu Watch com bateria estufada 2 vezes na Apple, a última vez foi esse mês, mais de 4 anos após a compra. Fui na assistência aqui em Brasília, só mostrei a bateria estufada e trocaram por um Watch novo sem mais questionamentos. Qualquer coisa liga diretamente na Apple e tenta.
  12. Olá amigos, Comprei um iPhone novo e estava na luta pelo AppleCare+. Pelo que li no tópico já não era tão fácil conseguir, precisando de várias gambiarras pra poder conseguir assinar o plano parcelado. Como eu não queria correr o risco de comprar o plano parcelado e ter problemas com o pagamento nos próximos 2 anos, apelei para a ajuda de um amigo que tem um cartão de crédito americano. Foi super simples assinar, criei um Apple ID e coloquei a região EUA (só pra garantir, não sei se é necessário esse passo), abrir a página de venda do AppleCare+ e fiz a compra full price. Levou menos de 10 minutos e deu tudo certo. Quem tiver algum conhecido assim é uma ótima opção, evita a dor de cabeça e simplifica muito o processo, até comentei com esse amigo meu pra ele começar a oferecer esse serviço pra quem quiser assim haha
  13. Olá amigos, desculpa a demora para dar o feedback sobre o ocorrido, mas acabei trocando o celular na loja física mesmo! Meu problema pra devolver para a loja (via correio) é que eu iria viajar no domingo e só teria o sábado para enviar o iPhone pelo correio, talvez os tramites com a Magazine Luiza não ficassem prontos a tempo de fazê-lo no sábado. Aqui em Brasília não temos lojas Magazine Luiza, mas acabei descobrindo que no Goiás sim, inclusive uma a 40km da minha casa. Assim liguei no SAC e confirmei que a troca poderia ser feita nessa loja. Sábado pela tarde fui na loja e fiz a troca na mesma hora, sem problema algum! Acabou sendo uma solução que não cogitei, mas se apresentou na hora certa, assim evitei a burocracia da troca pelo correio e a troca da tela e tempo de espera na assistência. E o melhor de tudo é que estou com um aparelho sem o defeito, que por mais que não atrapalhe no funcionamento, incomodaria bastante durante o uso.
×
×
  • Criar Novo...