Ir para conteúdo
  • Cadastre-se

Placar

Conteúdo Popular

Mostrando conteúdos com a mais alta reputação em 07-06-2021 em todas as áreas

  1. H4K0N3

    iMac 27" 2017 - Possibilidades de Upgrade

    Boa tarde meu caro, tudo bem?! Então, o processo de instalação no SSD Apple Flash PCIe no iMac é bem delicado. Pois tem necessidade de desmonta-lo por completo, para retirar a Logic Board e ter acesso ao slot do SSD PCIe na mesma. Problemas só vão ocorrer em caso de uso de adaptadores e modelos não genuínos e não homologados. No caso do seu MBP 15 eu recomendo usar sem adaptador, e até pegar modelos usados da Apple genuíno, que dependendo da sua necessidade de armazenamento, encontrará preços bem bacanas. Se for para um novo opções mais em conta OWC, Transcend como frisei anteriormente. E fique tranquilo que por padrão eles trabalham acima dos 1000Mbps mesmo geração anterior, comparando-se com atuais M.2 NVMe. Já o processo de limpeza e troca da thermal paste não é tão complexo. Mas, exige atenção e cuidado. Não chega ter um desmonte completo da Logic Board, mas como um conjunto delicado é necessário saber o que está fazendo! Mas se seu Mac nunca foi feito uma revisão, ideal que o faça em local confiável e especializado para devido processo completo! O Fusion Drive na linha de iMac’s pode ter modelos diferente de acordo com ano do iMac. Mas na linha 27 são 128GB e 21.5 pode fica entre 32GB e 128GB, vai depender do tamanho escolhido do HDD, até 1TB 32GB acima de 2TB 128GB. Teve um modelo 21.5 que Apple lançou que foi rotulado na época como “capado” e esse tinha 24GB de SSD + HDD 1TB. Quanto ao geração 2 do USB-C(USB3.2 2x2) 20Gbps é uma boa opção, Mas até o momento nenhum iMac Intel faz uso da mesma. Para obter teria que fazer uso de hubs, adaptadores via TB3 para ter aproveitamento dela. Há não ser o USB 4 (Thunderbolt 4) novos iMacs 24 M1. Mas seria ideal fazer uso em conjunto de dispositivos externos Thunderbolt 3 e obter seu potencial máximo no seu modelo. Abraços! Sent from my iPhone using Tapatalk
    1 ponto
  2. Muito Top, mas me contento com o meu 😂 HACKINTOSH MAC PRO CPU: Intel Core i7 7700 3.60GHz Motherboard: Gigabyte B250M-D3H RAM: Gloway 16GB DDR4 2666Mhz GPU: Gigabyte RX570 4GB 256bit Storage: Corsair NVMe MP400 1TB + Seagate HDD 1TB Wireless: Fenvi T919 1750 Mbps Webcam: Logitech c920 HD Pro CPU Air Cooler: Cooler Master Hyper 212 Turbo White Edition Fans: Id-Cooling XF-12025-SD-W (6x) PSU: Corsair RM650x "Gold full modular" + Rise Mode Sleeved Full White Case: Pichau Gadit X RTB Display: Dell S3221QS Curve 4K 32" Apple Wireless Keyboard + Apple Magic Trackpad System: Apple macOS Big Sur + (VM Parallels Desktop) Microsft Windows 10 Pro
    1 ponto
  3. sigma7

    iMac 27" 2017 - Possibilidades de Upgrade

    @H4K0N3 Nada tenho a dizer, mas sim a pesquisar mais sobre; Como já relatei aqui, desisti de fazer instalação de NVME na placa de meu iMac 2017, que tem slot livre para isso, por um técnico da iPlace dizer que teve experiências de iMac que deram problema. Mas agora estou importando um adaptador, mas é para um MacBook Pro 15"do final de 2013: você acha que possa ter problema de aquecimento ou por ser anterior a 2016 é tranquilo? Se estivesse próximo levaria para você fazer outra coisa, que é trocar a pasta térmica, mas o chip Intel já aparece de cara ao abrir o MacBook ou precisa ir desmontando bastante? Ao menos no iMac 5k 2017 me parece que o flash do Fusion Drive é ainda menor: seriam apenas 32 GB; Para explorar acima de 1.000 Mbps me parece que é obrigatório que a case seja Thunderbolt 3, mas descobri semanas atrás uma exceção, que é um atualização do USB C, chamada de 3.2 gen 2 (ou USB 3.2 gen2x2), que permite 20 Gbps. Placa PCIe para instalar no PC (também tenho um Dell XPS). Desisti de pegar essas soluções por serem mais caras, e acho que ainda teria que comprar cabo USB C compatível com esses 20 Gbps. Mas no caso do cabo, é uma nova confusão, pois encontrei um no AliExpress, mas que diz funcionar apenas com Thunderbolt 3, mas observe que neste caso ainda é o USB C, mas em uma nova versão ou atualização...
    1 ponto
  4. Essa recalibragem que a Apple fez só pode ser uma fraude. O meu 11 estava com 85% antes da recalibragem. Foi pra 88% e agora, cerca de 1 mês depois, já caiu pra 83%. Eles admitiram que existe um erro de leituras imprecisas da saúde da bateria, lançaram esse recurso mas parece não ter resolvido o problema. Esse sistema de relatório da saúde da bateria pode estar com um problema mais sério, talvez no hardware (não necessariamente na bateria). Enfim… muita gente fala pra não se preocupar, e eu realmente tinha parado de ficar preocupado com isso. Até que a Apple admitiu haver um problema e lançou essa recalibragem que não funcionou. O problema é que essa leitura imprecisa, fornecendo uma capacidade da bateria menor e diferente da real, acaba por afetar a autonomia. Tenho um amigo com um iPhone X há 2 anos, 750 ciclos e 91% de saúde. Meu 11 tem 1 ano e meio, 520 ciclos e 83%. Enviado do meu iPhone usando Tapatalk
    1 ponto
  5. Olá! Bom dia. Tudo bem?! Sim! Suporta até 32GB. Agora recomendo uso de memórias Corsair Mac Memory. Quais são homologadas pela Apple e podem obter 30% de performance em aplicações testadas Final Cut, Adobe Premiere, Photoshop e afins. E quanto a GPU. Pode sim ser efeito upgrade com modelo modelos das linhas abaixo: GTX 765M 2 GB (75W) GTX 770M 3 GB (75W) GTX 780M 4 GB (100W) GTX 860M 4 GB (75W) GTX 870M 3 GB (100W) GTX 880M 4 GB (122W) Quadro K1000M 2 GB (45W) Quadro K1100M 2 GB (45W) Quadro K2000M 2 GB (55W) Quadro K2100M 2 GB (55W) Quadro K3100M 4 GB (75W) Quadro K4100M 4 GB (100W) Quadro K5000M 4 GB (100W) Quadro K5100M 8 GB (100W Observado que há um processo a ser seguido na alteração do VBIOS da placa ser usada. Para pleno funcionamento da mesma e migrar ao Mojave ou Cataclisma ops Catalina. Então recomendado levar para um técnico especializado para o procedimento. Abraços! Sent from my iPhone using Tapatalk
    1 ponto
  6. Olá! Bom dia. Tudo bem?! Meus caros, deixa-me esclarecer alguns itens para vocês. 1. Apple usa em seus Macs desde primeiro MacBook Air e a partir de meados de 2012 em MacBooks Retinas, iMacs e Mac Pro SSD de arquiteta proprietária dela. Nomenclaturando-se “Apple Flash PCIe” não são os mesmos M.2 pois possuírem pinos de conexão diferentes, e uso do padrão mSATA, e protocolo AHCI, dando início ao uso do protocolo NVMe na Geração 5B do seu SSD Apple Flash PCIe nos Macs 2016 em diante! 2. Para se usar um M.2 NVME seja ele marcas renomadas como: Samsung, CrucIal, Kingston, Sandisk, Corsair e afins. Tem a necessidade de uso de um adaptador genérico, qual não recomendo, apesar de funcional. Por aspectos de temperatura e danos futuros a logic board do Mac. O recomendável é uso do genuíno da Apple ou modelos da OWC e Transcend. Que são homologados pela mesma e tendo plena confiabilidade em sua operação. Mesmo que já tenha no mercado modelos não tão conhecidos e com baixa perfomance qual é o caso do KingSpec compatíveis sem uso do adaptador. 3. O Fusion Drive nada mais é que mais uma nomenclatura da Apple, que já gosta de rotular tudo em sua propriedade. Onde é um HDD + SSD Apple Flash PCIe, que vai variar de tamanho(64GB,128GB,256GB) o SSD Apple de acordo com configuração adquirida do iMac. Não é como o rapaz disse aí: “tira o fusion drive, pinta de verde e joga no mato” ele não é um hardware específico. E sim o conjunto de dois destintos configurado via software. Para obter melhor performance e armazenando, ao macOS e aplicações. 4. USB-C e Thunderbolt 3 são protocolos de hardwares diferentes. Ainda que compartilhem do conector físico de conexão do mesmo. Porém, um vai até 10Gbps para USB-C e 40Gbps para Thunderbolt 3 (USB-C). Prestem atenção aos enclosures que vão comprar e com cabos que tem número “3” indicando que são compatíveis com Thunderbolt 3 em sua velocidade máxima. Um enclosure por exemplo para um M.2 NVMe Samsung 970 EVO pode chegar entre 1.300Mbps/2.400Mbps (Escrita/Leitura). Evidente que isso pode varia de acordo com fabricante só M.2 e chip controlador do enclosure usados. Podendo chegar ao potencial máximo do 40Gbps (5.000Mbps) do Thunderbolt 3. E por fim, uma pena que não são da minha cidade. Senão faria o upgrade do SSD Apple genuíno ou homologados confiáveis para vocês. Tranquilamente! Além de uma devida revisão é claro. Pois trabalho com Apple há 20 anos! Há não ser que enviem para mim. Pois recebo Macs de todo o Brasil. Abraços. Sent from my iPhone using Tapatalk
    1 ponto
  7. marcosfisica

    Grupo no iMessage (Yags)

    edita enquanto ainda dá tempo brother...
    1 ponto
  8. fabiofsl

    AirPods Pro e atividade física

    Eu tive um AirPods geração 1 depois da baixa performance da bateria, sério resolvi ir pra marcas concorrentes mesmo perdendo um pouco de qualidade mais a durabilidade da bateria e custo benefício compensa. E ultimamente sabemos que infelizmente bateria tem vida útil e com os preços praticados pela maçã tornam ao menos no Brasil um quesito a pensar ao adquirir estes itens. uma opinião claro
    1 ponto
  9. 1) baixa o el capitan: http://macinstallers.tech/#downloads (pode ser no mac rodando leopard ou snow leopard mesmo) 2) cria um pendrive de boot: esse vídeo é com instruções pro Snow leopard, mas pro El Capitan é exatamente a mesma coisa. só substituindo o arquivo de imagem pelo El Capitan. 3) depois é só ligar o mac com o pendrive em alguma porta usb e segurar a tecla "option", selecionar o pendrive pra dar o boot e seguir o passo a passo da instalação. é mumuzinho. não precisa levar em nenhum técnico. Ahh, um detalhe.depois de criar o pendrive de boot, antes de reiniciar o mac pra começar a instalação do El Capitan, muda a data do sistema pra uma data mais próxima do lançamento do El Capitan. O sistema foi lançado em 30/09/2015, então coloca a data do sistema pra 02/11/2015 por exemplo. Depois de instalado aí corrige novamente a data pro dia certo.
    1 ponto
Este ranking está baseado em São Paulo/GMT-03:00


×
×
  • Criar Novo...